Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 15/08/2023
Desde 1992 a Distribuidora Loyola, tem prestado serviço ao setor de Livros, com o princípio de buscar sempre o melhor para seus clientes
Mais de 15 anos colaborando com o mercado editorial, especialistas em produção de capa, projeto gráfico, diagramação, ilustração e branding
A Catavento atua no mercado de distribuição de livros para todo o país.
PublishNews, Guilherme Sobota, 15/08/2023

A receita líquida da Livraria Saraiva alcançou R$ 7,3 milhões no segundo trimestre de 2023, registrando redução de 60,8% quando comparada com o mesmo período do ano passado, em decorrência da redução do número de lojas na rede de 36 para seis. Os números foram divulgados nesta segunda-feira (14) no balanço da empresa. O prejuízo líquido ajustado da empresa foi de R$ 16,2 milhões no 2T23, indicando melhora de 26% em relação ao 2T22. Em 30 de junho de 2023, o saldo total de caixa disponível, caixa bloqueado e recebíveis era de R$ 100 mil, contra R$ 21,1 milhões em 30 de junho de 2022. A rede mencionou no relatório o cenário macroeconômico desfavorável. "A persistência da alta taxa de juros e da escassez de crédito, mesmo diante de uma menor pressão inflacionária no mês de junho, combinada com o endividamento e reduzido poder de compra das famílias brasileiras dificultou, sobremaneira, a capacidade da Saraiva de identificar meios efetivos para manter a estabilidade de suas operações", diz o documento. Clique no Leia Mais para ler a matéria na íntegra.

PublishNews, Guilherme Sobota, 15/08/2023

Rodrigo Casarin está pronto para pular para o outro lado lado do balcão – pelo menos momentaneamente. Nesta quinta-feira (17), o jornalista de literatura e colunista do UOL lança o seu primeiro livro, A biblioteca no fim do túnel: um leitor em seu tempo (Arquipélago), a partir das 18h30, na Livraria da Travessa de Pinheiros (R. dos Pinheiros, 513, São Paulo / SP). No livro, Casarin reúne alguns de seus textos para a coluna Página Cinco, mas também de outros veículos, como o jornal Rascunho. Leitor atento e jornalista curioso, são-paulino que "passa raiva", como ele mesmo diz, e fã de Dom Quixote, o autor compartilha no livro suas experiências de leitura, reflexões sobre as relações entre as letras e o mundo "real", e tiradas espirituosas sobre organização de bibliotecas, causos literários, prêmios e eventos – entre diversas outras surpresas. Rodrigo Casarin respondeu a três perguntas do PublishNews. Clique no Leia Mais para ler a entrevista na íntegra.

PublishNews, Beatriz Sardinha e Guilherme Sobota, 15/08/2023

A Festa Literária de Santo André (FLISA), inicialmente marcada para ocorrer entre os dias 17 e 20 de agosto no Paço Municipal de Santo André (Praça IV Centenário, s/n – Santo André / SP), foi cancelada pela prefeitura da cidade. A FLISA receberia um investimento de R$ 3,3 milhões e seria realizada pela empresa contratada SP Eventos, em conjunto com a Secretaria de Educação de Santo André. Entretanto, a prefeitura do município divulgou um comunicado no dia 9 de agosto em que justifica o cancelamento do evento por conta de problemas estruturais, envolvendo questões com um reservatório do prédio e forros da laje da biblioteca. O evento vinha sendo alvo de duras críticas de escritores e produtores culturais do ABC. Os autores reclamaram da curadoria do evento, por conta da ausência inicial da participação de autores andreenses na programação, pela falta de diálogo com os produtores locais e pela própria ausência da Secretaria de Cultura na construção da Festa. O vereador Ricardo Alvarez (PSOL) chegou a enviar um requerimento de informações à Prefeitura solicitando esclarecimentos. O PublishNews entrou em contato com a Prefeitura de Santo André e ainda não obteve resposta. Clique no Leia mais para ler a nota na íntegra.

PublishNews, Redação, 15/08/2023

O @bookster Pedro Pacífico participará do Café Literário, na Bienal do Livro Rio, no sábado, dia 9 de setembro. Na mesa Daria um Livro, uma gravação de um episódio de seu podcast, Pedro receberá Gabriela Prioli. Haverá também uma sessão de autógrafos após a mesa. Ele também participa de outras duas mesas no evento. Já nesta quinta-feira (17), o autor lança o seu livro Trinta segundos sem pensar no medo (Intrínseca), na Livraria da Vila JK (Av. Juscelino Kubitschek, 2041 Loja 335/336 - Piso 2 - Itaim Bibi, São Paulo / SP), a partir das 19h. Clique no Leia mais para ler a nota na íntegra.

PublishNews, Redação, 15/08/2023

Os tradicionais encontros entre alunos e escritores dentro das escolas, que marcam a largada para a Bienal do Livro Rio, já têm data marcada: 15 e 16 de agosto. Nestes dois dias, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (SME), os poetas Stephanie Borges e Allan Dias Castro estarão em escolas da rede municipal de ensino do Rio de Janeiro para ministrar oficinas de poesia com estudantes do 9° ano. Quem abre a rodada, nesta terça (15), é Stephanie Borges, que além de fazer parte do time de curadores da Bienal do Livro Rio, é autora da obra Talvez precisemos de um nome para isso (Cepe). No dia 16, quarta-feira, será a vez de Allan Dias Castro – autor de Voz ao verbo (Sextante) e O colecionador de saudades (Sextante) ministrar a oficina que terá como tema “Vozes aos sonhos”, onde os alunos, além de aprender técnicas para escrever poesias, serão estimulados a expressar seus sonhos através dos versos. Clique no Leia mais para ler a nota na íntegra.

PublishNews, Redação, 15/08/2023

A Arte da política econômica (História Real) é o relato pessoal e original de trinta desses brasileiros que ajudaram a formular algumas das políticas públicas mais impactantes da nossa história moderna. A sessão de autógrafos da obra acontece nesta quarta-feira (16), a partir das 18h30, na Livraria da Travessa do shopping Iguatemi (Av. Brig. Faria Lima, 2232 – São Paulo / SP). Clique no Leia mais para ler a nota na íntegra.

PublishNews, Redação, 14/08/2023

Os escritores Jeferson Tenório e Regina Azevedo vão participar de encontros com leitores a partir desta terça-feira (15), em quatro unidades do Sesc RJ. Os encontros são promovidos pelo projeto Arte da Palavra, da Rede Sesc de Leituras, que oferece ao público fluminense a oportunidade de conhecer autores renomados do meio literário brasileiro e ouvir deles suas experiências com o ofício da escrita. A entrada é franca. Os encontros vão ocorrer nos dias 15 de agosto, às 15h, no Sesc São Gonçalo; no dia 16 de agosto, às 19h, no Centro Cultural Arte Sesc, no Flamengo, Zona Sul do Rio; no dia 17 de agosto, às 15h, no Sesc Madureira; e no dia 18 de agosto, às 19h, no Sesc Ramos, na Zona Norte do município. As mesas redondas de São Gonçalo, Madureira e Ramos terão a mediação da escritora Simone Mota. Clique no Leia Mais para ler a nota na íntegra.

PublishNews, Redação, 15/08/2023

''Não faço poemas, faço desenhos/ com os dentes, mordendo o papel.'' Aí exemplificado, o ardor visceral com que Nuno Ramos se atira ao ato regenerador de escrever. Jardim Botânico (Todavia, 70 pp, R$ 59,90) é uma escavação em si mesmo, um solilóquio corajoso em que o poeta se embrenha a questionar-se sobre o valor e o sentido de suas próprias vivências. O que ele busca, ao que parece, é atingir o ponto mais profundo, o extremo limite de sua autenticidade como criador e pessoa. Nuno Ramos nasceu em São Paulo, em 1960. É autor de diversos livros, entre eles Verifique se o mesmo e Fooquedeu, ambos também publicados pela Todavia.

“A vida é uma história contada por um idiota, cheia de som e de fúria, sem sentido algum.”
William Shakespeare
Escritor inglês (1564-1616)
1.
A arte de falar e fazer
2.
7+1 passos para conquistar o que mais sonhou
3.
Café com Deus pai
4.
Nunca foi segredo
5.
A biblioteca da meia-noite
6.
Mais esperto que o diabo
7.
O poder da autorresponsabilidade
8.
Desperte a mulher brilhante que existe em você
9.
É assim que começa
10.
Tudo é rio
 
PublishNews, Redação, 15/08/2023

Poeta, editor, tradutor, pintor, agitador e ativista, Lawrence Ferlinghetti (1919-2021) foi uma das figuras centrais do movimento Beat e uma das grandes vozes da contracultura nos Estados Unidos no século XX. Fundador da famosa livraria e editora City Lights, em São Francisco, que publicou autores como Jack Kerouac, Allen Ginsberg e muitos outros, criou ele próprio uma poesia popular, subversiva e irreverente, pela qual foi amplamente reconhecido e premiado dentro e fora de seu país. Poesia como arte insurgente (Editora 34 , 104 pp, R$ 51 – Trad.: Fabiano Calixto) é a sua ars poetica, a súmula de suas reflexões e provocações sobre poesia e vida, arte e ativismo, em cinco textos que escreveu e reescreveu ao longo de décadas. Um livro para nos tirar da letargia e da rotina; para reacender a chama da alegria, do pensamento, da criatividade e da coragem. “Livro de combate, de carregar pela rua, no bolso e no coração”, escreve o tradutor e poeta Fabiano Calixto no prefácio. E, quando tantos se perguntam para que serve a poesia nestes tempos apocalípticos, Ferlinghetti responde: “A poesia é a Resistência suprema”.

PublishNews, Redação, 15/08/2023

Inspirado pelas inquietações provocadas pelo universo da existência humana, entre o real e o simbólico, num visitar e revisitar da vida, que misturam lembranças e urgências, o autor Lucas Guimaraens apresenta seu mais novo livro de poemas, Amarrar o Corpo na Lua (7 letras, 116 pp, R$ 49). Segundo Lucas, seu livro nasce a partir de 2019 e adensa-se entre 2021 e 2022, quando o autor sente a necessidade de expressar suas ideias e sentimentos, diante do espanto frente às dificuldades e incertezas da vida e relações humanas polarizadas e frágeis. A obra apresenta uma estrutura poética intensa, que contempla e evoca tanto o tempo interno como o tempo histórico, tanto as emoções como as forças da natureza, trazendo à tona o que há de mais belo e único na arte literária, a empatia de olhar a si no olhar do outro, criando sentidos a cada nova leitura.

PublishNews, Redação, 15/08/2023

Separado por quatro capítulos temáticos, totalizando cerca de 40 poemas, Edifício (Patuá, 80 pp, R$ 45) combina ironia e lirismo, o metafísico e o mundano, tradição e modernidades. O primeiro capítulo, batizado como Timeline, explora em linguagem crítica o universo digital em que se dá grande parte da nossa experiência de vida hoje. O capítulo seguinte, que dá nome ao livro, reflete em tom mais lírico sobre os limites do que entendemos por construção, literal e metaforicamente. Os versos do capítulo Mundos, por sua vez, ecoam os sentimentos derivados da inescapável diversidade daquilo que nos circunda. E, em Paisagem, capítulo final, o autor parece se sentar ao lado do leitor para conversar sobre tudo o que se torna possível pela lente simples da contemplação. Renomada poeta contemporânea, Bruna Mitrano faz de seu prefácio uma consistente análise de todos os capítulos e traça um belo panorama da poética que o leitor vivenciará a partir dali.

 
©2001-2023 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Henrique Schaumann, 1108 A, CEP 05413-011 Pinheiros, São Paulo -SP
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.