Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 18/01/2021
A Transpo Express é uma transportadora que já atua há 10 anos focada completamente no segmento editorial
A área de Soluções em Acessibilidade é uma divisão da Fundação Dorina Nowill para Cegos criada para oferecer o mais amplo portfólio de produtos e serviços acessíveis a empresas que desejam não apenas se adequar à lei
Um agregador digital como a Bookwire, com tecnologia de ponta, informações ágeis e um painel de controle completo é fundamental para o sucesso de sua editora e de seus e-books. E agora toda esta tecnologia está disponível no Brasil.
PublishNews, Redação, 18/01/2021

Em 2017, o Escritório Econômico e Comercial da Embaixada da Espanha em São Paulo lançou o Portal New Spanish Book para o mercado brasileiro. A ferramenta que lista títulos lançados por editoras espanholas disponíveis para publicação no mercado internacional e com subsídios do governo espanhol já estava disponível na Alemanha, França, EUA, Japão e Reino Unido quando aportou por aqui. Nessa semana, o Portal New Spanish Book divulgou uma lista de títulos espanhóis publicados ao longo de 2020, disponíveis para o mercado editorial brasileiro. Ao todo, são 19 títulos distribuídos em quatro categorias: Literatura, Infantojuvenil, Ciências Sociais e Religião e Quadrinhos. Além de apresentar no portal a seleção anual de títulos, de diferentes editoras espanholas, o Ministério da Cultura espanhol oferece concessões para incentivar e promover o conhecimento no Brasil das obras que compõem o patrimônio cultural espanhol, financiando o custo da tradução para a língua portuguesa. Clique no Leia Mais e confira a lista completa de títulos disponíveis e outras informações sobre o mercado espanhol.

PublishNews, Redação, 18/01/2021

Na última sexta-feira (15), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou os resultados da sua Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), referente a novembro, mês da Black Friday. Apesar da data promocional forte, o varejo ficou estável quando comparado com o mês anterior, com variação negativa de 0,1%. No confronto com igual mês do ano anterior, houve perda de ritmo, com o varejo crescendo 3,4% em novembro de 2020, menos que a alta de 8,4% registrada em outubro. Apesar da desaceleração, o setor se encontra 7,3% acima do patamar pré-pandemia, informou o instituto. A queda no consumo de alimentos foi a principal responsável por frear a sequência de altas do setor. Das oito atividades investigadas, cinco cresceram na comparação com o mês anterior, incluindo a categoria “Livros, jornais, revistas e papelaria”, que apresentou crescimento de 5,6% nessa base de comparação. No entanto, na comparação com novembro de 2019, o segmento registrou queda de 15,3%. No ano – de janeiro a novembro de 2020, o setor varejista de Livros, jornais, revistas e papelaria apresentou perda acumulada de 29,7%. Pela metodologia da PMC, não há informações exclusivas de livros, separadas de jornais, revistas e papelaria.

PublishNews, Redação, 18/01/2021

A Livraria Cultura foi tema de matéria da VejaSP. Segundo a revista, a rede que está em recuperação judicial demitiu 30 funcionários no último dia 8 de janeiro e antigos colaboradores relatam rescisões atrasadas e falta de pagamentos do FGTS. A Vejinha entrevistou ex-funcionários e teve acesso a áudios de uma reunião entre o CEO, Sérgio Herz, e os trabalhadores. No encontro virtual, executivo afirmou que a empresa não tem dinheiro e a Cultura “não está fazendo nada demais” em atrasar os pagamentos. Em nota à reportagem, a empresa afirmou que as demissões foram consequência de uma adequação “devido à nova realidade. O mercado migrou para o online e as vendas pela internet representam hoje, em média, 80% do total das vendas no Brasil”. A Folha reproduziu uma matéria publicada no The New York Times sobre os livros românticos que são sucesso de vendas e chegam às plataformas de streaming. Títulos românticos vendem dezenas de milhões de cópias ao ano, e cerca de 10 mil lançamentos acontecem a cada ano nessa categoria. Mas ainda que as redes e serviços de streaming de televisão disputem ferozmente os direitos de adaptar propriedades intelectuais com bases numerosas de fãs, poucos livros românticos de grande sucesso chegaram às telas. Cleo Monteiro Lobato, historiadora e bisneta de Monteiro Lobato, escreveu um artigo para a Folha analisando a obra do pai do Sitio do Picapau Amarelo. Cleo fala da discussão sobre a presença do racismo na obra de Lobato. “Quem quiser ver racismo nos seus livros pode sempre os encontrar”, diz ela, "mas discordo absolutamente da conclusão de que a obra deva ser esquecida”. Clique no Leia Mais para conferir a íntegra desta nota.

PublishNews, Redação, 18/01/2021

Desde a semana passada, cinco novas livrarias passaram a fazer parte da Lista de Mais Vendidos do PublishNews: a baiana LDM, as gaúchas Santos e Vitrola, a mineira Livruz e a Vozes que tem 20 lojas espalhadas pelo Brasil. As novas entrantes fazem parte de um acordo de cooperação entre o PN e a yandeh, plataforma que oferece soluções de inteligência de negócios para editoras, distribuidores e livrarias. Com isso, a lista semanal do PN passa a contabilizar as vendas de 22 redes. Para conferir a lista completa, clique aqui.

PublishNews, Redação, 18/01/2021

No dia 23 de janeiro, a Casa Educação dá início ao curso de Aquisição de originais e planejamento editorial, ministrado por Marcio Coelho, consultor e colunista do PublishNews. As aulas têm como objetivo oferecer o conhecimento necessário para que o participante compreenda o que é e como é possível fazer a aquisição de originais, nacionais ou estrangeiros, de uma maneira mais objetiva. Isso significa sua importância como um passo na construção de um catálogo ou no desenvolvimento de um catálogo já existente; como chegar em autores internacionais; como chegar em autores nacionais; avaliação de originais; o peso de cada título no catálogo; e como decidir sobre a publicação. Além disso, na parte de planejamento editorial a ideia é mostrar aos alunos todos os passos para se planejar a produção, desde a prospecção dos originais, o papel do editor, os gargalos que a produção impõe e como lidar com os problemas que aparecem no caminho. As aulas seguirão até 20 de fevereiro, sempre aos sábados, das 9h às 13h, e o investimento é de R$ 490, podendo ser dividido em até 12 vezes.

PublishNews, Redação, 18/01/2021

Há 12 anos, o Skoob, a rede social que reúne milhares de leitores brasileiros, dava os primeiros passos com seu site. Depois dele, veio o App do Skoob – disponível para Android e iOS – que teve uma boa aceitação entre os usuários e traz agora uma nova versão. Uma das novidades é o Desafio Skoob que tem como objetivo estimular o hábito da leitura em que cinco níveis são apresentados ao participante. Para conquistar os títulos é preciso ler, resenhar, avaliar e registrar a data de cada leitura. E agora, além da tradicional estante virtual que o usuário pode criar, a nova versão ganhou um recurso chamado T.B.R. (To be read) que permite que o app sorteie qual será sua próxima leitura com base na lista de livros que o usuário colocou como meta de leitura. O aplicativo traz ainda a ferramenta Tempo de Leitura, que possibilita cronometrar o tempo que o leitor leva na leitura de um livro; a Retrospectiva, que reúne a movimentação literária do ano inteiro, mostrando estatísticas de leitura e permite também o usuário saiba há quanto tempo ele está na rede social e fique por dentro das principais pré-vendas e lançamentos das editoras parceiras.

PublishNews, Redação, 18/01/2021

Depois de cinco anos sem apresentar um livro inédito para seus leitores, Eduardo Spohr lança seu primeiro romance histórico, Santo Guerreiro: Roma invicta (Verus, 588 pp, R$ 59,90). A história começa descrevendo o confronto que deu fim ao Império de Palmira, um dos territórios que se rebelaram contra o poderio romano. Condecorado pelo imperador, após ter uma participação significativa no episódio, Laios Graco, alto oficial da cavalaria, é morto e suas terras, roubadas. Seu filho, o jovem Georgios, foge para a capital com o objetivo de se apresentar ao imperador Diocleciano, antigo companheiro de seu pai, na esperança de ser aceito no exército, tornar-se soldado, recuperar suas posses e vingar a família. Com base em documentos históricos e vestígios arqueológicos, Spohr transporta o leitor de volta à Antiguidade tardia, a um tempo em que o aço, o amor e a intriga governavam o destino dos homens ― e, por conseguinte, os rumos da história. O livro é o primeiro de uma trilogia que se propõe a contar a biografia de São Jorge pelo prisma histórico.

PublishNews, Redação, 18/01/2021

Em março de 1890, o engenheiro agrônomo e médico veterinário Giovanni Rossi desembarca no porto de Paranaguá, acompanhado de cinco companheiros de luta e ideal anarquista com algo mais do que os simples sonhos de um imigrante italiano no Novo Mundo. Intelectual de posição própria, Rossi chega ao Brasil com o intuito de colocar radicalmente à prova não só os conhecimentos que havia acumulado na organização de comunidades agrícolas autossustentadas, mas também o horizonte utópico de seus contemporâneos. Seu objetivo: a fundação de uma colônia rural guiada, de um lado, pela partilha igualitária do trabalho e dos recursos materiais e, de outro, pela crítica radical aos paradigmas morais, políticos e econômicos da sociedade liberal europeia. Valendo-se de experimentalismo científico e empenho revolucionário, Rossi almeja demonstrar a viabilidade do surgimento de uma nova sociedade. Ficção histórica de Miguel Sanches Neto, Um amor anarquista (Grua Livros, 232 pp, R$ 42) percorre os caminhos e descaminhos de uma comunidade de indivíduos dispostos a abandonar as tradicionais concepções de amor, família, religiosidade e posse e enfrentar os próprios limites íntimos em nome da realização de um ideal de humanidade.

“Não pode haver intelectuais se não há leitores.”
Jürgen Habermas
Filósofo alemão
1.
Mais esperto que o diabo
2.
A sutil arte de ligar o foda-se
3.
Do mil ao milhão
4.
Atitude positiva diária
5.
O poder da ação ( edição de luxo)
6.
O poder da autorresponsabilidade
7.
A revolução dos bichos
8.
Pai rico, pai pobre - Edição de 20 anos
9.
O duque e eu
10.
Mulheres que correm com os lobos (capa dura)
 
PublishNews, Redação, 18/01/2021

“A história de uma família se parece mais com um mapa topográfico do que com um romance, e uma biografia é a soma de todas as eras geológicas que você atravessou”, anota a narradora de A estrangeira (Todavia, 256 pp, R$ 64,90 – Trad.: Francesca Cricelli). Entre a Basilicata e o Brooklyn, de Roma a Londres, da infância ao futuro, este romance de Claudia Durastanti é uma aventura — muito pessoal — que combina novas e velhas migrações. Filha de pais surdos que se opõem à sensação de isolamento com uma relação tão apaixonada quanto raivosa, a protagonista vive uma infância febril, algo frágil, mas capaz, como uma planta teimosa, de deixar raízes em todos os lugares. Descendente de uma família de imigrantes que trocou a Itália pelos EUA, ela nasceu no Brooklyn. Mais tarde voltou com a mãe para a aldeia da família na Itália. Adulta, se muda para Londres. Em todos esses lugares, a mesma sensação: a de ser estrangeira. Mas a menina que se tornou adulta não para de traçar novos caminhos migratórios: para o estudo, para a emancipação, para o amor irremediável. A alteridade se torna parte de seu espírito.

PublishNews, Redação, 18/01/2021

A história de uma família contada através de suas mulheres: Úrsula, Edna, Inácia, Marli e Aline. Cada uma retrata as angústias e as ambições de sua geração, mas também a inércia e a baixa autoestima de uma classe social pouco favorecida, assombrada diante do mundo e de suas próprias escolhas. Na primeira parte de Breu (Faria e Silva, 250 pp, R$ 72), o autor Mário Araújo apresenta quatro histórias aparentemente autônomas. Na primeira, a adolescente Úrsula é humilhada pelas primas por ter ido a um casamento não com um vestido novo, mas sim reformado. A segunda introduz Edna, jovem que dá à luz uma filha e é pressionada pelos pais para continuar morando com eles, enquanto o marido deseja construir uma vida nova e independente. A terceira dá um salto no tempo (dos anos 60 para os 2000) e acompanhamos a adolescente Olívia, vibrante e cheia de planos para o futuro. A quarta narrativa mostra Aline, mulher de 40 anos que visita a avó doente no hospital. O relacionamento entre as duas mistura amor e ódio, piedade e crueldade. A partir do quinto capítulo, já na segunda parte do livro, as vidas dessas quatro mulheres se conectam.

 
©2001-2021 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Henrique Schaumann, 1108 A, CEP 05413-011 Pinheiros, São Paulo -SP
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.