Publicidade
Publicidade
Eventos na Espanha recebem comitiva de criadores brasileiros
PublishNews, Volnei Canônica, 20/03/2019
Volnei Canônica conta que foi convidado, ao lado de nomes como André Neves, Roger Mello e Marina Colasanti para participar do Salão do Livro Infantil e Juvenil da cidade espanhola de Pontevedra

Volnei Canônica, André Neves, Roger Mello e o ilustrador espanhol Javier Zabala
Volnei Canônica, André Neves, Roger Mello e o ilustrador espanhol Javier Zabala
Eu e uma comitiva de criadores brasileiros da literatura infantil e juvenil estamos na Espanha onde vamos participar do 20º Salão Internacional do Livro Infantil e Juvenil e do II Congresso de Mediação de Leitura da cidade de Pontevedra, na Galícia. Os eventos que acontecem entre os dias 22 de março e 12 de abril, têm como tema “A Revolução” e homenagearão o premiado poeta galego Antonio Garcia Teijeiro (na foto abaixo).

O evento se propõe a ser um encontro de línguas, culturas e literaturas. Para esta edição, Pontevedra convidou artistas de países onde se fala o idioma português, língua irmã do galego. A cultura lusófona tomará conta das universidades, escolas, teatros, museus, mercados, bares, restaurantes, livrarias e ruas da cidade. Uma verdadeira revolução da palavra, da imagem, da música, do teatro, das histórias, das artes plásticas e da culinária de países como Portugal, Brasil, Angola, Cabo Verde, Moçambique e Guiné-Bissau. Toda essa diversidade em diálogo com a arte e os artistas galegos.

Além de mim, a comitiva que representará o Brasil no evento traz nomes como André Neves, Amelia Andrade, Benita Prieto, Gustavo Almeida, Henrique Rodrigues, Marina Colasanti, Roger Mello, Sérgio Tannus e Wladimir Vaz e conta com o apoio da Embaixada do Brasil na Espanha.

A participação dos brasileiros no Salão do Livro se dará em mesas de discussão sobre ilustração, literatura, contação de histórias, música, oficinas, masterclasses de ilustração, recitais poéticos, exibição da animação O menino e o mundo (2013), de Alê Abreu, e as exposições: Carvoeirinhos, baseada na obra de Roger Mello publicado pela Companhia da Letrinhas, e Voar, uma composição com fragmentos de quatro obras do artista André Neves: Tom, Entre nuvens, Obax e Mel na boca.

Como o Brasil tem se tornado alvo de discussão devido a questões polêmicas envolvendo a educação, a cultura e as tomadas de decisões do atual governo, a organização do evento, mutuamente com o Programa Municipal pela Diversidade Sexual, convidou a mim e a Roger Mello para a mesa O Brasil, cara a onde? Direitos LGBTs. Nela, vamos abordar as polêmicas em torno das questões de gênero na escola, censura de obras literárias e a retirada da pasta do Ministério da Educação de questões afirmativas e fundamentais sobre a diversidade, a equidade, o respeito e a construção de uma sociedade mais justa e tolerante.

A identidade visual do Salão é uma criação da artista Tiiu Kitsit (Estônia), ganhadora do prêmio internacional de ilustração promovido pelo Salão e Gálix, um concurso com 115 participantes de 34 países. A imagem em lápis de cor remete à infância como uma fase revolucionária em que o livro, a leitura, a literatura, a imaginação possibilitam olhar por cima dos muros, das barreiras e das margens estabelecidas. É possível transformar!

O II Congresso de Mediação de Leitura, que acontece dentro da programação do Salão, nos dias 27 a 30 de março, terá a conferência de abertura a cargo da escritora Marina Colasanti que irá abordar a Leitura como Revolução. Roger Mello e o ilustrador galego Xosé Cobas farão a conferência "Contar com imagens: diálogo ilustrado". E eu fui convidado para a conferência “Ler nas margens” na qual abordarei os leitores esquecidos e a literatura que retrata essa realidade. Os participantes do congresso também poderão participar de diferentes oficinas que serão ministradas pelos brasileiros, como por exemplo, a que a especialista e contadora de história Benita Prieto irá ministrar sobre "Leitura e hiperleitura no mundo digital" ou "Escrita Criativa: narrando canções", por Henrique Rodrigues.

Os participantes do evento poderão degustar petiscos brasileiros: feijoada, cachaça tudo com muita contação de histórias que atravessarão o oceano. Amélia Andrade terá a responsabilidade de levar os sabores do Brasil e Benita Prieto as histórias.

Além dos brasileiros, Eva Mejuto (na foto ao lado), coordenadora do Salão, convidou nomes de destaque na literatura de língua portuguesa como Afonso Cruz, Ana Biscaia, Mafalda Milhões, Margarida Botelho, Pedro Seromenho e Zetho Cunha Gonçalves.

O evento é organizado pelo Conselho de Pontevedra, Faculdade de Ciências da Educação e Desporte de Pontevedra (Universidade de Vigo), Rede temática de investigação da Literatura Infantil e Juvenil do Marco Ibérico e Ibero-americano (LIJMI), Instituto de Ciências da Educação e Universidade de Santiago de Compostela.

O texto de apresentação da programação do evento traz a seguinte frase “Concordamos com Borges [Jorge Luís Borges, escritor argentino] que as cidades são livros que se leem com os pés e temos o orgulho de afirmar que a nossa se lê com pés de menino e menina”. (livre tradução do colunista). Nesses 22 dias de evento a cidade de Pontevedra irá inspirar e expirar ficção. Um evento que envolve toda a família.

A programação completa você encontra acessando aqui.

Volnei Canônica é formado em Comunicação Social – Relações Públicas pela Universidade de Caxias do Sul, com especialização em Literatura Infantil e Juvenil também pela Universidade de Caxias do Sul, e especialização em Literatura, Arte do Pensamento Contemporâneo pela PUC-RJ. É Presidente do Instituto de Leitura Quindim, Diretor do Clube de Leitura Quindim e ex-diretor de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, do Ministério da Cultura. Coordenou no Instituto C&A de Desenvolvimento Social o programa Prazer em Ler. Foi assessor na Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ). Na Secretaria Municipal de Cultura de Caxias do Sul, assessorou a criação do Programa Permanente de Estímulo à Leitura. o Livro Meu. Também foi jurado de vários prêmios literários.

Publicidade

BR75

A BR75 desenvolve soluções personalizadas de criação e edição de texto, design gráfico para publicações impressas e em outras mídias e coordena sua produção editorial. Cuidamos de todas as etapas, conforme as necessidades e características de seu projeto, e sua empresa ganha em eficiência e qualidade. Quer saber mais? Fale com a gente ou agende uma visita!

Leia também
Em sua coluna, Volnei Canônica sai em defesa dos seres fantásticos na literatura infantil. ‘Aprender a lidar com o simbólico é mais seguro do que lidar com as coisas ditas reais’, diz.
Em sua coluna, Volnei fala sobre ' Panorama sobre o Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do Brasil?' evento programado para acontecer de 30/11 a 02/12 em Caxias do Sul
Em novo artigo, Volnei Canônica lança um olhar para a infância e a formação de leitores em eventos literários.
Em sua coluna, Volnei fala sobre as mudanças da Flip 2018, a importância das casas literárias parceiras do evento e ainda destaca a programação de algumas delas
Na coluna de hoje, Volnei continua a falar sobre a repercussão das decisões do Jabuti em mais dois aspectos: ilustração e os critérios de avaliação
Publicidade

Mais de 13 mil pessoas recebem todos os dias a newsletter do PublishNews em suas caixas postais. Desta forma, elas estão sempre atualizadas com as últimas notícias do mercado editorial. Disparamos o informativo sempre antes do meio-dia e, graças ao nosso trabalho de edição e curadoria, você não precisa mais do que 10 minutos para ficar por dentro das novidades. E o melhor: É gratuito! Não perca tempo, clique aqui e assine agora mesmo a newsletter do PublishNews.

Outras colunas
Em sua coluna, Henrique Rodrigues alerta para o perigo da censura na produção literária recente
Para cada decisão um mar de questões passam pela cabeça do menino. Entrar ou não entrar?
Toda semana você confere uma tira dos passarinhos Hector e Afonso
Toda semana você confere uma nova tira dos passarinhos Hector e Afonso
Em sua coluna, Felipe Lindoso conta os bastidores que possibilitaram a inauguração de uma biblioteca infantil dedicada à língua portuguesa no Japão
Para mim, palavras e imagens são a mesma coisa.
Roger Mello
Autor e ilustrador brasileiro
Publicidade
Publicidade

Você está buscando um emprego no mercado editorial? O PublishNews oferece um banco de vagas abertas em diversas empresas da cadeia do livro. E se você quiser anunciar uma vaga em sua empresa, entre em contato.

Procurar

Precisando de um capista, de um diagramador ou de uma gráfica? Ou de um conversor de e-books? Seja o que for, você poderá encontrar no nosso Guia de Fornecedores. E para anunciar sua empresa, entre em contato.

Procurar

O PublishNews nasceu como uma newsletter. E esta continua sendo nossa principal ferramenta de comunicação. Quer receber diariamente todas as notícias do mundo do livro resumidas em um parágrafo?

Assinar