Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 10/06/2021
A área de Soluções em Acessibilidade é uma divisão da Fundação Dorina Nowill para Cegos criada para oferecer o mais amplo portfólio de produtos e serviços acessíveis a empresas que desejam não apenas se adequar à lei
Há mais de 50 anos servindo a cultura e educação, é uma das maiores distribuidoras de livros para o ensino de idiomas, técnicos e científicos.
A Catavento atua no mercado de distribuição de livros para todo o país.
PublishNews, Talita Facchini, 10/06/2021

Em setembro passado, entidades do mercado editorial do Brasil e Portugal se uniram para viabilizar o projeto de um Clube de Leitura com temáticas ligadas aos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU) em Língua Portuguesa. Parte de um projeto global que visa promover os ODS entre crianças e jovens de todo o mundo por meio do acesso aos livros, o Clube de Leitura foi lançado em 2019, na Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha e já se aplica em países como Noruega, Indonésia e África. Por aqui, o projeto contou com a união da Câmara Brasileira do Livro (CBL), a Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), sessão brasileira do International Board on Books for Young People (Ibby), a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições (Febab) e o Leiturinha, principal clube de assinaturas de livros infantis do Brasil. Em dezembro de 2020, Karine Pansa, vice-presidente da International Publishers Association (IPA) e uma das responsáveis pelo Clube no Brasil, esteve no Podcast do PublishNews falando sobre o tema. Depois da inscrição de mais de 1.100 títulos, os leitores-votantes da FNLIJ elegeram as 175 obras selecionadas, divididas em cada um dos 17 objetivos que compõem a Agenda 2030. Farão parte do Clube obras como A água e a águia (Companhia das Letrinhas), de Mia Couto; A boca da noite (Zit Editora) e A cor do dinheiro da vovó (Edebê), ambos de Cristino Wapichana; A reforma da natureza (Sesi-SP), de Monteiro Lobato; A mancha (FTD), de Guilherme Gontijo e Daniel Kondo; Crianças (Pallas Mini), de María José Ferrada e María Elena Valdez; Enreduana (Companhia das Letrinhas), de Roger Mello e Dois pinheiros e o mar (Global), de Rubem Braga. Clique no Leia Mais para conferir a lista completa.

PublishNews+, Redação, 10/06/2021

Saber o que vem por aí e se adiantar é um dos grandes desafios para os livreiros. Poder saber, antes da concorrência, o que estará disponível para compras e já adiantar os pedidos pode ser determinante no sucesso ou não das vendas. Por isso, o PublishNews+, área exclusiva para assinantes do PN, fechou parceria com a MVB / Metabooks para criar o Próximo Capítulo, serviço semanal em que vamos apresentar livros que estão no prelo das editoras e que chegarão às livrarias só daqui a 45 dias. Confira aqui os títulos que serão estreias nas livrarias entre os dias 25 e 31 de julho. Por enquanto, o Próximo Capítulo está aberto para todos os que se cadastrarem na plataforma, mas em breve, o serviço ficará exclusivo para os assinantes do PN+. A nova seção se soma a outros serviços oferecidos aos assinantes do PN+, como o Radar de Licitações e o Apanhadão Diário. Clique aqui para saber como ser um assinante do PN+.

PublishNews, Suzana Vargas, 10/06/2021

Ferreira Gullar e Suzana Vargas na festa de um ano da Estação das Letras | © Acervo pessoal“ O sofrimento não tem/ nenhum valor/não acende um halo/em volta de tua cabeça, não/ilumina trecho algum/da tua carne escura/ (nem mesmo o que iluminaria/a lembrança ou a ilusão/de uma alegria).” Foi com esses versos de Ferreira Gullar na cabeça e, talvez, com uma taça de vinho a mais (não me recordo) que uma noite, nos inícios do século XXI tomei coragem de ligar para ele. Não éramos íntimos, nunca fomos, muito embora ele apoiasse absolutamente toda as minhas iniciativas intelectuais e de ordem, digamos, mais empresarial. Liguei, receosa de sua reação pois já passava, e muito, da hora do jantar. Ele me atendeu com a cordialidade de sempre e, para meu alívio, não demonstrou muita surpresa, menos, ainda, enfado. Pedi desculpas pelo horário e fui logo dizendo que não se preocupasse, o assunto não era trabalho (nesta época ele pertencia ao Conselho Editorial da Revista Poesia Sempre da qual fui editora adjunta por 10 anos). Tratava-se, falei, de expressar minha emoção/admiração precisamente sobre aquele poema onde a alegria era a afirmação absoluta da nossa condição humana. Queria dizer sobre a singularidade daquele texto na sua obra marcada por uma aguda percepção das questões sociais mais urgentes, visíveis e invisíveis. [Nota do editor: neste terceiro capítulo da série Escrever para Lembrar: o que os grandes escritores me ensinaram fala da sua relação com Ferreira Gullar e de como redescobriu um novo poeta dentro do poeta antigo depois dessa ligação].

PublishNews, Redação, 10/06/2021

Nesta quinta (10), às 16h, a Câmara Brasileira do Livro (CBL) realiza um encontro virtual para discutir sobre a importância do marketing digital para o mercado editorial. Uma boa estratégia nas mídias digitais pode ser uma aliada de peso para editoras, indo desde um melhor resultado nas vendas até uma melhor aproximação com o público final. Para discutir o assunto a CBL chamou Bruno Mendes, dono do #coisadelivreiro e sócio do PublishNews; Eduardo Krause, “o cara do marketing” da editora Dublinense e vencedor da categoria Profissional do Ano do Prêmio PublishNews 2020, e Lilian Cardoso, da LC Comunicação. A mediação ficará por conta de Vivian Peres, da Interteia Comunicação. A conversa será transmitida pela página da CBL no YouTube.

PublishNews, Redação, 10/06/2021

Logo mais, às 13h, o Conexão Metabooks, projeto da plataforma de gestão de metadados alemã que convida importantes nomes da indústria do livro para falar sobre esse mercado, inicia mais uma mesa da sua série. Dessa vez o assunto será a importância das pesquisas de mercado – como a Produção e Vendas, realizada pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), o Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL) e a Nielsen Book e a GfK, realizada em parceria com a Associação Nacional de Livrarias (ANL). Para discutir o tema foram escalados três profissionais do mercado que usam os números a seu favor: Bruno Zolotar, diretor de marketing e vendas da Rocco; Gerson Ramos, diretor comercial da Planeta e Jaime Mendes, fundador da Saudade Livraria e Distribuidora e dono da coluna Notícias d'Além Mar, sediada no PN+ e que traz informações sobre o mercado lusitano de livros. A mediação será feita por Ricardo Costa, country manager da MVB Brasil e a conversa será transmitida pelo Facebook da Metabooks Brasil.

PublishNews, Redação, 10/06/2021

A Fundação Dorina Nowill para Cegos, dedicada à inclusão de pessoas com deficiência visual e que produz e distribui livros em braille, falados e digitais de forma gratuita, está à procura de um estagiário em edição de áudio, rádio e TV. É preciso estar cursando o primeiro ou segundo ano de Comunicação Social, Rádio e TV ou Audiovisual e ter noções básicas e edição de vídeo e, gravação e edição de áudio. A fundação pede também que os candidatos tenham conhecimentos em pacote Office e inglês nível básico. Os interessados devem encaminhar currículos para currículos@fundacaodorina.org.br e colocar no campo assunto “Estágio Audiovisual”.

PublishNews, Redação, 10/06/2021

Por décadas, drogas como o LSD e a psilocibina de cogumelos foram estigmatizadas. Hoje sabemos que esses símbolos da contracultura têm mostrado eficácia em estudos sobre depressão. O mesmo acontece com o MDMA, usado para tratamento de estresse pós-traumático em testes experimentais. Em Psiconautas (Fósforo, 264 pp, R$ 69,90), fruto de uma extensa pesquisa, Marcelo Leite conta a história das principais drogas psicodélicas, desde sua descoberta no século 20 até o uso medicinal revolucionário que vem sendo feito de cada uma delas atualmente. Ao mesclar relatos da própria experiência com essas substâncias ao perfil dos principais pesquisadores da área (estrangeiros e brasileiros) entrevistados diretamente pelo autor, Leite oferece um panorama completo do chamado renascimento psicodélico, desfaz mitos e aponta para conquistas científicas há pouco tempo impensáveis, como tratamento para a dependência química, a depressão e a síndrome do estresse pós-traumático, entre outros benefícios ainda sendo pesquisados. O livro recebeu um prefácio de Sidarta Ribeiro que, junto a Luís Fernando Tófoli, Stevens “Bitty” Rehen e Dráulio de Araújo, compõe o grupo dos psiconautas brasileiros que guiaram Marcelo em suas explorações.

PublishNews, Redação, 10/06/2021

O uso da maconha é um assunto que sempre gera muitas discussões – quase sempre calcadas em preconceitos, certezas e paixões. Com o objetivo de transmitir ao público leigo um conhecimento científico de qualidade sobre esse tema polêmico, o livro Maconha (Blucher, 184 pp, R$ 41), organizado pelas psicanalistas Luciana Saddi e Maria de Lurdes S. Zemel, apresenta um panorama diversificado sobre o assunto. Com uma linguagem clara e acessível, a obra reúne uma série de textos de diversos autores que buscam esclarecer e informar parte do que se sabe a respeito da maconha até os dias de hoje, com o intuito de possibilitar ao leitor desenvolver uma posição pessoal sobre o tema, em vez de se apegar a opiniões apressadas e prejulgamentos. Com uma abordagem abrangente, que vai da história da maconha ao seu uso, o livro engloba os verdadeiros riscos que o consumo apresenta, o uso terapêutico da Cannabis e as implicações de sua entrada no mercado, as origens históricas que contextualizam o sentido da maconha em cada época e cultura, os usos religiosos, a relação com a lei, além de uma cuidadosa análise sobre os efeitos das políticas proibitivas e suas diferenças para os programas não punitivos e não coercivos.

“O narrador é a personificação do texto; a voz dele é a paisagem do livro.”
Roy Macmillan
Produtor de áudio da Penguin Random House
1.
Box Harry Potter
2.
Torto arado
3.
Mais esperto que o diabo
4.
Pai rico, pai pobre - Edição de 20 anos
5.
Vermelho, branco e sangue azul
6.
Mulheres que correm com os lobos (capa dura)
7.
Desobedeça
8.
Todo caminho é sagrado
9.
A nova batalha
10.
Mentirosos
 
PublishNews, Redação, 10/06/2021

A ciência vem sendo maltratada. Negacionismo, achismos, falta de investimento: ela tem precisado lutar pelo que antes era óbvio, pois vivemos em um momento em que fatos inquestionáveis são questionados. Os prejuízos desse desapego pela ciência são sentidos duramente nos dias atuais e amplificados pelas redes sociais. Que remédio há para esses males? Quanto mais as pessoas aprenderem a pensar criticamente, menos gente propagará a desinformação. A ilusão da Lua (Contexto, 160 pp, R$ 39,90) é um convite ao leitor curioso que deseja desenvolver o pensamento crítico contra a atual onda anticientífica. Escrito em linguagem acessível pelo professor de Física e reitor da Unicamp Marcelo Knobel, ele mostra como a ciência permeia o nosso dia a dia, reflete sobre a importância do trabalho dos pesquisadores e alerta para o perigo das pseudociências para todos nós, cientistas ou não.

PublishNews, Redação, 10/06/2021

Para quem conseguia ler as entrelinhas, as notícias censuradas da China pareciam aterrorizantes. Mas Donald Trump insistiu que não havia nada com que se preocupar. Felizmente, ainda podemos contar com os céticos, os que estudam pandemias e os que estão dispostos a examinar com firmeza os piores cenários. Este thriller de não ficção escrito por Michael Lewis contrapõe médicos visionários à resposta oficial e ignorante do governo dos EUA frente à eclosão da covid-19. Os personagens apresentados são tão fascinantes quanto inesperados: uma menina de 13 anos que fez um projeto escolar sobre a transmissão de um patógeno aerotransportado que se transformaria em um modelo adulto de controle de doenças; uma funcionária da rede de saúde pública que usa sua perspectiva para identificar falhas do Centro de Controle e Prevenção de Doenças e revelar grandes verdades sobre a sociedade norte-americana; uma equipe secreta de médicos dissidentes que tem tudo o que é necessário para combater a pandemia, mas não consegue permissão oficial para fazer o próprio trabalho. A premonição (Intrínseca, 352 pp, R$ 69,90 – Trad.: Maria de Fátima Oliva do Couto e Lívia de Almeida) é um retrato contra a negligência e a desumanidade que surgiram com uma das maiores crises sanitárias de todos os tempos.

 
©2001-2021 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Henrique Schaumann, 1108 A, CEP 05413-011 Pinheiros, São Paulo -SP
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.