Os planos do Canadá para 2020
PublishNews, Redação, 18/10/2019
País será o homenageado na Feira do Livro de Frankfurt no ano que vem

Hélène Laurendeau, ministra do Patrimônio Canadense, durante a apresentação dos planos do seu país para Frankfurt 2020 | Karsten Thormaehlen / Buchmesse
Hélène Laurendeau, ministra do Patrimônio Canadense, durante a apresentação dos planos do seu país para Frankfurt 2020 | Karsten Thormaehlen / Buchmesse
País homenageado da Feira do Livro de Frankfurt em 2020, o Canadá apresentou os seus planos para o evento do próximo ano em uma conferência para cerca de 200 jornalistas que estão na cobertura do evento. O país conta com aproximadamente 300 editoras, localizadas em mais de 80 cidades e que produzem por ano, cerca de 8,5 mil livros de autores canadenses em todos os formatos, impresso, digital e em áudio.

O mercado de livros Canadense gera U$ 1,7 bilhão em receita a cada ano e contribui com U$ 704 milhões para o PIB cultural do país. Esses podem ser alguns dos motivos que levaram a maior feira de livros do mundo a ter o país como homenageado pela primeira vez.

Durante a conferência para a imprensa, o Canadá apresentou o seu logotipo e o tema para o próximo ano: Pluralidade singular. “Um termo que não apenas representa o cenário editorial canadense, mas o mosaico cultural diversificado de nosso país, onde cada um de nós é único, mas conectados por nossos valores compartilhados", explicou Hélène Laurendeau, ministra do Patrimônio Canadense.

[18/10/2019 08:15:33]