Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 14/04/2021
A Transpo Express é uma transportadora que já atua há 10 anos focada completamente no segmento editorial
A Catavento atua no mercado de distribuição de livros para todo o país.
Um agregador digital como a Bookwire, com tecnologia de ponta, informações ágeis e um painel de controle completo é fundamental para o sucesso de sua editora e de seus e-books. E agora toda esta tecnologia está disponível no Brasil.
PublishNews, Redação, 14/04/2021

Blooks da rua Voluntários da Pátria, inaugurada em 2019 no Rio de Janeiro, encerrou as suas atividades | © Facebook da livrariaA segunda onda da covid-19 veio logo depois das festas de fim de ano, quando muitos brasileiros ignoraram as orientações de isolamento social e fizeram reuniões. A conta chegou e está estampada em todos os noticiários do país. O estado de São Paulo, um dos principais mercados consumidores do Brasil, fechou seu comércio considerado não essencial, na fase roxa, finalizada na última segunda-feira (12). São Paulo é só um exemplo. Medidas restritivas foram impostas em diversos outros estados e cidades, como tentativa de conter a epidemia. Qual o impacto disso na venda de livros? A pedido do PublishNews, a Yandeh fez o levantamento considerando apenas as livrarias físicas, algumas delas com operações em ambientes virtuais. De acordo com a empresa que monitora a venda de livros por esse tipo de comércio, entre os dias 29 de março e 04 de abril, o número de exemplares vendidos no Brasil caiu 73%, quando confrontado com a primeira semana de 2021, que já apresentava queda de 34% na comparação com igual semana de 2020. Um dos reflexos desse abre-e-fecha do comércio é o fechamento em definitivo de unidades. A Blooks, por exemplo, confirma o fechamento de duas lojas: a da Avenida Paulista, em São Paulo, e a da rua Voluntários da Pátria, no Rio de Janeiro. Em comum as duas lojas estavam atreladas a cinemas; a de São Paulo, ao Reserva Cultural, e a do Rio de Janeiro ao Estação NET Rio. Clique no Leia Mais e confira a íntegra desta nota.

PublishNews, Redação, 14/04/2021

Um dos grandes assuntos do momento é a possível tributação do livro. O tema foi reacendido depois que a Receita Federal publicou um documento com perguntas e respostas a respeito da Contribuição sobre Bens e Serviços (CBS), um dos principais tópicos da reforma tributária apresentada pelo governo ao Congresso Nacional. No documento, a Receita repete o argumento de que o livro é um produto das elites para justificar a tributação. Esse será o tema do Podcast do PublishNews que vai ao ar na próxima segunda-feira (19), com a participação da economista Mariana Bueno e do tributarista Hugo Machado Segundo. E, pela primeira vez, a gravação do Podcast será transmitida ao vivo pela página do PN no Facebook. É a chance de os ouvintes e assinantes do PN participarem do programa, enviando perguntas e dúvidas. A gravação acontece nesta quinta-feira (15), às 16h30.

PublishNews+, Redação, 14/04/2021

© André HoffO Radar de Licitações, seção fixa do PublishNews+, traz mais dois editais. O primeiro para compra de livros jurídicos e de áreas como medicina, psicologia, ciências sociais e ciência política, biblioteconomia, recursos humanos, inovação de pessoas, administração; filosofia e história, segurança e meio ambiente no trabalho, finanças, entre outras. O segundo edital é para a compra de livros para compor o acervo de uma biblioteca pública. São 969 exemplares, a maioria livros de CTP. O Radar de Licitações é um serviço do PublishNews+, área exclusiva de assinantes do PublishNews, em parceria com Natália Vieira. Para acessar o Radar dessa semana, clique aqui.

PublishNews, Redação, 14/04/2021

Vicente e Pablo vão discutir as possibilidades da RA para o mercado editorial num webinar marcado para o próximo dia 27A indústria editorial está inserida em outra indústria: a da atenção. As 24 horas de qualquer pessoa precisam ser divididas entre dormir, trabalhar, estudar, se atualizar nas redes sociais, assistir a filmes e séries, ouvir música e, se der tempo, ler (em outubro passado, Cindy Leopoldo escreveu, em sua coluna, um artigo muito relevante sobre o tema, vale reler). A briga, então, é pelo tempo e pela atenção do leitor e a interação é uma ferramenta poderosa nessa conquista e a tecnologia está aí para ajudar nisso. A realidade aumentada, por exemplo, permite que o leitor interaja com o livro e crie a sua própria versão virtual em 3D. Por que não usá-la com mais frequência para reter a atenção do leitor? Como os editores podem usar essa tecnologia? Quais os requisitos? Como acessar? Tudo isso será debatido no webinar Como a RA pode fazer parte do editorial?, que o PublishNews realiza, em parceria com a PosiGraf, no dia 27 de abril, às 17h. Para debater o tema, foram escalados Pablo Funchal, co-fundador e CEO na xGB, startup especializada em realidade aumentada, e Vicente Vieira, sócio-fundador e diretor de negócios da Manifesto Games, que atua há 17 anos na área de jogos digitais e plataformas educacionais lúdicas. As inscrições gratuitas podem ser feitas clicando aqui.

PublishNews, Redação, 13/04/2021

Em 2020, o Conexão Metabooks trouxe importantes convidados para discutir o cenário do mercado do livro em uma época cheia de incertezas. Agora, após um ano de pandemia, o mercado global do livro tem muito a analisar e nesse meio tempo, já podemos tirar algumas conclusões importantes. Pensando nisso, a próxima edição do projeto chamou dois especialistas no mercado do livro para realizarem juntos uma análise sobre o tema. Na próxima quinta (15), às 13h, Edward Nawotka, editor de assuntos internacionais e livrarias da Publishers Weekly, e Rüdiger Wischenbart, fundador da Content and Consulting, estarão com Ricardo Costa no bate-papo Espere o inesperado: os números da pandemia na indústria do livro. A conversa será transmitida pelo Facebook do PublishNews e da Metabooks Brasil, plataforma de gerenciamento de metadados alemã e uma marca MVB.

PublishNews, Redação, 14/04/2021

No Brasil, o dia 18 de abril é celebrado o Dia Nacional do Livro Infantil. A data é uma referência ao nascimento de Monteiro Lobato, considerado “pai da literatura infantil brasileira”. Aproveitando as comemorações, o Instituto de Leitura Quindim realiza, em parceria com a Casa de Histórias Sônia Travassos (RJ), o workshop on-line Monteiro Lobato: por que e como ler Lobato com as crianças de hoje?, ministrado pela especialista em literatura infantil e juvenil e estudiosa da obra do autor Sônia Travassos. Nos encontros, realizados nos dias 17 e 24 de abril, das 9h às 12h, serão discutidos os aspectos dos livros de Lobato mostrando porque são um marco na literatura para crianças no Brasil e se tornaram clássicos. As aulas serão divididas em dois módulos, com os temas: Lobato: 100 anos de histórias e Lobato na Escola: tensões e possibilidades. O investimento é de R$ 180 e os interessados têm até o dia 16 para fazerem as inscrições para o workshop, no site do Instituto Quindim.

PublishNews, Redação, 14/04/2021

Mirched Jafar Júnior | © Redes SociaisFaleceu na noite desta terça-feira (13), em Campo Grande, o empresário Mirched Jafar Júnior, publisher da editora e gráfica Alvorada. Mirched estava internado por conta da covid-19 e não resistiu às complicações. Fundada em 1961, a Alvorada foi uma das gráficas mais tradicionais na capital sul-mato-grossense e se tornou também uma editora. Foi do seu braço editorial que saiu, por exemplo, Para encontrar o azul eu uso pássaros: o Pantanal, de Manoel de Barros, em 2011. Em 2017, Michred foi réu – e chegou a ser preso – na quarta fase da Operação Lama Asfáltica, denominada Máquinas de Lama, que investigava lavagem de dinheiro e pagamento de propinas a servidores públicos no estado do Mato Grosso do Sul.

PublishNews, Redação, 14/04/2021

Logo mais, às 19h, o Goethe-Institut estreia mais um projeto, o Telas Literárias, clube de leitura virtual, cujo assunto principal é a literatura alemã contemporânea e seus autores. Com o objetivo de tornar mais conhecidos autores alemães publicados no Brasil e dar mais visibilidade à literatura alemã contemporânea publicada em língua portuguesa, o Telas Literárias realizará encontros mensais abertos ao público via plataforma Zoom. Em cada encontro haverá também um mediador diferente, que trará uma obra e/ou um autor para debater com o público. As datas das reuniões, nomes dos mediadores e lista das obras e autores a serem abordados serão publicados com antecedência, para que o público interessado possa se preparar para a conversa e não é necessário ter lido o livro ou ter conhecimento sobre literatura alemã para participar. No encontro desta quarta (14), o assunto será sobre os principais autores da literatura alemã contemporânea e o convidado será o Christian Ernst, professor visitante na USP e leitor do DAAD em São Paulo. Para se inscrever basta mandar e-mail para daad_sao_paulo@daad.org.br. O próximo encontro, marcado para o dia 13 de maio, será com Gisele Eberspächer sobre o livro Talvez Esther, de Katja Petrowskaja.

“Ler livros economiza tolices.”
Osmair Camargo Cândido
Coveiro brasileiro
1.
Mais esperto que o diabo
2.
Pílulas de resiliência
3.
Mulheres que correm com os lobos (capa dura)
4.
A arte de manipular a sorte
5.
Torto arado
6.
Corte de espinhos e rosas
7.
Box Harry Potter
8.
Do mil ao milhão
9.
A garota do lago
10.
Mindset
 
PublishNews, Redação, 14/04/2021

Publicada originalmente entre os anos de 1950 e 1961 como uma coluna diária no Jornal Última Hora, do Rio de Janeiro, os textos de A vida como ela é (Storytel, 272 min, R$ 27,90 mensal – Narração: Erika Riba, Vilma Melo e Renato Peres) se tornaram parte do imaginário urbano por usar a ficção como espelho de um cenário doméstico da capital carioca e seus personagens crus, completamente emocionais e, sobretudo, falhos. A coluna tornou Nelson Rodrigues um marco da crônica brasileira e sustentou uma grande audiência, tornando as histórias parte do imaginário popular carioca. As crônicas têm como ponto central temas como o adultério, o pecado, os desejos e a moral, temas que causaram escândalo em seu lançamento. Nesta primeira temporada – com dez episódios – crônicas clássicas de A vida como ela é, escolhidas pela própria família de Nelson Rodrigues, tomam o formato do áudio e recriam cenas, vozes e cenários do cotidiano do Rio de Janeiro e que fazem os ouvintes testemunhar a vida suburbana de modo único, como só Nelson Rodrigues soube retratar.

PublishNews, Redação, 14/04/2021

A obra Poemas e contos (Oficina Raquel, 120 pp, R$ 30), de Florbela Espanca, reúne 42 poemas e sete contos em uma coletânea inédita. O livro oferece ao leitor uma visão geral da obra da autora portuguesa, incluindo os poemas mais conhecidos. Florbela incorpora à sua obra um pós-romantismo, ainda que bastante moderno, transitando entre a fragilidade e a força. A poeta do início do século XX, já assumia uma dicção feminista, ao trazer para a fala da mulher uma dialética entre potência e marginalidade. Desse modo, Florbela ocupa um lugar singular na poesia em língua portuguesa, um lugar de abertura. Em sua obra tece o amor, ora pelo caminho da solidão, ora pelo da subversão. Há também um erotismo que agrada aos leitores e que acentua seu lado subversivo, e, assim, a escritora potencializa seu desejo de amar e o coloca em ação. Poemas e Contos é o primeiro lançamento da coleção Mulheres de todos os tempos. As obras que compõem a coleção serão tanto obras de autoras consagradas como textos de escritoras que ainda hoje permanecem menos conhecidas.

 
©2001-2021 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Henrique Schaumann, 1108 A, CEP 05413-011 Pinheiros, São Paulo -SP
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.