Jean-Paul Dubois vence o Prêmio Goncourt 2019
PublishNews, Redação, 06/11/2019
Autor francês venceu o prêmio com um romance melancólico sobre a perda da felicidade

O Prêmio Goncourt, o mais importante da literatura francófona, anunciou esta semana o vencedor da sua edição de 2019. O escolhido foi o escritor francês Jean-Paul Dubois pela obra Tous les hommes n'habitent pas le monde de la même façon (Nem todos os homens vivem da mesma maneira no mundo). O 22º livro de Dubois conta a história de Paul Hansen, que está preso há dois anos numa prisão em Montreal dividindo a cela com Angel Hells, um homem assustador e comovente preso por assassinato. Acontece que Hansen é um homem bom e durante o livro, o leitor conhece as lembranças de uma felicidade arruinada, em um mundo que desaparece, dando espaço para outro dominado pela injustiça e o desprezo. E só no final da obra é que se descobre o porquê de sua prisão. “Se as obras de Dubois fossem traduzidas para o inglês, ele teria na França um status comparável ao de John Irving ou William Boyd”, disse Bernard Pivot, presidente da Academia Goncourt. Dubois leva para casa 10 mil euros (aproximadamente R$ 44,1 mil).

[06/11/2019 06:00:00]