Publicidade
Publicidade
Mas afinal, para que serve o Prêmio Avena PublishNews?
PublishNews, Pedro Almeida, 05/03/2018
Em sua coluna, Pedro Almeida ressalta a importância do prêmio que dá reconhecimento aos profissionais de venda e de marketing por trás dos livros mais vendidos no Brasil

Cerimônia do Prêmio Avena PublishNews acontece no próximo dia 19, em São Paulo
Cerimônia do Prêmio Avena PublishNews acontece no próximo dia 19, em São Paulo

Estamos às portas de mais uma edição do Prêmio Avena PublishNews. Toda iniciativa que promove o livro, os profissionais da área, as pessoas dos bastidores trazem uma contribuição enorme ao mercado editorial. Há muitos prêmios por se criar. Por exemplo, algum que premie os livros nacionais de gêneros que não recebem atenção dos cadernos culturais e das premiações tradicionais, como os romances de gênero, também chamados de livros comerciais. Mas é preciso louvar todo investimento da iniciativa privada que ajuda a promover as literaturas.

Há, por parte do público, enorme curiosidade sobre nossa indústria e poucos tem acesso às pessoas que realmente fazem tudo acontecer. Alguns acreditam que o mercado é composto apenas por intelectuais, gente de fala complexa capaz de intimidar qualquer interlocutor comum. Não é bem assim: o setor vai muito além dos editores de livros. E o Avena PublishNews premia não só os autores mais vendidos, mas também os profissionais das áreas de vendas e marketing que são também os grandes responsáveis pelo sucesso.

E, nesse evento, ainda há uma grande oportunidade para aprender sobre os cases, conhecer essas pessoas de bastidores e confirmar o que se fala das pessoas que começam a trabalhar com livros: quem é picado pela febre do livro vira um aficionado para o resto da vida.

[A segunda edição do Prêmio Avena PublishNews acontece no dia 19 de março, na Unibes Cultural (Rua Oscar Freire, 2.500 – São Paulo / SP). Quem quiser participar do evento, basta preencher o formulário].

Pedro Almeida é jornalista e professor de literatura, com curso de Marketing pela Universidade de Berkeley. Autor de diversos livros, dentre eles alguns ligados aos animais, uma de suas paixões, trabalha no mercado editorial há 20 anos. Foi publisher em editoras como Ediouro, Novo Conceito, LeYa e Lafonte. Atualmente inicia uma nova etapa de sua carreira, lançando a própria editora: Faro Editorial.

Sua coluna traz exemplos recolhidos do cinema que ajudam a entender como funciona o mercado editorial na prática. Como é o trabalho de um ghost writer? O que está em jogo na hora de contratar um original? Como transformar um autor em um best-seller? Muitas dessas questões tão corriqueiras para um editor são o pano de fundo de alguns filmes que já passaram pelas nossas vidas. Quem quer trabalhar no mercado editorial encontrará nesses filmes algumas lições importantes. Quem já trabalha terá com quem “dividir o isolamento”, um dos estigmas dos editores de livros. Pedro Almeida coleciona alguns exemplos e vai comentá-los uma vez por mês.

Publicidade

BR75

A BR75 desenvolve soluções personalizadas de criação e edição de texto, design gráfico para publicações impressas e em outras mídias e coordena sua produção editorial. Cuidamos de todas as etapas, conforme as necessidades e características de seu projeto, e sua empresa ganha em eficiência e qualidade. Quer saber mais? Fale com a gente ou agende uma visita!

Leia também
Sobre o início da operação de livros pelo Magazine Luiza, Pedro Almeida alerta: “Abrir mais um canal de vendas que tenha como diferencial o preço não incrementa tanto a leitura como desejamos"
Em sua coluna, Pedro Almeida lança um novo olhar sobre a formação de leitores e elenca dez dicas para torná-la mais atrativa aos jovens
Em sua coluna Pedro Almeida lança um olhar sobre a experiência de outros países em criar institutos que levam a sua cultura para o exterior e se pergunta: por que o Brasil não investe nisso?
Em sua coluna, Pedro Almeida analisa o potencial do nosso soft power e em como a literatura pode ajudar a alavancá-lo
Ou, a quem cabe a internacionalização da nossa literatura? Pedro Almeida responde.
Publicidade

Mais de 13 mil pessoas recebem todos os dias a newsletter do PublishNews em suas caixas postais. Desta forma, elas estão sempre atualizadas com as últimas notícias do mercado editorial. Disparamos o informativo sempre antes do meio-dia e, graças ao nosso trabalho de edição e curadoria, você não precisa mais do que 10 minutos para ficar por dentro das novidades. E o melhor: É gratuito! Não perca tempo, clique aqui e assine agora mesmo a newsletter do PublishNews.

Outras colunas
Toda semana você confere uma nova tira dos passarinhos Hector e Afonso
Em sua coluna, Henrique Rodrigues analisa os formatos e impasses na seleção de nomes para eventos culturais
Em sua coluna, Luciana Pinsky se pergunta como seria tornar-se homem por um dia?
Em sua coluna, Marcio Coelho fala sobre os leitores, o mercado editorial brasileiro e como muitas vezes, não enxergamos a verdade dos fatos e achamos que a situação é ainda pior do que parece
Toda semana você confere uma nova tira dos passarinhos Hector e Afonso
Não há nenhum escritor que não se deixe embrulhar pelo universo do mundo das crianças.
Manuel Rui
Escritor angolano
Publicidade
Publicidade

Você está buscando um emprego no mercado editorial? O PublishNews oferece um banco de vagas abertas em diversas empresas da cadeia do livro. E se você quiser anunciar uma vaga em sua empresa, entre em contato.

Procurar

Precisando de um capista, de um diagramador ou de uma gráfica? Ou de um conversor de e-books? Seja o que for, você poderá encontrar no nosso Guia de Fornecedores. E para anunciar sua empresa, entre em contato.

Procurar

O PublishNews nasceu como uma newsletter. E esta continua sendo nossa principal ferramenta de comunicação. Quer receber diariamente todas as notícias do mundo do livro resumidas em um parágrafo?

Assinar