Editora 34 publica coletânea de poemas de Manuel António Pina
PublishNews, Redação, 10/01/2019
Livro reúne mais de 80 poemas de todos livros escritos pelo autor

O português Manuel António Pina (1943-2012) viveu e morreu na cidade do Porto; foi poeta, cronista, dramaturgo e autor de livros infantis. É um dos maiores nomes da poesia portuguesa contemporânea, tendo recebido em 2011, pelo conjunto de sua obra, o Prêmio Camões, principal condecoração literária em nossa língua. Organizado por Leonardo Gandolfi - poeta e professor de literatura portuguesa na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), responsável também pelo posfácio e pela seleta de entrevistas que integram o volume - O coração pronto para o roubo (Editora 34, 160 pp, R$ 45) é a primeira coletânea poética do autor publicada no Brasil e reúne mais de 80 poemas de todos os seus livros. Reflexiva, múltipla, irônica, porém nostálgica de um olhar infantil; desencantada, mas ainda em busca de algum sentido ou de uma mínima razão; e, enfim, sempre precavida contra a falácia do “Eu”, pois sabe que “É sempre Outro quem escreve” e que “a literatura é uma arte de ladrões que roubam a ladrões”, a poesia de Manuel António Pina ao mesmo tempo inquieta e consola.

[10/01/2019 07:00:00]