Apanhadão: Paulo Coelho é o primeiro brasileiro a fazer parte do catálogo da Folio Society
PublishNews, Redação, 07/01/2019
E mais: O novo livro do Papa, estudo mostra que tá difícil viver só de escrita nos EUA e Jessé de Souza deixa LeYa e passa a ter seus livros publicados pelo selo Estação Brasil (Sextante)

Na coluna Painel das Letras deste fim de semana, o destaque foi para o livro O alquimista, de Paulo Coelho, que entrou para o catálogo da Folio Society, editora britânica de livros ilustrados. Coelho é o primeiro brasileiro a ser publicado pela casa. A coluna adiantou ainda que o selo Estação Brasil, da Sextante, publicará três títulos de Jessé de Souza que antes eram da LeYa: A elite do atrasoA tolice da inteligência brasileira e Subcidadania.

O Globo publicou matéria sobre um estudo recente da Associação Americana de Escritores que mostra que a atividade pode nem sequer gerar renda suficiente para sobrevivência. Segundo a pesquisa, que considerou cinco mil autores de diferentes gêneros, o salário médio de escritores em tempo integral foi de US$ 20,3 mil dólares anuais (cerca de R$ 75 mil na cotação atual) em 2017, e, quando escritores de meio expediente eram considerados, de US$ 6,08 mil — uma queda de 42% em relação aos US$ 10,5 mil em 2009. Além disso, o dinheiro estritamente relacionado a vendas de livros, como royalties e adiantamentos de editoras, também tive um decréscimo de 30% para autores em tempo integral desde 2009.

Ainda n’O Globo, Lauro Jardim adiantou que a Fontanar irá publicar em fevereiro, o 14º livro do Papa Francisco aqui no Brasil. Lições do Papa Francisco: inspirações para uma vida melhor traz sua visão para lidar com as dificuldades do dia a dia e é o terceiro do Papa pela mesma editora. Já Ancelmo Gois contou que outro youtuber vai virar escritor. Mauro Nakada, com mais de 2,7 milhões de inscritos em seu canal, está fazendo pelo Catarse, a pré-venda de O guia do mochileiro terráqueo: Em busca das 7 maravilhas, pela Novo Século, livro em que conta sobre os 14 países visitados e os mais de 100 mil km percorridos.

Tags: Apanhadão
[07/01/2019 06:00:00]