Publicidade
Publicidade
‘Eu adoro contrato’
PublishNews, Leonardo Neto, 29/10/2020
Anna Luiza Cardoso é a quarta finalista do Prêmio Jovens Talentos a participar do PublishNews Entrevista

Filha de pai advogado, Anna Luiza Cardoso não teve muita dúvida na hora de escolher qual profissão seguiria: iria pelo mesmo caminho do pai. E foi. Já estava no quarto ano de faculdade quando viu que não era bem aquilo o que queria. O pai foi o primeiro a dizer: “se não é o que você quer, troque!”. Ela trocou e entrou pras Letras. Estava pavimentado o caminho que ela seguiria dali em diante. “Acabou que eu uso pra caramba o que eu aprendi na faculdade de Direito no meu trabalho hoje em dia. Consegui juntar dois campos que me interessam bastante que são a literatura e essa parte mais burocrática. Eu adoro contrato. Eu sou tipo a louca do contrato”, disse rindo na conversa que teve com André Argolo, comandante do PublishNews Entrevista, programa da PNTV que quer formar um arquivo da memória editorial brasileira e que tem recebido os cinco finalistas do Prêmio Jovens Talentos. Antes da Anna, já passaram pela sabatina com Argolo o editor André Fonseca (Citadel), o coordenador de comunicação Kim Dória (Boitempo) e a gestora estratégica Verena Borelli (Belas Letras).

A mudança de curso coincidiu com a fundação da agência Villas-Boas & Moss, de Luciana Villas-Boas, mãe de uma grande amiga de Anna. Luciana resolveu, então, convidar a amiga da filha para estagiar na empresa recém-fundada. “Amei! Nunca mais saí”, disse a Argolo. Não só não saiu como se tornou sócia do negócio.

No papo, Anna fez reflexões importantes sobre o seu métier. Ressaltou as diferenças entre o trabalho com coagentes internacionais e a lida direta com autores nacionais que depositam na sua obra muita expectativa. Falou também da relação da literatura com o audiovisual, frente que ganhou força na VB&M nos últimos tempos. “Acompanhar o processo de transformação de um livro em um produto audiovisual é muito interessante”, disse. E ela tem experiência nisso. Um dos trabalhos mais notáveis na agência foi a identificação do potencial do livro A vida invisível de Eurídice Gusmão (Companhia das Letras), de Martha Batalha, que teve enorme sucesso (tanto o livro quanto o filme, dirigido por Karim Aïnouz).

Ela conta que o original de Eurídice Gusmão chegou em 2014, pelo próprio site da agência, que tem uma área para que autores submetam as 15 primeiras páginas dos seus trabalhos. “Eu e a Luciana vimos separadamente. As duas leram. A gente chegou no dia seguinte na agência, olhou uma pra outra e falou: 'você viu aquele e-mail que chegou ontem pelo site?’”, contou. Elas pediram o original inteiro. “Ela mandou e era maravilhoso”, completou.

Antes mesmo de o livro ser editado no Brasil, a editora alemã Suhrkamp fez uma oferta durante a Feira do Livro de Frankfurt de 2015. “Falamos: ‘Yes! Que bom que acreditamos neste livro’”, disse. A oferta antecipada da Suhrkamp acabou criando um hype em torno do livro que foi vendido para a Itália, Espanha, Portugal e Inglaterra.

O retorno ao Brasil foi marcado pela pressão. Elas precisavam apresentar um original já editado para as editoras internacionais. Nessa altura, o título tinha sido vendido para uma casa independente aqui no Brasil, muito porque a editora de aquisição se apaixonou pelo livro. Anna, sem revelar o nome da profissional, conta que no meio tempo, ela foi demitida e o livro ficou à deriva. “A gente saiu à caça. Batemos na porta de todas as editoras”, contou. Em um leilão, a Companhia das Letras arrematou o título e publicou. Em paralelo a isso, o produtor cinematográfico Rodrigo Teixeira comprou os direitos do filme. “Foi o filme mais rápido que já vi na minha vida. O Rodrigo comprou em 2015 e em 2019 o filme estava ganhando prêmio em Cannes”, observou a agente.

O PublishNews Entrevista é um oferecimento do #coisadelivreiro, consultoria em marketing e inteligência de negócios para o mercado editorial. Além de estar disponível no canal do PublishNews no YouTube, este episódio está disponível em áudio também pelas plataformas digitais: Spotify, iTunes, Google Podcasts e Overcast.

A PublishNewsTV reúne entrevistas e reportagens especiais do PublishNews

Publicidade

A Alta Novel é um selo novo que transita entre vários segmentos e busca unir diferentes gêneros com publicações que inspirem leitores de diferentes idades, mostrando um compromisso com qualidade e diversidade. Conheça nossos livros clicando aqui!

Leia também
Economista e sociólogo, o autor de 17 obras publicadas desde 1981 faz relatos de seu cotidiano em livrarias e, a partir deles, discute o momento do mercado editorial
Agente literária foi a primeira sabatinada de 2022 e falou sobre o papel do agente, do câmbio, da internacionalização da literatura brasileira e dos programas de apoio à tradução
Fundador e CEO da Companhia das Letras falou da cena de editoras independentes, lei do preço comum, consignação e da sua relação com as livrarias
Marcos Guedes foi o quinto convidado do Sabatina PublishNews. O executivo foi entrevistado por Marcos da Veiga Pereira, Judith de Almeida, Leonardo Neto e Talita Facchini.
No Sabatina PublishNews, Marcos da Veiga Pereira fez um balanço dos sete anos em que esteve à frente do SNEL e resumiu: ‘o convencimento foi a marca da gestão’
Publicidade

Mais de 13 mil pessoas recebem todos os dias a newsletter do PublishNews em suas caixas postais. Desta forma, elas estão sempre atualizadas com as últimas notícias do mercado editorial. Disparamos o informativo sempre antes do meio-dia e, graças ao nosso trabalho de edição e curadoria, você não precisa mais do que 10 minutos para ficar por dentro das novidades. E o melhor: É gratuito! Não perca tempo, clique aqui e assine agora mesmo a newsletter do PublishNews.

Outras colunas
Todas as sextas-feiras você confere uma tira dos passarinhos Hector e Afonso
As ruas foram tomadas por um público leitor majoritariamente jovem que me deu esperança de um futuro urgente
Publicado pela Giostri, 'Brancos não sabem pedalar', de Vanderson Castilho Munhoz, se passa em 2035, em um Brasil governador por um ditador que apoia o domínio no futebol brasileiro do Clube de Regatas Flamengo
Obra escrita por Paula Carminatti faz parte da duologia 'Ária de Yu'
Escrita por Juily Manghirmalani, 'Vivências asiático-brasileiras: raça, identidade e gênero' aborda questões como identidade cultural, autorreconhecimento, conflitos geracionais e construção de mitos sobre os povos asiáticos
O artista transgride a cada frase que escreve. Se não for assim, a literatura desaparece.
Raimundo Carrero
Escritor brasileiro
Publicidade

Você está buscando um emprego no mercado editorial? O PublishNews oferece um banco de vagas abertas em diversas empresas da cadeia do livro. E se você quiser anunciar uma vaga em sua empresa, entre em contato.

Procurar

Precisando de um capista, de um diagramador ou de uma gráfica? Ou de um conversor de e-books? Seja o que for, você poderá encontrar no nosso Guia de Fornecedores. E para anunciar sua empresa, entre em contato.

Procurar

O PublishNews nasceu como uma newsletter. E esta continua sendo nossa principal ferramenta de comunicação. Quer receber diariamente todas as notícias do mundo do livro resumidas em um parágrafo?

Assinar