Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 22/10/2019
A Transporte Executivo Luiz Henrique Pinho oferece serviço de transporte para autores e colaboradores no Rio de Janeiro. Já atende editoras como Sextante e Intrínseca.
Tradutor Editorial (ING-PT), especialista em textos de não-ficção, sobretudo em temas ligados à aeronáutica, história militar, humanidades e ciências sociais. Trabalha para diversas editoras como tradutor e copidesque.
Com mais de 25 anos de experiência, a Claro e Ponto Assessoria em Produção de Textos oferece serviço de revisão e preparação para diversos gêneros textuais. Também trabalhamos com redação e edição de textos publicitários e jornalísticos.
PublishNews, Carlo Carrenho (para a Publishers Weekly), 22/10/2019

Jonas Tellander bate um papo com Carlo Carrenho | Åsa LiffnerCarlo Carrenho, fundador do PublishNews, encontrou-se com Jonas Tellander, fundador e CEO da Storytel, e aproveitou para trocar dois dedos de prosa. O encontro foi na última Feira do Livro de Gotemburgo. O resultado é um papo direto sobre os planos da plataforma sueca que acaba de alcançar a marca de um milhão de assinantes em 18 territórios diferentes e de quais são os seus maiores desafios. A entrevista foi publicada originalmente na Publishers Weekly e, clicando no Leia Mais, você terá a chance de lê-la em português.

PublishNews, Mike Shatzkin, 22/10/2019

Em um artigo anterior descrevi a nova estrutura do ecossistema de publicação de livros. Nas últimas três décadas, nós nos afastamos de um mundo no qual uma editora precisava ter uma infraestrutura substancial para entregar livros impressos a milhares de locais de varejo. E “naquela época” e em boa parte do tempo desde então, a maioria dos leitores encontrava e comprava os livros que queria nessas lojas. Nos EUA, tanto o mercado quanto a natureza da infraestrutura mudaram. Agora, mais da metade das vendas de livros e uma quantidade ainda maior do processo de “descoberta” ocorrem on-line e grande parte dessa descoberta e as compras ocorrem em uma única conta: Amazon. Você não precisa de uma grande organização para cobrir uma única conta nem de uma grande infraestrutura para atendê-la. A outra metade das vendas nos EUA e no mundo agora é facilitada por outra conta única, Ingram Content Group. E tudo o que as editoras fazem que não exige uma grande infraestrutura: encontrar e desenvolver livros, editá-los, projetá-los e comercializá-los (cada vez mais usando oportunidades digitais para conversar diretamente com os consumidores) pode ser realizado por uma vasta rede de freelancers e prestadores de serviços para pequenas empresas. E muitos deles ganharam uma valiosa experiência fornecendo esses mesmos serviços às grandes editoras que continuam a usá-los. A partir dessa análise da situação atual, apresentamos algumas previsões sobre como o mundo da edição evoluirá nos próximos anos. Clique no Leia Mais para ler a íntegra do texto de Mike Shatzkin.

PublishNews, Redação, 22/10/2019

Da esquerda para a direita: Flávia Bravim (Saraiva/Somos Educação), Karine Pansa (Girassol Brasil), Fernanda Garcia (Diretora Executiva da CBL), Maurício Braga Secretário de Direitos Intelectuais do Brasil), Vitor Tavares (Presidente da Câmara Brasileira do Livro), Dante Cid (Elsevier Brasil), Carolina Panzolini (Diretora do Departamento de Política Regulatória da Secretaria de Direitos Intelectuais) e Sarah Venith (Missão Permanente do Brasil em Genebra)Na Conferência de Imprensa da última Feira do Livro de Frankfurt, Francis Gurry, diretor geral da World Intelectual Property Organization (Wipo), órgão ligado às Nações Unidas para tratar das questões de propriedade intelectual, compartilhou algumas de suas preocupações. Ele estava interessado em saber, por exemplo, o impacto da inteligência artificial na proteção dos direitos autorais. O mundo está em transformação e as questões relacionadas à propriedade intelectual não ficam imunes a isso. Uma das mais importantes discussões acerca do assunto diz respeito às limitações dos direitos do autor. Um dos casos previstos na legislação brasileira, por exemplo, são as obras literárias para uso exclusivo de deficientes visuais. Quando não há fins comerciais, a reprodução dessas obras não constitui ofensa aos direitos do autor. Há, no mundo, um movimento para ampliar o número de exceções, sob a justificativa de garantir e ampliar o acesso às obras. Por isso, dois eventos organizados pela Wipo ganham importância extra. O que se busca nesses encontros é um consenso que poderá, no futuro, alterar a Convenção de Berna, tratado internacional que rege as questões de direitos autorais em boa parte do mundo hoje. Para entender o assunto, clique no Leia Mais.

PublishNews, Larissa Caldin*, 22/10/2019

O The Literary Agents & Scouts Centre, ou LitAg para os íntimos, é o local da feira de Frankfurt que reúne, como o nome já diz, os agentes literários e scouts de variadas agências e lugares do mundo todo. Para mim, é o coração da feira, onde pulsam negociações, descobertas e aqueles carrinhos de cafés pelos corredores para que você não precise nem levantar da mesa. Produtividade alemã! Neste ano, ele ocupou o Festhalle, que é fechado por grandes portas de madeira. Para entrar, você precisa ser o agente / scout que tem o local reservado ou ter uma reunião agendada com um deles. Investigando no meio das conversas, descobri que o valor para ter uma mesa lá durante todos os dias da feira gira em torno de 750 euros. Como muitas das reuniões ocorrem neste local, você ganha um cartãozinho para não precisar ficar comprovando a todo momento que tem uma reunião para entrar – um alívio, pois na quarta-feira tinha sete reuniões lá dentro; na sexta, seis. Clique no Leia Mais para saber pela visão de Larissa, como funciona a área dos agentes na Feira do Livro de Frankfurt.

PublishNews, Redação, 22/10/2019

A Novo Século adquiriu três novos livros com previsão de lançamento para o primeiro semestre de 2020. O primeiro é Primavera em Chernobyl, de Emmanuel Lepage, que tinha 19 anos quando o desastre em Tchernóbil aconteceu. Vinte e dois anos depois, em abril de 2008, um grupo de ativistas e artistas adversos à energia nuclear visita Tchernóbil para documentar a vida de sobreviventes e seus filhos que vivem em terras altamente contaminadas. Enviado para esboçar as paisagens brutais do desastre, Lepage fica surpreso com a beleza que encontra por lá. A segunda obra adquirida pela editora foi Cabeça de alho, de Renato da Fonseca. A obra é um noir baseado em folclore brasileiro que segue a vida de Tomas, um especialista em ocultismo que divide seus dias entre negociar favores com entidades sobrenaturais e se esconder do mundo em seu apartamento, até que um chamado inesperado o obriga a desvendar os supostos assassinatos dos pais de Ana dos Santos, uma adolescente de linhagem nobre. A terceira obra, Ikigai: a arte japonesa de uma vida significativa, de Yukari Mitsuhashi, pretende ensinar o leitor a encontrar o seu Ikigai identificando seu propósito ou paixão e usando esse conhecimento para obter maior felicidade em sua vida.

PublishNews, Redação, 22/10/2019

O Istituto Italiano di Cultura de São Paulo (IIC - Avenida Higienópolis, 436 - São Paulo / SP) realiza neste final de semana – nos dias 26 e 27 – a Leggi che ti fa bene, primeira edição da feira do livro italiano. Em parceria com a Livraria Martins Fontes, o evento contará com uma série de encontros com autores vindos da Itália. "Esta feira quer dialogar com a sociedade brasileira, estreitar vínculos, revelar novos autores e deixar os visitantes com vontade de conhecer cada vez mais a Itália e seus autores contemporâneos”, explica Michele Gialdroni, diretor do instituto oficial do governo da Itália. Dentre os autores confirmados estão nomes como Donatella di Pietrantonio e Valerio Magrelli, vindos especialmente da Itália para a feira. A programação da feira reserva também espaço para a literatura infantojuvenil. Em parceria com a Feira do Livro Infantil de Bologna, o salão do Instituto receberá a exposição “Immaginari italiani - Ilustração infantojuvenil contemporânea” na qual apresenta os principais ilustradores italianos de livros voltados para os pequenos leitores. Clique no Leia Mais para saber outros detalhes do evento e sua programação.

PublishNews, Redação, 22/10/2019

A Universidade do Livro (Praça da Sé, 108 – São Paulo / SP) inicia nesta quarta-feira (23), o curso de Análise e elaboração de contratos na área editorial. Ministrado por Maria Luiza de Freitas Valle Egea, advogada atuante na área de direitos autorais, o curso pretende apresentar os vários contratos praticados na produção editorial, as principais questões deles decorrentes e trazer ao conhecimento casos práticos com o objetivo de evitar problemas recorrentes. As aulas acontecem nos dias 23 e 24 de outubro, das 18h30 às 21h30.

PublishNews, Redação, 22/10/2019

Clarice Lispector é tema de série de encontros na Casa do Saber | Arquivo Nacional | WikicommonsAntecipando as primeiras comemorações ao centenário de nascimento de Clarice Lispector (nascida em 10 de dezembro de 1920), a Casa do Saber (Rua Dr. Mario Ferraz, 414 - São Paulo / SP) traz Pedro Paulo de Sena Madureira, um dos mais proeminentes editores brasileiros entre a década de 1970 e o começo dos anos 2000, e Nélida Piñon, escritora e a primeira mulher, em 100 anos, a presidir a Academia Brasileira de Letras, para apresentarem a obra e a vida de Clarice, de quem foram amigos íntimos até seus últimos dias. Os encontros acontecem nos dias 07, 14, 21 e 28 de novembro e no dia 05 de dezembro, sempre às 20h. Para mais informações, clique aqui.

“Quando você pensa no objeto ficcional, a literatura tem tendência de valorizar determinados heróis e esquecendo que a história cotidiana, do sujeito.”
Conceição Evaristo
Escritora brasileira
1.
A sutil arte de ligar o foda-se
2.
Luccas Neto em "Os aventureiros"
3.
Prólogo, ato, epílogo
4.
Escravidão
5.
Mais esperto que o diabo
6.
O diário perdido de Gravity Falls
7.
O mundo segundo Felipe Neto
8.
Meu diário mágico
9.
Do mil ao milhão
10.
O milagre da manhã
 
PublishNews, Redação, 22/10/2019

O Ibep abriu uma vaga de estágio em design editorial. A editora especializada na produção de materiais didáticos pede que os interessados estejam cursando entre o 3º e o 5º semestre de Design Gráfico, tenham inglês básico, interesse editorial na área de livros didáticos e conhecimento dos programas Indesign, Illustrator, Acrobat Professional e Photoshop (pacote Adobe). As atribuições do cargo incluem o auxílio na diagramação de livros, tratamento de imagens, e desenvolvimento de projetos gráficos com orientação do superior imediato. Entre os benefícios, estão vale transporte, refeição e bolsa auxílio. Os interessados devem enviar currículos para o e-mail informerh@ibep-nacional.com.br até 18 de novembro.

PublishNews, Redação, 22/10/2019

A pedido da Moderna, o dramaturgo Walcyr Carrasco adaptou duas obras clássicas de Monteiro Lobato: Reinações de narizinho (Moderna, 322 pp, R$ 67) e A reforma da natureza (112 pp, R$ 55). Carrasco teve o cuidado de preservar a estrutura, os personagens e o fluxo da narrativa lobatiana. O que ele propõe é um novo olhar sobre a história, como quando o autor descreve diálogos entre os personagens por meio de e-mails, uso de laptops, tablets e celulares, para responder às mudanças nas tecnologias de lá para cá. Além disso, o escritor adaptou passagens que tratam pessoas negras de maneira depreciativa e substituiu palavras que se tornaram pouco usadas, aproximando as histórias das crianças de hoje.

PublishNews, Redação, 22/10/2019

Publicado pela primeira vez em 1939, O Minotauro (Companhia das Letrinhas, 160 pp, R$ 69,90) é uma grande aventura em uma viagem no tempo empreendida pela turma do Sítio do Picapau Amarelo. Dona Benta, Narizinho, Pedrinho, Emília e o Visconde de Sabugosa visitam a Grécia antiga com uma missão: resgatar Tia Nastácia do terrível Minotauro — que a sequestrou porque já não consegue viver sem os bolinhos da melhor cozinheira de todos os tempos… Andando entre os filósofos e os artistas mais conhecidos (e até hoje estudados) da Antiguidade, os picapaus aprendem e discutem assuntos como o conceito de arte e seus diversos movimentos, filosofia, literatura e arquitetura — tudo isso em meio a uma aventura que só os personagens mais clássicos da literatura infantojuvenil brasileira sabem viver. Esta edição de luxo ganhou ilustrações de Lole.

 
©2001-2019 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.