Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 19/08/2019
Somos especialistas em criação de projeto gráficos, diagramação de grandes materiais, tratamento de imagens e tradução e revisão de laudas.
Há 14 anos no mercado, representa cerca de 400 editoras do comércio varejista de livros. Tem aproximadamente 820 mil títulos em estoque, e cerca de 400 novos títulos ao mês.
Uma empresa com 13 livrarias físicas pelo Brasil e uma das principais livrarias online do país, com títulos de inúmeras categorias das melhores editoras, abrangendo didáticos, jurídicos, livros de ficção, entre outros.
PublishNews, Redação, 19/08/2019

Pelo projeto de lei aprovado na Câmara, bibliotecas escolares passam a ser algo além de 'coleção de livros' destinada à consulta, pesquiso, estudo e leitura | © Eduardo Aigner / Divulgação FNDEOs deputados que compõem a Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania (CCJC) da Câmara aprovaram, no fim da semana passada, a proposta de alteração da Lei das Bibliotecas e das Bibliotecas Escolares (Lei 12.244 de 2010), que prevê prazo para a universalização das bibliotecas em escolas (públicas e privadas) brasileiras até maio do ano que vem. O último Censo Escolar, de 2016, apontou que apenas 21% das 217 mil escolas públicas brasileiras contavam com bibliotecas. Esse índice sobe um pouco, para 38%, quando se fala da rede privada. Diante da evidente impossibilidade de implementação desta meta, o projeto de lei (PL) de autoria da deputada Carmen Zanotto (Cidadania / SC) e da ex-deputada Laura Caneiro (DEM / RJ) modifica o conceito de biblioteca escolar; adia para 2024 o prazo para consolidação da meta e ainda cria o Sistema Nacional de Bibliotecas Escolares (SNBE). Clique no Leia Mais e entenda.

PublishNews, Redação, 19/08/2019

Neste final de semana, a Folha noticiou que a Cultura pretende vender a Estante Virtual, plataforma on-line de comercialização de livros. Segundo a empresa, a medida é considerada essencial para a manutenção das atividades do grupo, que teve seu plano de recuperação judicial aprovado em abril. A Estante Virtual foi adquirida pelo grupo em dezembro de 2017, ano em que a Cultura, no seu projeto de expansão, incorporou também a subsidiária brasileira e as respectivas operações da Fnac. A decisão de vender a Estante Virtual foi comunicada à Justiça de São Paulo na última quarta-feira (14) e precisa ainda ser aprovada em nova assembleia de credores, que deve se reunir no dia 5 de setembro. A Carta Capital repercutiu a história da Livraria Leonardo da Vinci. Em maio, ela viralizou na internet depois de mandar um exemplar sem um pedaço de A Metamorfose, de Kafka, e uma carta endereçada ao ministro da Educação, Abraham Weintraub, por conta dos cortes de recursos das universidades federais. Agora, a livraria ofereceu uma promoção exclusiva para dois membros da Operação Lava Jato: Sérgio Moro e Deltan Dallagnol. A coluna da Babel trouxe os resultados da pesquisa encomendada pela Dorina Nowill que revelou os hábitos de leitura das pessoas com deficiência visual. A pesquisa constatou que a maioria é mulher com escolaridade elevada, e que 39% dos entrevistados leem todos os dias. Clique no Leia Mais para ter acesso à íntegra desta nota.

PublishNews, Redação, 19/08/2019

Nesse mês de agosto, a Catavento, uma das distribuidoras mais atuantes do mercado livreiro brasileiro, completou 55 anos, com festa surpresa, bolo e tudo mais. Daí que o Podcast do PublishNews resolveu convidar Julio Cesar da Cruz e Roberto Novaes, que capitaneiam a casa, para uma conversa. Eles contaram um pouco de como foi o início da empresa; como têm enfrentado a crise e como veem o futuro do negócio do livro. O programa contou ainda com a participação de Raquel Menezes, a última ganhadora do Prêmio Jovens Talentos a participar do Podcast e com os tradicionais comentários da nossa equipe sobre aquilo que foi destaque no nosso noticiário e os livros e os audiolivros mais vendidos na semana. Clique no Leia Mais e confira como ficou o programa.

PublishNews, Marcio Coelho, 19/08/2019

Tenho feito assessoria para autores independentes e a pergunta que mais ouço é: você consegue uma editora bacana pra mim? Quando escrevemos alguma coisa, obviamente queremos que aquilo alcance o maior número de leitores e, se possível, que mude a vida de alguém de maneira positiva. Quero que este próprio artigo, por exemplo, seja lido e compartilhado. Além desse trabalho com autores independentes, dou aulas no MBA e nos cursos livres da Casa Educação, sempre voltados para o mercado editorial. Meus alunos também vêm com uma pergunta positiva, mas carregada de medo: será que consigo trabalhar no mercado editorial? Quando converso com editores e amigos do mercado, sempre surge a frase: é, não está fácil, não, estou já pensando num plano B. Leia-se plano B como uma maneira de sair do mercado editorial, como eu também já pensei um dia, e partir para outra carreira. Vale a pena ficar "no livro"? Clique no Leia Mais e saiba a opinião de Marcio Coelho.

PublishNews, Luciana Pinsky, 19/08/2019

Outro dia recebi um ultimato de uma amiga editora. "Se ainda me quer como leitora e divulgadora de seus textos ficcionais, pare de ser tão soturna. Você só fala de relacionamentos que não acontecem ou que acabam. É muita desgraça. Escreva uma história feliz". E eu que nunca me considerei cronista de fossa, que nunca julguei meus textos tão lúgubres assim (ok, um ou outro talvez arranquem uma lágrima aqui, outra acolá, mas é só ouvir Pedaço de mim para saber o que é triste de verdade), aceitei o desafio. "Mas, sobre o que você quer que eu escreva?". "Ora, você nunca fala de casamento. Pronto, faça uma crônica sobre casamento". Opa, então casamento é sinônimo de felicidade. Que maravilha. Fui investigar. Sim, porque quem diz que crônica não exige pesquisa nunca teve lagosta como protagonista. Clique no Leia Mais e saiba o resultado de tal demanda.

PublishNews, Redação, 16/08/2019

Até o dia 10 de setembro, a Casa Educação oferece desconto de 30% para os interessados em participar do curso Como editar materiais didáticos, coordenado por Lauri Cericato. Oferecido no formato a distância, com aulas transmitidas ao vivo, com participação dos alunos via chat, o curso tem a finalidade de transformar carreiras diante dos novos rumos da educação brasileira e da necessidade de edição de novos materiais didáticos. Destina-se a profissionais que desejam atuar ou se especializar na carreira editorial de livros didáticos e sistema de ensino. As aulas começam no dia 24 de setembro e acontecem sempre às terças e quintas, às 19h. Para mais informações clique aqui.

PublishNews, Redação, 19/08/2019

Autor de clássicos da literatura moderna como os romances O Estrangeiro e A Peste, prêmio Nobel de Literatura de 1957, o escritor francês Albert Camus esteve no Brasil em 1949. Ao longo de dois meses, julho e agosto, Camus percorreu diversas cidades e manteve contato com importantes intelectuais e artistas – como Manuel Bandeira, Aníbal Machado, Murilo Mendes e Dorival Caymmi. A experiência brasileira deixou marcas profundas no imaginário e na obra do escritor morto prematuramente em 1960 na França, aos 46 anos, num acidente de automóvel. Para celebrar os 70 anos do encontro de um dos maiores escritores do século XX com o Brasil, a Editora Record e os herdeiros do autor – através da Succession Albert Camus – organizam em São Paulo, entre 20 e 31 de agosto, o ciclo de eventos Camus: um Estrangeiro no Brasil. A programação abre nesta terça, às 20h, no Teatro Anchieta/Sesc Consolação (Rua Dr. Vila Nova, 245) com o ator Tony Ramos, que lerá a conferência O tempo dos assassinos, texto que será publicado pela primeira vez em português no livro Camus, o viajante. O ciclo inclui ainda exposição fotográfica na Casa das Rosas, mostra de cinema no Cine Petra Belas Artes, apresentação musical no Sesc Avenida Paulista e leituras dramáticas na Casa Amarela Espaço Cultural e na Aldeia Satélite Espaço Cultural. O projeto tem a curadoria do jornalista Manuel da Costa Pinto e a programação completa você confere clicando aqui.

PublishNews, Redação, 19/08/2019

O que é, afinal, o sonho? Para que ele serve? Como extrair sentido de seus tantos símbolos, repletos de detalhes e significados? Em O oráculo da noite (Companhia das Letras, 462 pp, R$ 79,90), o neurocientista Sidarta Ribeiro responde a essas e muitas outras questões sobre um dos grandes enigmas da humanidade ao recuperar narrativas literárias e históricas do mundo todo. Ele mostra como os sonhos eram importantes às civilizações antigas, como no Egito e na Grécia, situando-os no cerne da ciência e da política, ou como as culturas ameríndias preservam alguns dos exemplos mais bem documentados de profecias oníricas capazes de guiar povos inteiros. Ao mobilizar os principais debates da psicanálise, da medicina, da biologia molecular e da neurofisiologia, O oráculo da noite apresenta uma história da mente humana pelo fio condutor do sonho.

“Todo escritor acredita na valia do que escreve. Se mostra, é por vaidade. Se não mostra, é por vaidade também.”
Mário de Andrade
Escritor brasileiro (1893-1945)
1.
A sutil arte de ligar o foda-se
2.
Do mil ao milhão
3.
O milagre da manhã
4.
Seja foda!
5.
Mais esperto que o diabo
6.
O poder da autorresponsabilidade
7.
F*deu geral
8.
Nunca foi sorte
9.
Sapiens
10.
A garota do lago
 
PublishNews, Redação, 19/08/2019

Transtorno cada vez mais comum nos tempos modernos, a depressão é um monstro que assusta tanto quem sente seus efeitos, como quem convive com seus portadores. Em seu novo livro, Depressão não é fraqueza (Alaúde, 312 pp, R$ 39,90), o neurologista Leandro Teles desvenda inúmeros aspectos do transtorno depressivo. Ao longo dos capítulos, o autor demonstra a diferença entre tristeza e depressão e ensina o leitor a reconhecer em si e nas pessoas que estão ao seu redor os sintomas da doença, além de mostrar por que essa doença afeta milhares de pessoas no planeta. Em uma obra abrangente e acessível, o autor mostra que, com conhecimento e informação, podemos enfrentar o preconceito, pedir ajuda, encontrar tratamento, ser mais fortes.

 
©2001-2019 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.