Mulheres e independentes dominam lista final do International Booker Prize 2020
PublishNews, Talita Facchini, 03/04/2020
Destaque para 'Temporada de furações', escrito pela mexicana Fernanda Melchor e que será publicado por aqui pela Mundaréu

O International Booker Prize divulgou os seis finalistas da sua edição de 2020. Nesta lista, quatro dos seis livros foram escritos por mulheres, e também quatro deles foram publicados por editoras independentes. Mas o destaque vai para Temporada de furacões, até o momento, a única das seis obras que será publicada no Brasil.

Escrito pela mexicana Fernanda Melchor, o romance foi traduzido para o inglês por Sophie Hughes e começa com um grupo de crianças que encontra o corpo de uma bruxa em uma pequena vila mexicana. Publicado pela editora independente Fitzcarraldo, por aqui a obra sairá no fim do ano pela Mundaréu.

The adventures of China Iron, da argentina Gabriela Cabezón Cámara, também está entre os finalistas. Traduzida por Iona Macintyre e Fiona Mackintosh, o livro publicado pela também independente Charco, aborda a cultura rural da Argentina nos anos 1870 ao contar a história de China, uma jovem que foge em busca da liberdade quando seu marido é recrutado para o exército. Nessa jornada, ela conhece de perto as coisas boas e ruins de seu país.

Também foram selecionados The enlightenment of the Greengage tree, da iraniana Shokoofeh Azar, originalmente escrito em farsi e que retrata a revolução islâmica no Irã, em 1979; The discomfort of evening, de Marieke Lucas Rijneveld, que relata o colapso de uma religiosa família depois que um de seus filhos morre; The memory police, de Yoko Ogawa, um livro sobre o poder da memória; e Tyll, do alemão Daniel Kehlmann, inspirado na guerra dos 30 anos na Alemanha.

Ted Hodgkinson, integrante do júri, disse que cada um dos selecionados reinventa suas narrativas e que “são tremendos feitos de tradução que nesses tempos isolados representam o auge de uma forma de arte enraizada no diálogo. Nossa lista de finalistas transcende esse momento sem precedentes, imergindo-nos em vidas imaginadas de forma expansiva que mantêm um fascínio duradouro".

O autor e tradutor vencedores dividirão o prêmio de 50 mil libras.

Confira a lista completa:

The enlightenment of the Greengage tree (Europa Editions), de Shokoofeh Azar - Trad.: Anonymous | Irã

The adventures of China Iron (Charco Press), de Gabriela Cabezón Cámara - Trad.: Iona Macintyre e Fiona Mackintosh | Argentina

Tyll (Quercus), de Daniel Kehlmann - Trad.: Ross Benjamin | Alemanha

Temporada de furacões (Mundaréu), de Fernanda Melchor - Trad.: Sophie Hughes | México

The memory police (Harvill Secker), de Yoko Ogawa - Trad.: Stephen Snyder | Japão

The discomfort of evening (Faber & Faber), de Marieke Lucas Rijneveld - Trad.: Michele Hutchison | Países Baixos

[03/04/2020 08:00:00]