Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 09/04/2021
A Transpo Express é uma transportadora que já atua há 10 anos focada completamente no segmento editorial
A Catavento atua no mercado de distribuição de livros para todo o país.
Um agregador digital como a Bookwire, com tecnologia de ponta, informações ágeis e um painel de controle completo é fundamental para o sucesso de sua editora e de seus e-books. E agora toda esta tecnologia está disponível no Brasil.
PublishNews, Redação, 09/04/2021

Em março passado, a Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha confirmou que realizaria este ano, uma edição presencial, marcada entre 14 e 17 de junho. Nesta sexta (9), no entanto, a organização da feira anunciou que o evento físico está cancelado e a feira acontecerá somente no digital. A decisão foi tomada por conta da terceira onda da pandemia do coronavírus que se espalha por grande parte da Europa, incluindo a Itália. “Como as viagens internacionais permanecem tão incertas durante a pandemia global contínua e, portanto, a presença de participação internacional, a dolorosa decisão de adiar a feira física para 2022 foi tomada, permitindo que nos concentremos no extenso programa digital em antecipação à reunião na primavera de 2022 - em Bolonha, pessoalmente”, disse Gianpiero Calzolari, presidente da feira em comunicado oficial. Mantendo a data de 14 a 17 de junho, a edição digital terá uma programação abrangente, com a BolognaBookPlus – gerenciada por Jacks Thomas – oferecendo workshops, conferências e seminários e a nova plataforma Global Plataforma Rights Exchange também atuando de maneira on-line e com novos recursos que permitirão aos usuários pesquisar, comprar e vender direitos autorais ao longo do ano.

PublishNews, Leonardo Neto, 09/04/2021

Sarah J. Maas ganhou destaque nessa semana ao emplacar cinco títulos em Infantojuvenil | Redes sociais da autoraNessa semana, Maju Alves, responsável pelas redes sociais e pelos projetos especiais do PN, escreveu um artigo falando sobre a força inexplorada do TikTok na disseminação de novidades literárias voltadas para as multidões de jovens leitores que habitam o aplicativo chinês. No texto, ela destaca a presença maciça da obra de Sarah J. Maas, escritora estadunidense dedicada à literatura fantástica. Sarah foi destaque no artigo da Maju e é o destaque da Lista dos Mais Vendidos do PublishNews nessa semana também. Ela lidera a Lista de Infantojuvenil, com Cortes de espinhos e rosas, com 774 cópias vendidas, passando inclusive o box do Harry Potter (Rocco), de J.K. Rowling, que ficou em segundo, com 625. Além disso, colocou outros quatro títulos no ranking, incluindo a novidade Coroa da meia-noite, que ocupa a 10ª posição da categoria, com 261. Em 2020, a Lista do PN contabilizou a venda de 13.239 exemplares da autora que no Brasil é publicada pelo selo Galera Record. Nos três primeiros meses de 2021, a autora já superou essa marca e a lista já registra a venda de 17.059 exemplares. Clique no Leia Mais e confira outros destaques da Lista dos Mais Vendidos dessa semana.

PublishNews+, Larissa Mundim, 09/04/2021

Do Mato Grosso do Sul, surge uma procuradora do Ministério Público querendo viabilizar seu livro autobiográfico que conversa diretamente com meninas negras e os desafios de crescer num país racista. No interior de Minas Gerais, entusiastas pelo resgate do trabalho publicado por um célebre conterrâneo se animam para a reedição fidedigna de dois títulos esgotados e raros. Em Goiás, o poeta e cronista cego resolve trazer a público sua visão sobre as mulheres e sobre as idiossincrasias do dia a dia da pessoa com deficiência visual que sai de casa para trabalhar. O professor universitário residente em Brasília finalmente tem em mãos seu almejado livro para expressar de maneira mais contundente sua indignação e esperança. Para estas pessoas e tantas outras o desejo de publicação pulsou latente, veio à superfície e ocupou de maneira imprevista a pauta de pequenas editoras prestadoras de serviço que, como todas as outras, vêm lidando com a queda nas vendas, em período pandêmico. Interessante observar o que esta busca ativa de autoras e autores provoca na cadeia produtiva tanto esmorecida quanto atenta às alternativas de sobrevivência, ávida pelo momento seguinte. [Nota do editor: Na sua estreia no PublishNews+, a editora goiana Larissa Mundim faz uma reflexão sobre a importância da prestação de serviços editoriais para o faturamento das editoras independentes e também para os autores que sonham em ter seus livros publicados. Clique aqui para ler a íntegra do artigo. Todos os artigos do PN+ estão temporariamente abertos para quem se cadastrar na plataforma. Para acessar, basta informar nome, e-mail e criar uma senha. Os serviços, como o Radar de Licitações e o Apanhadão diário, seguem sendo exclusivos para assinantes.

PublishNews, Talita Facchini, 09/04/2021

Nessa semana, o pequeno leitor brasileiro que mora nos EUA ou no Canadá ganhou uma nova livraria. É que foi inaugurada a Catavento Books, livraria on-line focada na distribuição de obras escritas em português nos dois países. Criada pela advogada Michelle Rolinski, brasileira que mora nos EUA, a Catavento Books surgiu devido à dificuldade que ela teve em encontrar livros de qualidade em português no país. A livraria começa já fornecendo títulos das principais editoras infantis do Brasil como Companhia das Letrinhas, Salamandra, Pequena Zahar, Carochinha, Boitatá, Intrínseca, entre outras e ainda trará novos títulos mensalmente, acompanhando o calendário de lançamento das obras aqui no Brasil. Clique no Leia Mais e confira mais detalhes sobre a novidade.

PublishNews, Redação, 09/04/2021

A União Brasileira de Escritores (UBE) tornou público um novo manifesto contra a tributação do livro e em defesa do direito de todos ao livro e à literatura. Em agosto passado, a entidade já tinha se posicionado a contrário à tentativa de tributar o livro com a CBS, contribuição sobre bens e serviços proposta pelo governo na reforma tributária. Na nota de agora, a entidade enquadra como “incabível” a justificativa de que os livros são artigos para a elite e como “falso” o argumento de redirecionar os recursos da CBS para a execução de políticas públicas. “Trata-se de mais um ataque à Constituição brasileira, que, no artigo 150, estabelece ser vetada à União, Distrito Federal, estados e municípios, a instituição de qualquer imposto sobre o livro, jornais, periódicos e o papel destinado a sua impressão”, diz o documento cuja íntegra pode ser lida clicando aqui. Ainda sobre o caso, o PublishNews+, área exclusiva para assinantes do PN, trouxe, em fevereiro, um artigo de Mariana Bueno intitulado Livros, tributos e desenvolvimento socioeconômico em que a economista traça um paralelo entre o consumo de livros no Brasil, índices educacionais e de leitura e a economia do país. Para ler o artigo, clique aqui.

PublishNews, Redação, 09/04/2021

Na próxima segunda-feira (12), a escritora, jornalista e mestre e doutora em Estudos de Literatura, Socorro Acioli, ministra o curso on-line A história que só você pode contar – lição dos mestres. O curso é uma prévia do livro de mesmo nome que será publicado pela Companhia das Letras e as aulas têm o objetivo de discutir as questões mais importantes da criação literária pela voz de quatro grandes escritores: Lygia Fagundes Telles, Toni Morrison, Ricardo Piglia e Orhan Pamuk. A partir desses autores de países, trajetórias e obras muito distintas, serão elencados os pontos cruciais para o processo de escrita como forma literária, identidade e relação entre vida e literatura. As aulas acontecerão sempre as segundas, às 18h, de 12 de abril a 3 de maio. O investimento é de R$ 390 e as inscrições podem ser feitas clicando aqui.

PublishNews, Redação, 09/04/2021

Winston Smith trabalha para o Ministério da Verdade em Londres, capital da Faixa Aérea Um. Lá, o Grande Irmão, líder do Partido, mantém a vigilância sobre toda a população, enquanto a Polícia do Pensamento revela cada ato de traição. Entediado com sua vida monótona e mortal, Winston começa a se revoltar intimamente contra o sistema. Quando se apaixona por uma colega de trabalho, ele desperta para novas possibilidades e acaba sendo atraído para a conspiração. No entanto, o Grande Irmão não vai tolerar dissensões – mesmo que ocorram apenas em pensamento. Em 1984 em quadrinhos (Nova Fronteira, 232 pp, R$ 69,90 – Trad.: Jorge Bastos Cruz), o clássico de George Orwell ganha vida em quadrinhos com a adaptação da dupla francesa Sybille Titeux de la Croix e Amazing Ameziane. A orelha do livro é assinada pelo escritor Braulio Tavares.

PublishNews, Redação, 09/04/2021

Autor da série Black Hammer e das obras Descender e Royal city, Jeff Lemire lança agora, em parceria com os ilustradores Phil Hester, Eric Gapstur e Ryan Cody, Family tree (Intrínseca, 96 pp, R$ 39,90 – Trad.: Fernando Scheibe), o primeiro volume de uma trilogia surpreendente sobre o fim do mundo. No universo da história, o fim do mundo tem início num dia qualquer, numa cidade qualquer, quando uma menina de oito anos começa a se transformar numa árvore. Para salvá-la antes que seja tarde demais, sua mãe, seu irmão e seu excêntrico avô embarcam numa jornada bizarra e perigosa em busca da cura e de respostas, deparando-se com diversas ameaças pelo caminho, como mercenários assassinos e adeptos de cultos fanáticos, todos dispostos a destruir a menina ou usarem-na para benefício próprio. A cada passo longe de casa, mais a menina-árvore se vê perto de completar essa terrível transformação, correndo o risco de perder para sempre sua humanidade. Ou talvez tornar-se o que nasceu para ser. O primeiro volume de Family tree reúne os quatros fascículos iniciais da série, uma visão única do subgênero conhecido como body horror, ou horror corporal.

“Ler é deixar o ouro te pegar pela mão e te mostrar as complexidades do mundo.”
Contardo Calligaris
Escritor e psicanalista radicado no Brasil
1.
Mais esperto que o diabo
2.
Pílulas de resiliência
3.
Mulheres que correm com os lobos (capa dura)
4.
A arte de manipular a sorte
5.
Torto arado
6.
Corte de espinhos e rosas
7.
Box Harry Potter
8.
Do mil ao milhão
9.
A garota do lago
10.
Mindset
 
PublishNews, Redação, 09/04/2021

Planeta Terra. Época e lugar desconhecidos. Meu mundo versus Marta (Quadrinhos na Cia, 160 pp, R$ 84,90) é a história de um pacto de equilíbrio sutil. De um lado, os ameaçados, do outro, a ameaça — da qual, apesar dos anos de convívio, das tentativas de maior aproximação, ainda pouco se sabe. Em um cenário de ritos intermináveis e sob a mediação de uma crescente desconfiança, o quadrinista Rafael Sica e o escritor Paulo Scott – autor de Marrom e Amarelo – criam uma história de arquitetura extraordinária, de busca por tudo aquilo que há de humano em nós — e colocam em cena o diálogo do qual depende a ordem, a suposta ordem, o concerto dos dias. Da paz. Da única paz. Uma graphic novel sobre amor e solidão, distopia e sonho.

PublishNews, Redação, 09/04/2021

Em ti me vejo, das autoras Regiane Braz e Marília Marz, é uma história sobre cabelos, mas mais que isso. Também é uma narrativa sobre dor, encorajamento e busca. Ela traz discussões sobre racismo e embranquecimento dos corpos negros, que atinge a autoestima, saúde emocional e a construção da identidade da mulher negra. As autoras convidam o leitor a vestir a pele da protagonista Jaha, que cresceu acreditando ter nascido com falta de sorte quando se tratava de seus cabelos. Por conta disso, ela seguia as tendências da moda imposta pela sociedade, alisando o cabelo. Um dia, cansada de enganar a si mesma e de fugir de suas origens, a jovem toma uma decisão que mudará totalmente a sua vida. A publicação se dá no novo formato em que a Conrad está apostando, o de capítulos sendo lançados em formato digital enquanto as autoras trabalham na história, com periodicidade mensal. No primeiro, Sorte (14 pp, R$ 3,90) o leitor conhece Jaha e, no segundo, Tortura (14 pp, R$ 4,90) conhece um pouco mais sobre as memórias da garota.

PublishNews, Estevão Ribeiro, 09/04/2021

A frase título dessa tirinha é da ativista paquistanesa, Malala Yousafzai.

 
©2001-2021 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Henrique Schaumann, 1108 A, CEP 05413-011 Pinheiros, São Paulo -SP
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.