Publicidade
Publicidade
Lista de Mais Vendidos de Ficção de 01/01/2018 a 07/01/2018
Livros
1
6.157
Origem
Dan Brown
Arqueiro
2
3.944
Tartarugas até lá embaixo
John Green
Intrínseca
3
3.766
O homem mais feliz da história
Augusto Cury
Sextante
4
2.856
Mais escuro
E. L. James
Intrínseca
5
2.438
O homem mais inteligente da história
Augusto Cury
Sextante
6
2.172
Outros jeitos de usar a boca
Rupi Kaur
Planeta do Brasil
7
1.792
Mitologia nórdica
Neil Gaiman
Intrínseca
8
1.617
Ordem vermelha
Felipe Castilho
Intrínseca
9
1.599
Depois de você
Jojo Moyes
Intrínseca
10
1.436
It - A coisa
Stephen King
Suma de Letras
11
1.297
Textos cruéis demais para serem lidos rapidamente
Igor Pires da Silva / Gabriela Barreira
Globo Alt
12
1.283
O conto da Aia
Margaret Atwood
Rocco
13
1.281
O livro dos ressignificados
@akapoeta
Paralela
14
1.180
A revolução dos bichos
George Orwell
Companhia das Letras
15
836
O hobbit
J. R. R. Tolkien
WMF Martins Fontes
16
798
A travessia ( edição econômica)
William P. Young
Arqueiro
17
752
A cabana ( edição econômica)
William P. Young
Arqueiro
18
730
Paris para um e outros contos
Jojo Moyes
Intrínseca
19
674
1984
George Orwell
Companhia das Letras
20
656
Grey
E. L. James
Intrínseca
Período de apuração: 01/01/2018 a 07/01/2018
Data de publicação: 12/01/2018
Metodologia
O ranking de livros mais vendidos é elaborado a partir da soma simples das vendas de todas as livrarias consultadas (ver quadro ao lado). Os números e gráficos aqui apresentados refletem justamente esta soma. Trata-se, portanto, de uma amostra e não do universo da venda de livros no Brasil. Como as livrarias mandam no máximo listas com os 20 livros mais vendidos em cada categoria, as posições finais da lista, a partir do 15º lugar, apresentam uma maior margem de erro.

Cada título é considerado em apenas uma categoria. Por exemplo, os livros de negócio e autoajuda não são considerados na lista de não ficção. Além disso, cada edição de uma obra é considerada individualmente. Livros em domínio público, com diversas edições com ISBNs diferentes em editoras diversas não têm suas vendas somadas.

O ranking de editoras é resultado do número de títulos que cada editora ou selo coloca na lista e não reflete a quantidade de livros vendidos. No caso dos rankings mensal e anual, a contagem é feita pelo número total de títulos que apareceram em quaisquer das listas semanais durante o período em questão, e não pela quantidade de livros nas listas consolidadas mensais ou anual. Ou seja, a editora com mais títulos em listas semanais será a líder do ranking.
O mercado editorial não é algo separado do resto da economia. É uma falácia essa crença de que os livros são um lugar de escape em momentos de crise.
Marcos da Veiga Pereira
Presidente do SNEL
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Você está buscando um emprego no mercado editorial? O PublishNews oferece um banco de vagas abertas em diversas empresas da cadeia do livro. E se você quiser anunciar uma vaga em sua empresa, entre em contato.

Procurar

Precisando de um capista, de um diagramador ou de uma gráfica? Ou de um conversor de e-books? Seja o que for, você poderá encontrar no nosso Guia de Fornecedores. E para anunciar sua empresa, entre em contato.

Procurar

O PublishNews nasceu como uma newsletter. E esta continua sendo nossa principal ferramenta de comunicação. Quer receber diariamente todas as notícias do mundo do livro resumidas em um parágrafo?

Assinar