Publicidade
Publicidade
'Ser escritor na minha família é falta de imaginação'
PublishNews, Leonardo Neto e Talita Facchini, 12/11/2020
Autor e presidente da UBE, Ricardo Ramos Filho, neto de Graciliano Ramos, está nas lentes do PublishNews Entrevista desta semana

Autor de vasta obra dedicada predominantemente a jovens e crianças e atual presidente da União Brasileira de Escritores (UBE), Ricardo Ramos Filho está nas lentes do PublishNews Entrevista desta semana, programa da PublishNewsTV que quer formar um arquivo da memória editorial brasileira.

Filho de Ricardo Ramos e neto de Graciliano Ramos, em sua conversa com André Argolo ele falou sobre o início "tardio" no ramo da literatura. "Em um determinado momento da vida, todo jovem se pergunta ‘o que vou ser quando crescer?’ e a resposta que eu dei pra mim mesmo foi ‘qualquer coisa menos escritor’. Ser escritor na minha família é falta de imaginação", contou. E assim, pensando em fazer algo que fosse o mais diferente possível de escrever, escolheu a matemática e confessa: "Era o medo de ser comparado com Graciliano, medo de ser comparado com meu pai, com o Ricardo Ramos, o medo de que se eu viesse a escrever, eu não teria um caminho fácil”, contou, admitindo que mesmo assim, sempre teve vontade de escrever.

Mesmo procurando um caminho "mais fácil", Ricardo conta que demorou para se formar matemático, fez carreira na informática e só depois pensou que poderia fazer o que realmente gostava. Fez mestrado e doutorado em Literatura na USP e então começou a trabalhar na área. “Acho que me dediquei só à literatura quando fiquei mais maduro para poder lidar com críticas”, admite. Agora, escrevendo um romance ele conta também que é um processo demorado. "Eu vou acabar, mas não sei quando”, brinca.

A conversa sobre a família rendeu mais alguns minutos da conversa. A obra do avô deve entrar em domínio público em 2024. “Se depender de mim, vou brigar muito para que não entre em domínio público”, alertou o herdeiro que se antecipou e firmou um contrato com a Record que continuará pagando os direitos autorais à família até 2029. “Por diversas razões sou absolutamente contra o domínio público do jeito como ele existe hoje, por exemplo, queria entender aonde está o domínio público quando uma obra vai para o domínio público e ao invés de se pagar os 10%, 15% que se paga para a família do autor, o dinheiro fica inteiro para a editora”, critica. "Setenta anos passou a ser pouco tempo dentro de uma expectativa de vida maior. Graciliano vai fazer 70 anos de morte, mas ele ainda tem filha viva, nora viva [que dependem dessa receita para sobreviverem]", completou.

Sobre a UBE, Ramos conta que sua história com a entidade começou cedo, já que seu pai também já foi presidente da organização. Ele conta ainda que só aceitou ser presidente quando viu que havia a possibilidade da União acabar. “A entidade já vinha há alguns anos numa crise, sem dinheiro e com o número de sócios diminuindo”. Seu objetivo principal desde então, é trazer mais gente pra a UBE e fazer a instituição voltar a crescer “e eu acho que está dando certo”, disse.

Nessa ano de pandemia, Ricardo aproveitou a "oportunidade" para transformar a UBE numa entidade virtual. “A gente fez uma conta no Zoom; fazemos toda terça-feira entrevistas com escritores – que está indo muito bem -; incrementamos o site, que ficou um site mais moderno; nos direcionamos para quitar as dívidas e aumentar o número de sócios e hoje a gente está com um superávit, estamos no positivo”, elencou orgulhoso, não deixando de fora o Prêmio Juca Pato, importante para a entidade e que esse ano premiou Ailton Krenak. A cerimônia de premiação deve acontecer - virtualmente - em dezembro.

O seu trabalho como roteirista, a ética, o capitalismo e a tecnologia também fizeram parte do bate-papo.

O PublishNews Entrevista é um oferecimento do #coisadelivreiro, consultoria em marketing e inteligência de negócios para o mercado editorial. Além de estar disponível no canal do PublishNews no YouTube, este episódio está disponível em áudio também pelas plataformas digitais: Spotify, iTunes, Google Podcasts e Overcast.

A PublishNewsTV reúne entrevistas e reportagens especiais do PublishNews

Publicidade

A Alta Novel é um selo novo que transita entre vários segmentos e busca unir diferentes gêneros com publicações que inspirem leitores de diferentes idades, mostrando um compromisso com qualidade e diversidade. Conheça nossos livros clicando aqui!

Leia também
Economista e sociólogo, o autor de 17 obras publicadas desde 1981 faz relatos de seu cotidiano em livrarias e, a partir deles, discute o momento do mercado editorial
Agente literária foi a primeira sabatinada de 2022 e falou sobre o papel do agente, do câmbio, da internacionalização da literatura brasileira e dos programas de apoio à tradução
Fundador e CEO da Companhia das Letras falou da cena de editoras independentes, lei do preço comum, consignação e da sua relação com as livrarias
Marcos Guedes foi o quinto convidado do Sabatina PublishNews. O executivo foi entrevistado por Marcos da Veiga Pereira, Judith de Almeida, Leonardo Neto e Talita Facchini.
No Sabatina PublishNews, Marcos da Veiga Pereira fez um balanço dos sete anos em que esteve à frente do SNEL e resumiu: ‘o convencimento foi a marca da gestão’
Publicidade

Mais de 13 mil pessoas recebem todos os dias a newsletter do PublishNews em suas caixas postais. Desta forma, elas estão sempre atualizadas com as últimas notícias do mercado editorial. Disparamos o informativo sempre antes do meio-dia e, graças ao nosso trabalho de edição e curadoria, você não precisa mais do que 10 minutos para ficar por dentro das novidades. E o melhor: É gratuito! Não perca tempo, clique aqui e assine agora mesmo a newsletter do PublishNews.

Outras colunas
Todas as sextas-feiras você confere uma tira dos passarinhos Hector e Afonso
As ruas foram tomadas por um público leitor majoritariamente jovem que me deu esperança de um futuro urgente
Publicado pela Giostri, 'Brancos não sabem pedalar', de Vanderson Castilho Munhoz, se passa em 2035, em um Brasil governador por um ditador que apoia o domínio no futebol brasileiro do Clube de Regatas Flamengo
Obra escrita por Paula Carminatti faz parte da duologia 'Ária de Yu'
Escrita por Juily Manghirmalani, 'Vivências asiático-brasileiras: raça, identidade e gênero' aborda questões como identidade cultural, autorreconhecimento, conflitos geracionais e construção de mitos sobre os povos asiáticos
A vida é curta demais para eu ler todo o grosso dicionário a fim de por acaso descobrir a palavra salvadora.
Clarice Lispector
Escritora brasileira
(1920 - 1977)
Publicidade

Você está buscando um emprego no mercado editorial? O PublishNews oferece um banco de vagas abertas em diversas empresas da cadeia do livro. E se você quiser anunciar uma vaga em sua empresa, entre em contato.

Procurar

Precisando de um capista, de um diagramador ou de uma gráfica? Ou de um conversor de e-books? Seja o que for, você poderá encontrar no nosso Guia de Fornecedores. E para anunciar sua empresa, entre em contato.

Procurar

O PublishNews nasceu como uma newsletter. E esta continua sendo nossa principal ferramenta de comunicação. Quer receber diariamente todas as notícias do mundo do livro resumidas em um parágrafo?

Assinar