'Bagageiro' de pequenas histórias
PublishNews, Redação, 05/12/2018
Novo livro de Marcelino Freire é uma coleção de ‘ensaios de ficção’, com pequenas histórias sobre a escrita, o mundo, a vida literária e a não literária também

Marcelino Freire, pernambucano nascido em Sertânia e hoje radicado em São Paulo, contou recentemente que tem dois romances engavetados. Decidiu não publicá-los ainda porque estavam “muito donos de si”. Veio, no lugar, com o livro Bagageiro (José Olympio, 160 pp, 34,90), uma coleção de “ensaios de ficção”, como define o próprio escritor. Em Pernambuco, o bagageiro é onde se leva todo tipo de coisa em cima da bicicleta: mercadoria, botijão de gás, criança, etc. Nas páginas, são textos com o pulso vivo e vozes múltiplas que erguem mundos. Uma coletânea de pequenas histórias, entremeadas por comentários – por vezes mordazes – sobre a escrita, o país, o mundo, a vida literária e a não literária também. “Neste livro de ‘ensaios de ficção’, eu estou lá me divertindo. Indo sem ir. Sem apontar o dedo”, explica o autor em entrevista ao Blog da Record.

[05/12/2018 07:00:00]