Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 13/08/2019
A BOOKPartners é uma distribuidora completa: atende toda a cadeia do livro e seus devidos processos. Em sua estrutura reúne cerca de 220 colaboradores, dois centros de distribuição, e-commerce e marcas voltadas a segmentos específicos de leitores.
Primavera Assessoria oferece serviço de revisão de textos em português, preparação de originais para editoras e autores, padronizações e outros serviços editoriais.
A Transpo Express é uma transportadora que já atua há 10 anos focada completamente no segmento editorial. Faz entregas e coletas em editoras, distribuidoras, livrarias, gráficas e grandes redes. A área de atuação atualmente engloba São Paulo (Capital), grande São Paulo, Jundiaí, Campinas e todo o estado do Rio de Janeiro.
PublishNews, Redação, 13/08/2019

Profissionais reunidos na última edição do InterLivro da Bienal Internacional do Livro do Rio de JaneiroO PublishNews assina a curadoria da quarta edição do InterLivro – Encontro Internacional de Profissionais do Livro, que tem acontecido paralelamente às Bienais do Rio e de São Paulo. Nesse ano, o InterLivro acontecerá na tarde do dia 30, quando o evento carioca será oficialmente aberto. A ideia é reunir profissionais em torno de temas pertinentes ao mercado, em especial, jogando luz em novos modelos de negócios, novas formas de aproximar o livro do seu mercado consumidor e, sobretudo, encontrar saídas para a crise que tem afetado toda a cadeia produtiva e distributiva do livro. Clique no Leia Mais e confira as primeiras mesas já confirmadas.

PublishNews, Redação, 13/08/2019

A Saraiva prepara, para às 10h30 da próxima quinta-feira (15), uma teleconferência para apresentar os seus resultados do segundo trimestre de 2019. Como está em recuperação judicial, a empresa é obrigada a publicar mensalmente um relatório mensal de atividades (RMA) no qual traz os resultados não auditados dos respectivos exercícios. E o que se vê ali são recorrentes quedas nas receitas e prejuízos. O último RMA, que compara maio de 2019 com igual período de 2018, o faturamento caiu 56,4% e prejuízo no mês foi de R$ 22,3 milhões. Para acessar o webcast da próxima quinta-feira, clique aqui.

PublishNews, Pedro Almeida**, 13/08/2019

Por que não temos um Nobel em Literatura? Saindo a campo para investigar a ausência de laureado brasileiro, nosso colunista Pedro Almeida descobriu erros cometidos no passado, uma cultura no país da destruição de talentos, nomes que foram indicados e caíram por críticas dos próprios brasileiros e, claro, falta de articulação e investimentos. No artigo que pode ser acessado clicando no Leia Mais, ele traz as explicações e algumas propostas para que um dia o Brasil possa receber a láurea mais importante da Literatura.

PublishNews, Redação, 13/08/2019

Lucília Garcez, autora do livro 'Outono' | © André ArgoloNa Audioteca Paraty de hoje, que tem trazido trechos das mesas que compuseram a programação da Casa PublishNews na Flip deste ano, você confere a conversa que Talita Facchini teve com Lucília Garcez, autora do livro Outono (Outubro Edições). No bate-papo, Lucília contou como foi o processo de escrita da obra, suas inspirações, como fez a pesquisa para dar sustento a uma história que fala sobre ditadura, e da importância de suas amigas e marido em todo esse processo. "O livro tem muita informação, mas busca também provocar e acompanhar a emoção de uma mulher que sofre e que tenta reconstruir a própria emotividade, a própria sensibilidade ao tentar uma nova relação amorosa", contou no bate-papo. Lucília, que é autora de 23 livros, a maioria deles infantis, procurou o PublishNews este ano porque queria dar mais visibilidade para o seu primeiro romance e conseguiu encher a casa com pessoas interessadas em ouvir um pouco sobre o processo de criação de um livro e sua história. A conversa completa você ouve clicando no Leia Mais.

PublishNews, Redação, 13/08/2019

Começa nesta quarta (15) e segue até domingo (18) a quarta edição da Primavera Literária de Belo Horizonte. Realizada pela Liga Brasileira de Editoras (Libre), a Primavera Literária é uma das principais iniciativas voltadas para o fomento à produção literária e ao hábito da leitura. “Um dos objetivos do evento é mostrar toda a bibliodiversidade que as editoras independentes promovem por meio de seu trabalho”, explica Raquel Menezes, presidente da entidade. A programação contará com batalhas de slams, contação de histórias, debates, oficinas e seminários. No dia 15, às 10h, a programação começa com a mesa O mercado editorial em tempos de cólera, que reunirá Rejane Dias (Grupo Autêntica), Alencar Perdigão (Livreiro da Quixote) e Raquel Menezes (Oficina Raquel e Libre) para um bate-papo mediado por Leonardo Neto (PublishNews). No mesmo dia serão discutidos o futuro das bibliotecas, as editoras independentes, as novas formas de fazer o livro, e as mulheres na edição e na literatura. Entre os nomes confirmados estão o escritor Ricardo Lísias, Camila Cabete (Kobo), Raissa Pena (Catarse), Vera Lúcia (Forma Certa), Cassia Carrenho (LabPub), Ricardo Costa (Metabooks), Fernanda Dantas (CBL), Volnei Canônica (Instituto de Leitura Quindim), entre outros. A programação completa você confere clicando aqui. A Primavera belo-horizontina acontece no Centro Cultural Banco do Brasil (Praça da Liberdade, 450).

PublishNews, Redação, 13/08/2019

Vencedores do Prêmio Ages 2019 | © Luís VenturaA Associação Gaúcha de Escritores anunciou na última semana os ganhadores das oito categorias do Prêmio Ages – Livro do Ano 2019. O livro Escrita criativa para iniciantes (Metamorfose), do escritor Marcelo Spalding, foi a obra mais votado pelos associados da entidade e faz parte da categoria Não Ficção. Na categoria Infantil, venceu a obra Uma casa para dez (Editora do Brasil), de Caio Riter; em Crônica, o escolhido foi Vitor Necchi com o livro Não existe mais dia seguinte (Taverna). Horas mortas (Ama Livros), de Antônio Schimeneck, venceu na categoria Juvenil; Segue anexa minha sombra (Bestiário/Class), de Laís Chaffe; em Poesia; Verão no fim do mundo (Modelo de Nuvem), de Augusto Farinatti foi a escolhida na categoria Narrativa Curta e, em Narrativa Longa, o prêmio ficou com Estela sem Deus (Zouk), de Jéferson Tenório. Para completar, o livro Lendas do Sul (Editora da UFRGS), de Simões Lopes e Paula Mastroberti, venceu na Categoria Especial. Os vencedores levaram para casa um troféu criado pela artista plástica Lília Manfrói.

PublishNews, Redação, 13/08/2019

A Estação Liberdade e a Livraria Martins Fontes Paulista (Av. Paulista, 509 – São Paulo / SP) realizam, logo mais, às 19h, o lançamento do livro A grande regressão, uma coletânea sobre o estado de espírito da democracia no mundo hoje. O encontro de hoje será dedicado à discussão do tema que é central ao livro: a crise da democracia pelo mundo. O professor de ética e filosofia política e ex-ministro da Educação Renato Janine Ribeiro - que assina a contribuição brasileira da obra - e a jornalista e autora Silvia Bittencourt comandam a conversa, que terá mediação de Angel Bojadsen, diretor editorial da Estação Liberdade. A grande regressão reúne contribuições de pensadores como Zygmunt Bauman, Nancy Fraser, Bruno Latour, Arjun Appadurai, Slavoj Žižek, além do próprio Renato Janine Ribeiro, colocando em foco os neopopulismos que nos assolam e a ascensão de demagogos de variados matizes. O evento é gratuito.

PublishNews, Redação, 13/08/2019

Às portas da adolescência, Joel sente-se deslocado entre os amigos da escola e do prédio onde mora. O ano é 1998 e o mundo parece cada vez mais um lugar ameaçador. Ao mesmo tempo em que busca acolhimento num grupo de jovens de uma igreja evangélica, entra em colisão com o modo de vida do pai, que acaba de regressar ao Brasil após quatro misteriosos anos na cidade de Cancún. Décadas depois, com a morte do pai, longe da religião e prestes a ter um filho, Joel decide voltar, sozinho, ao balneário mexicano. Ao tentar repetir os passos paternos, uma viagem simples se torna complexa, e o que se evidencia são os caminhos que levaram Joel a ser quem é. Miguel Del Castillo, faz em Cancún (Companhia das Letras, 168 pp, R$ 44,90) o retrato de uma classe forjada em condomínios fechados e paraísos fiscais, em colégios onde a violência é a regra e no brilho plástico dos fast-foods. O livro será lançado nesta quarta-feira (14), às 19h, na nova Livraria da Travessa de São Paulo (Rua dos Pinheiros, 513)

“É com bons sentimentos que se faz má literatura.”
André Gide
Escritor francês (1869-1951)
1.
A sutil arte de ligar o foda-se
2.
Do mil ao milhão
3.
Mais esperto que o diabo
4.
O milagre da manhã
5.
Seja foda!
6.
Como fazer amigos e influenciar pessoas
7.
F*deu geral
8.
Buda dançando numa boate
9.
A garota do lago
10.
O poder da autorresponsabilidade
 
PublishNews, Redação, 13/08/2019

Dez anos após ter sido publicado em Portugal e traduzido na Itália, Colômbia, México e França, o livro O mar em Casablanca (Gryphus, 254 pp, R$ 49,90), do escritor português José Viegas, chega ao Brasil. O romance reúne em suas páginas episódios de vingança, homicídios, comidas, paisagens e personagens misteriosos. Como em toda obra policial que se preze, há duas mortes para serem resolvidas: a de um jornalista, no Vidago, e a de um empresário angolano numa quinta do Douro. A investigação fica a cargo do detetive Jaime Ramos, personagem cheio de humor, cético e um pouco melancólico, figura central em outros romances do autor. Jaime e seus auxiliares investigam os casos e tentam estabelecer uma ordem, uma lógica e um sentido para as mortes. O que une ambos os crimes às recordações tumultuosas dos acontecimentos de 1977, em Angola? Nesta busca, o detetive reencontra a sua própria biografia, as recordações de seu passado na guerra colonial e uma personagem que o persegue.

 
©2001-2019 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.