Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 10/04/2019
Aldeia dos Livros oferece serviços que vão desde a revisão de textos em geral; tradução do inglês e espanhol; copydesk; pareceres; contatos com editoras; eventos nacionais e internacionais; criação de capas de livros, branding e coaching criativo para autores.
HiDesign Estúdio é um estúdio editorial focado em design. Entre os trabalhos oferecidos pelo estúdio estão: capas, projetos gráficos, diagramação e ilustração para projetos de editoras e autores independentes.
A Beluga Editorial presta diversos serviços de produção do livro, incluindo revisão, copidesque, diagramação, capa e projeto gráfico. Atendemos tanto editoras quanto autores.
PublishNews, Redação, 10/04/2019

Nesta terça-feira (09), o presidente Jair Bolsonaro concedeu entrevista à Rádio Jovem Pan em que defendeu um teto de R$ 1 milhão para a captação de recursos para projetos culturais via Lei Rouanet. Caso isso siga adiante, atinge em cheio eventos como as bienais do Rio e de São Paulo. “O teto hoje em dia, acredite, é R$ 60 milhões, R$ 60 milhões. De acordo com o teu tráfico de influência no passado, você conseguia R$ 10 milhões, R$ 15 milhões, R$ 20 milhões, até mais. Nós estamos passando para R$ 1 milhão, então tem gente do setor artístico que está revoltada e quer algumas exceções. Eu acho que não tem que ter exceção nenhuma, porque, com todo o respeito, você com R$ 1 milhão, para você divulgar e ter um espaço junto ao povo brasileiro para a sua obra, é mais do que o suficiente”, disse na entrevista. A última edição da Bienal de São Paulo, que acontece em anos pares, foi autorizada a captar R$ 8,9 milhões. A do Rio, que acontece entre agosto e setembro próximos, está autorizada a captar R$ 5 milhões. Clique no Leia Mais e confira a íntegra desta nota.

PublishNews, Redação, 10/04/2019

Sara Börsvik, chefe de operações da Bonnier, informou que os novos audiolivros do grupo não estarão mais na Storytel | © Maria Annas, DivulgaçãoA Bonnier, maior grupo editorial sueco, anunciou nesta quarta-feira (10), que não disponibilizará mais seus futuros lançamentos em audiolivro na Storytel, a exitosa plataforma de assinatura de audiolivros e e-books. “Neste momento, nós na editora Bonnier não estamos de acordo nem com o nível de remuneração a partir de agora nem com a forma que podemos trabalhar juntos os nossos títulos”, declarou Sara Börsvik, chefe de operações da editora Bonnier. Na prática, a Bonnier acha que o pagamento por livro escutado feito dentro do modelo de revenue share da Storytel é muito abaixo. Além disso, segundo a revista setorial sueca Boktugg, o grupo editorial sueco prefere uma remuneração fixa por livro.

PublishNews, Leonardo Neto, 10/04/2019

Work in progress: equipe instala novo equipamento com o qual a gráfica espera dobrar sua capacidade de produção | © DivulgaçãoA despeito da crise que levou a gigante RR Donnelley a pedir a sua autofalência, a Forma Certa, gráfica que se especializou na impressão de baixas tiragens e na solução de personalização de livros, está ampliando a sua capacidade de produção. Em duas semanas, ela se muda para um parque gráfico em Barueri (Grande SP), quatro vezes maior do que o que ocupava no Jaguaré, na Zona Oeste de capital paulista. Com a mudança, veio a aquisição de equipamentos da HP com o qual a gráfica prevê dobrar a sua capacidade produtiva nesse ano. A previsão é que tudo esteja 100% instalado até o começo do próximo semestre. De acordo com Fabrício Lemos, diretor comercial da casa, há uma demanda crescente na área editorial. “Os editores entenderam que precisam imprimir se necessário e só o que é necessário”, disse em encontro que teve com o PublishNews. Clique no Leia Mais e tenha acesso à íntegra desta nota.

PublishNews, Redação, 10/04/2019

Rodrigo Casarin é o convidado dessa semana da PublishNews TVRodrigo Casarin foi finalista da última edição do Prêmio IPL – Retratos da Leitura pelo seu trabalho no blog Página Cinco, mantido pelo UOL e que acaba de completar quatro anos de vida. Ele foi o convidado do episódio dessa semana da PublishNewsTV. Na conversa com André Argolo, além de contar episódios da sua vida profissional e pessoal, ele fez reflexões sobre o jornalismo literário: “Diferente do que muita gente pensa, o jornalismo literário não é uma escola feita para se cobrir a literatura ou o mercado editorial, mas um tipo de jornalismo que você vai usar ferramentas da literatura para fazer textos de fôlego, de grande profundidade: perfis, biografias, grandes reportagens...”. Ele falou ainda dos bastidores do Página Cinco, como constrói as suas pautas e qual a sua relação com editores e autores. Sobre isso, Casarin disse que busca fazer abordagens pouco ortodoxas no seu canal. “Falar de livros numa sociedade que não lê, você não vai ter impacto nenhum daquilo que você está escrevendo, então, você tem que chamar a atenção para o objeto livro de alguma forma e, a partir daquilo, quem sabe, o livro em si vai conseguir falar algo para um público mais amplo”, disse. Clique no Leia Mais para conferir o programa.

PublishNews, Redação, 10/04/2019

O Prêmio AEILIJ, concedido pela Associação de Escritores e Ilustradores de Literatura Infantil e Juvenil, anunciou os finalistas da sua segunda edição. Foram cinco escolhidos em cada uma das três categorias. Em Texto Literário Infantil, figuram nomes como Celso Sisto, com o livro Agora pode chover (Melhoramentos); Sônia Barros, com Biruta (Moderna); e Maria Helena Bazzo, com O menino do bolso furado (Passarinho). Em Texto Literário Juvenil, João Paulo Hergesel, Flávia Muniz e Roseana Murray aparecem entre os finalistas, e em Conjunto de Ilustrações estão nomes como Marcelo Pimentel, Ana Cunha, Odilon Moraes, André Neves e Jean-Claude Alphen. Os vencedores de cada categoria, assim como o livro que receberá o novo selo de Hors Concours da AEILIJ, serão anunciados durante o evento Conversa Literária Edição Especial, marcado para acontecer no próximo dia 18 de abril, Dia Nacional do Livro Infantil, na Biblioteca Parque Estadual do Rio de Janeiro (Av. Pres. Vargas, 1261). Clique no Leia Mais para conferir a lista completa dos selecionados.

PublishNews, Redação, 10/04/2019

Taubaté carrega o título de Capital Nacional da Literatura Infantil. Isso por conta do seu filho mais ilustre, Monteiro Lobato. Para comemorar o legado deixado pelo autor, a Semana Literária Monteiro Lobato chega a sua quarta edição, com diversas atrações literárias e infantis. O evento começa na próxima terça (16), seguirá até domingo (21), no hall do Moviecom Cinemas do Taubaté Shopping (Av. Charles Schnneider, 1.700 – Taubaté / SP) e terá como tema, os 100 anos da publicação do livro Cidades mortas e o centenário da historiadora taubateana Maria Morgado de Abreu. Entre os convidados estão o músico Renato Teixeira, o cartunista Maurício Ricardo, a poeta nordestina Maria Galindo, a autora Amara Moira, o jornalista Rodrigo Casarin, o editor-chefe do PublishNews, Leonardo Neto e o ex-ministro da Educação Renato Janine Ribeiro. Para a criançada, será exibido na Moviecom Cinemas, um festival de desenhos do Sítio do Picapau Amarelo, além de uma oficina de ciências com o Visconde de Sabugosa e números musicais com personagens. Clique no Leia Mais para conferir a programação completa e mais detalhes do evento.

PublishNews, Redação, 10/04/2019

Na HQ A bela morte (Sesi-SP, 160 pp, R$ 89,90 – Trad.: Fernando Paz), escrita e ilustrada por Mathieu Bablet, mesmo autor de Shangri-la (também publicado pela Sesi-SP), a Terra foi devastada por insetos gigantes vindos do espaço. Os únicos sobreviventes são Wayne, Jeremias e Soham. Eles não sabem exatamente o que aconteceu e nem se vão sobreviver por muito mais tempo. Então, o que fazer? Nesse mundo aniquilado, nada parece capaz de permanecer vivo e cabe a eles procurar uma saída sem perder a esperança, mesmo que a cada dia, mais coisas estranhas continuem a aparecer como, por exemplo, um vilão como eles nunca tinham visto antes.

PublishNews, Redação, 10/04/2019

A HQ Bone começou a ganhar vida nos anos 1970, quando seu autor, Jeff Smith, tinha menos de dez anos. Mas foi só em 1991 que os primos Bone ganharam as páginas impressas em formato de gibis. Por aqui, essas histórias que se tornaram um dos mais cultuados quadrinhos de todos os tempos estão sendo publicadas pela Todavia que já havia lançado um primeiro volume e agora chega com Bone: Phoney contra-ataca ou solstício (Todavia, 416 pp, R$ 79,90 - Trad.: Érico Assis). Agora, as peças estão sobre o tabuleiro e a guerra vai começar. Os três primos se veem em meio a um conflito que irá transformar para sempre o Vale. Enquanto Espinho junta as pistas para entender seu passado, Kingdok e o Encapuzado seguem na missão de capturar a princesa e aquele que porta a estrela. Em meio a isso, Phoney continua tentando se dar bem a qualquer custo. Como novo líder do vilarejo, ele pretende dar mais um de seus golpes e fugir de volta para Boneville. Contudo, seu plano poderá conduzir todos a um desastre de terríveis proporções. Com muita aventura e humor, o segundo volume da série colocará os primos Bone, Espinho, Vovó Ben e Lucius no meio do maior conflito de suas vidas.

“Pra ser escritor você não precisa estudar a fundo as literaturas mundiais e as teorias analíticas. Pra ser um bom crítico literário isso é absolutamente necessário.”
Reinaldo Moraes
Escritor brasileiro
1.
A sutil arte de ligar o foda-se
2.
O milagre da manhã
3.
O poder oculto
4.
Seja foda!
5.
A cinco passos de você
6.
Me poupe!
7.
Do mil ao milhão
8.
As aventuras na Netoland com Luccas Neto
9.
O poder da ação
10.
Pai rico, pai pobre
 
 
©2001-2019 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.