Publicidade
Publicidade
Trabalhar loucamente X Viajar e se divertir
PublishNews, 17/03/2011
Trabalhar loucamente X Viajar e se divertir

As pessoas com empregos “normais” que vão até a firma todos os dias não têm muita escapatória e precisam esperar os feriados e férias para conseguirem viajar, pegando trânsitos homéricos e passando raiva. O freelancer, na teoria, não deveria se preocupar com essas coisas, mas agora eu pergunto, colega freela, você aproveita a sua liberdade?

Aposto que não. Por causa das distrações existentes em casa, acaba trabalhando mais horas por dia e mais dias por semana (em geral de segunda a segunda), afinal, o computador está ali mesmo, você está de bobeira e seu prazo está chegando. Viajar? Nem pensar, tenho que terminar isso, entregar aquilo ou fazer aquela outra coisa.

Pois digo que sim, você pode viajar. Sim, você deve se controlar para não trabalhar o tempo inteiro, senão chegará a um ponto que o trabalho não vai render. E a chave para isso é o mesmo que falei na coluna passada, a disciplina, que é a base principal para quem trabalha em casa. É importante que a meta que você se imponha por dia também tenha uma base de horas para que não faça só isso.

Há um mês, na época de lançamento da minha primeira coluna, tive que fazer uma viagem de última hora para Houston (de uma semana) para resolver uns problemas familiares, mas também estava na fase final da entrega de tradução de um livro. Não tive dúvida e fui, levei meu laptop e me impus algumas metas. Não consegui cumprir 100%, mas trabalhei todos os dias e não fiquei desesperado ao voltar tendo o prazo de entrega próximo.

Mas volto a frisar a importância da disciplina, principalmente se você estiver viajando com esposa (marido), namorada (o) ou amigos, que vão querer que você saia, aproveite, desencane e com isso a tentação de não trabalhar triplica. Por outro lado, também não adianta você ser o chato que não faz nada, leva o computador para a praia, não sai a noite, pra fazer isso é melhor nem ir. Você pode (e deve) balancear seu tempo para poder trabalhar um pouco (em geral gosto de acordar cedo e resolver logo a parte do trabalho) e se divertir no resto do tempo.

O mesmo vale para os dias comuns, você pode aproveitar e ir ao cinema na hora do almoço que está mais vazio e é mais barato e trabalhar antes e depois disso. Eu, por exemplo, quando vejo que está dando onda, pego um dia da semana, acordo muito cedo, vou surfar no Guarujá (uma hora de SP) e por volta de meio-dia já estou de volta e posso trabalhar a tarde e a noite. Mas levei bastante tempo para me convencer de que poderia fazer isso.

O bom de ser freela é exatamente o fato de ser livre, de poder trabalhar em qualquer lugar e a qualquer hora graças aos avanços tecnológicos. Por isso é negócio é ter um laptop, internet móvel e pronto, você está livre para fazer seu trabalho de qualquer lugar, mas também não deixe de aproveitar a vida, pois com isso sua cabeça ficará mais tranquila e seu trabalho renderá melhor. 

Cassius Medauar (@cassiusmedauar) é formado em Jornalismo pela Cásper Líbero e está no mercado editorial há quase vinte anos, tendo trabalhado como editor na Conrad, Pixel e Ediouro, além de também ter passado pela editora Abril. Fanático por quadrinhos, cultura pop em geral e esportes, trabalhou como tradutor e jornalista freelancer durante alguns anos, tendo traduzido Beber, Jogar e F@#er, O vendedor de armas, a série Dexter, Um otimista incorrigível (biografia de Michael Fox) e Cicatrizes (HQ), entre outros. Atualmente, é Gerente de Conteúdo da Editora JBC, onde é o responsável pela linha de mangás e HQs da editora. Sua coluna mensal agora aborda principalmente o mercado de quadrinhos, mas assuntos como mercado geek, trabalho freelancer, surfe e futebol podem marcar presença.

Publicidade

BR75

A BR75 desenvolve soluções personalizadas de criação e edição de texto, design gráfico para publicações impressas e em outras mídias e coordena sua produção editorial. Cuidamos de todas as etapas, conforme as necessidades e características de seu projeto, e sua empresa ganha em eficiência e qualidade. Quer saber mais? Fale com a gente ou agende uma visita!

Leia também
Em sua coluna, Cassius fala sobre a importância da presença dos quadrinhos no Prêmio Jabuti e na Comic Con Experience
Nosso colunista Cassius Medauar esteve na exposição 'Quadrinhos', no MIS-SP, e conta o que viu por lá
Cassius Medauar retoma a sua coluna no PublishNews dando dicas de como conhecer o mundo das Histórias em Quadrinhos
Você vai levando a sua vidinha de freelancer, mas de repente aparece aquela proposta. E agora?
Em sua coluna, Cassius Medauar dá sete dicas para quem quer começar a vida de freela
Publicidade

Mais de 13 mil pessoas recebem todos os dias a newsletter do PublishNews em suas caixas postais. Desta forma, elas estão sempre atualizadas com as últimas notícias do mercado editorial. Disparamos o informativo sempre antes do meio-dia e, graças ao nosso trabalho de edição e curadoria, você não precisa mais do que 10 minutos para ficar por dentro das novidades. E o melhor: É gratuito! Não perca tempo, clique aqui e assine agora mesmo a newsletter do PublishNews.

Outras colunas
Toda semana você confere uma nova tira dos passarinhos Hector e Afonso
Em sua nova crônica, Luciana Pinsky conta a história de uma mulher que recebe um livro misterioso que acaba tirando o seu sono
Em sua coluna, Paulo Tedesco dá sua opinião sobre os reais motivos para a crise do mercado editorial: 'Não há crise de leitura, definitivamente'
Toda semana você confere uma nova tira dos passarinhos Hector e Afonso
Em sua coluna, Henrique Rodrigues analisa outros lados da cadeia produtiva da literatura
Escrevo a partir do que incomoda em mim mesmo.
Paulo Scott
Escritor brasileiro
Publicidade
Publicidade

Você está buscando um emprego no mercado editorial? O PublishNews oferece um banco de vagas abertas em diversas empresas da cadeia do livro. E se você quiser anunciar uma vaga em sua empresa, entre em contato.

Procurar

Precisando de um capista, de um diagramador ou de uma gráfica? Ou de um conversor de e-books? Seja o que for, você poderá encontrar no nosso Guia de Fornecedores. E para anunciar sua empresa, entre em contato.

Procurar

O PublishNews nasceu como uma newsletter. E esta continua sendo nossa principal ferramenta de comunicação. Quer receber diariamente todas as notícias do mundo do livro resumidas em um parágrafo?

Assinar