Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 18/09/2020
A BOOKPartners é uma distribuidora completa: atende toda a cadeia do livro e seus devidos processos. Em sua estrutura reúne cerca de 220 colaboradores, dois centros de distribuição, e-commerce e marcas voltadas a segmentos específicos de leitores.
A área de Soluções em Acessibilidade é uma divisão da Fundação Dorina Nowill para Cegos criada para oferecer o mais amplo portfólio de produtos e serviços acessíveis a empresas que desejam não apenas se adequar à lei, mas atender a todos os seus clientes com a mesma atenção e respeito!
Foco nas publicações com base teórica e abordagem interdisciplinar e voltada para as questões das áreas das ciências humanas, tecnológicas e ambientais
PublishNews, Leonardo Neto, 18/09/2020

O goiano Tony Allyson conquistou o primeiro lugar da Lista dos Mais Vendidos desta semana | © Redes sociais do autorNatural de Morrinhos, no interior de Goiás, Tony Allyson é um cantor católico, líder da Missão Marca da Vitória, que aglutina mais de 18 mil seguidores, só no Instagram. Esse número é modesto perto dos seguidores do próprio Tony Allyson. No YouTube, ele já ultrapassou a marca de 100 milhões de visualizações. Muitos dos seus seguidores resolveram comprar o seu livro Ora ação (Angelus Editora) e isso fez o título alcançar o topo da Lista dos Mais Vendidos dessa semana, com 2.727 cópias vendidas. No livro, ele conta o processo da sua conversão e mostra todo o caminho que o levou a ser um dos cantores de maior prestígio entre os fiéis católicos. O segundo lugar do pódio também é ocupado por um estreante: A era da integridade (Gente), de Luiz Fernando Lucas. Foram 2.255 cópias vendidas na estreia. O livro ocupa também a segunda posição de Autoajuda. Completando o pódio, um velho conhecido: o box Harry Potter (Rocco), de J. K. Rowling, teve 2.161 exemplares vendidos na semana. A lista trouxe outros dois estreantes que venderam acima da marca dos mil exemplares: Ensina-me a fazer tua vontade (Angelus), do padre Antonio José, e Bora varejo (Gente), de Alfredo Soares. A editora mineira Aletria estreia na Lista dos Mais Vendidos do PublishNews e o livro Bom dia, Verônica (DarkSide), de Andrea Killmore, Ilana Casoy e Raphael Montes, que dá origem à série homônima que estreia no próximo dia 1º na Netflix também apareceu na lista pela primeira vez. Clique no Leia Mais e confira outros destaques da Lista desta semana.

PublishNews, Redação, 18/09/2020

A Companhia das Letras anunciou nesta quinta-feira (17) que as memórias presidenciais de Barack Obama, o 44º presidente dos EUA, serão publicadas em dois volumes e que o primeiro deles, Uma terra prometida, está programado para 17 de novembro. O lançamento ocorrerá simultaneamente em 25 idiomas e a aposta é que o livro repita o feito de Minha história, livro de memórias de Michelle Obama publicado em novembro de 2018. Em dois meses, o livro conquistou o primeiro lugar nas listas de mais vendidos dos EUA e, por aqui, vendeu mais de 14 mil exemplares, segundo as listas do PublishNews. No ano seguinte, Minha história garantiu o terceiro lugar na Lista Anual de Não Ficção ao vender mais de 89 mil exemplares. Em Uma terra prometida, Obama narra, nas próprias palavras, a história de sua odisseia improvável, desde quando era um jovem em busca de sua identidade até se tornar um líder. Ele descreve ainda sua formação política e os momentos marcantes do primeiro mandato de sua presidência. A vitória crucial nas primárias de Iowa na qual se demonstrou a força do ativismo popular, até a noite de 4 de novembro de 2008, quando foi eleito 44º presidente dos Estados Unidos, também são narrados no livro. Uma terra prometida será publicado no Brasil, nos formatos impresso e digital. A data de publicação do segundo e último volume das memórias ainda não está definida e será anunciada oportunamente.

PublishNews, Redação, 18/09/2020

Maria Amália Camargo, Flávia Reis e Cala Caruso são algumas das autoras das primeiras obras do selo nVersinhos | © DivulgaçãoA editora nVersos, consolidada no segmento de autoajuda, saúde e bem-estar, prepara, para o próximo Dia das Crianças (12/10), o nVersinhos, novo selo destinado ao público infantojuvenil. Com a novidade, a editora entende a responsabilidade de construir um catálogo de obras dedicadas a formação de crianças e jovens, e pretende trazer o hábito da leitura para o ambiente familiar das crianças. Os primeiros títulos do novo selo são A terra da flor azul, uma fábula da autora Frances Hodgson Burnett (1849 - 1924), famosa por sua obra o Jardim secreto, e que terá ilustrações de Giovanna Poletto; Quando a Lua tomou chá de sumiço, de Maria Amália Camargo, que contará com ilustrações de May Shuravel e o livro Catassol, de Flávia Reis, com ilustrações da escritora, professora e ilustradora Carla Caruso.

PublishNews, Redação, 18/09/2020

Neste sábado (19), o Instituto de Leitura Quindim, projeto idealizado por Volnei Canônica, ex-diretor de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, do Ministério da Cultura e colunista do PublishNews, comemora seis anos de existência. Durante esse tempo, o Instituto abriu um centro cultural, montou uma biblioteca, realizou cursos, palestras, recebeu nomes renomados da literatura infantil, se tornou referência na área da promoção da leitura no país e pode até ser declarado como utilidade pública. Atualmente, o Instituto conta com 480 sócios inscritos com um acervo de mais de seis mil livros. Para comemorar a data, o projeto realiza de forma virtual uma live nas redes sociais do Instituto, neste sábado (19), às 16h, com colaboradores presentes desde o início dessa jornada. Participarão com o Volnei e o sócio fundador e vice-presidente do Quindim, Roger Mello, as seguintes convidadas: Adriana Antunes, Adriana Camêlo Lucena, Graziela Cunha Canônica, Jaqueline Pivotto, Marli Fronza, Patricia Bastiani Alberti e Vania Marta Espeiorin. Ao longo do mês de setembro a história do Quindim também será contada em diferentes artigos, com galeria de imagens e ilustrações, no site da instituição.

PublishNews, Redação, 18/09/2020

Realizado há mais de 20 anos pela Livraria da Vila, a Promoção do Livro Infantil ganha este ano sua primeira edição digital. O saldão, que tradicionalmente acontece em um final de semana de setembro, agora terá uma semana de duração, de 21 a 27, segunda a domingo, para que os clientes tenham mais tempo de visitar as livrarias em segurança, evitando aglomerações e seguindo as diretrizes sanitárias. Os livros podem ser adquiridos presencialmente em todas as lojas da Livraria da Vila (São Paulo, Guarulhos, Curitiba e Londrina) e também no site. A rede oferecerá descontos de 10 a 70% em mais de quatro mil títulos infantis. Além disso, a já tradicional programação especial de atividades acontecerá nesta edição pelo Instagram da Vila (@livrariadavila) e contará com a participação de autores como Guilherme Karsten, Bia Bedran, da assessora literária e contadora de histórias Babi Lazari (@babieoslivros) entre outros nomes do universo da literatura infantil. A programação completa você confere ao longo da semana na rede social da livraria.

PublishNews, Redação, 18/09/2020

Com sua personalidade forte, o general Charles de Gaulle adentrou a história inspirando homens e mulheres a arriscarem a vida para combater o nazismo. Depois, como presidente, enfrentou revoltas nacionais e violentos movimentos de independência. Perseguindo o que chamou de “uma certa ideia da França”, desafiou a hegemonia americana, retirou a França da Otan e, por duas vezes, vetou a entrada da Grã-Bretanha na Comunidade Europeia. Figura gigante, cujo legado segue sendo profundamente disputado, De Gaulle ressurge em cores vivas na obra Charles de Gaulle: Uma biografia (Zahar, 1.080 pp, R$ 139,90 – Trad.: Berilo Vargas), do historiador Julian Jackson. A biografia apoia-se em vasta pesquisa, inclusive de arquivos recém-disponibilizados e explora todas as dimensões do “mistério De Gaulle”. Revela, por exemplo, as raízes conservadoras da formação intelectual do general, descreve seus paradoxos e ambiguidades, seu talento político, paixão pela tática, pragmatismo e capacidade de visão, e lança nova luz sobre a relação do estadista com Churchill.

PublishNews, Redação, 18/09/2020

Sequestrado, torturado e morto. Em 1955, esse foi o "destino" de um garoto de 14 anos de Chicago, chamado Emmett Till. Seu linchamento até hoje é considerado um dos crimes mais extremos dos EUA. No best-seller do New York Times O sangue de Emmett Till (Estação Liberdade, 384 pp, R$ 63 - Trad.: Claudio Carina), Timothy B. Tyson, historiador da Universidade Duke, coloca o crime em seu contexto cultural e histórico mais amplo, recontando a história deste assassinato e suas consequências ainda ressonantes. Em agosto de 1955, o garoto supostamente flertou e agarrou pela cintura Carolyn Bryant, uma mulher branca que trabalhava como caixa em um mercado local. Carolyn comunicou seu marido Roy Bryant e J. W. Milam, meio-irmão de seu marido, que mais tarde sequestraram, espancaram e mataram o garoto. O corpo mutilado do jovem foi encontrado num rio três dias depois. O linchamento de Emmett Till, em 1955, ainda hoje é considerado o crime de ódio mais notório da história norte-americana. A existência da violência contra os negros na América infelizmente não é um fenômeno singular. De Emmett Till (1955) e James Byrd Jr. (1998) a Trayvon Martin (2012) e George Floyd (2020), essas mortes brutais fazem parte de uma ideologia em que a vida negra é sistemática e intencionalmente alvo de morte.

PublishNews, Redação, 18/09/2020

Escrito por Holly George-Warren, respeitada cronista da história da música norte-americana, e baseado em um acesso a familiares da cantora, amigos, colegas de banda, arquivos, diários, cartas e entrevistas há muito perdidas, Janis Joplin – Sua vida, sua música (Seoman, 432 pp, R$ 69,90 – Trad.: Martha Argel e Humberto Moura Neto) é um retrato de uma das artistas mais notáveis de todos os tempos e uma das cantoras mais influentes da história do rock. Por trás da figura mítica da artista, há uma vida carregada de transgressões, quebras de paradigmas, frustrações amorosas e dissabores familiares. Esta biografia consolida a “Rainha do Rock & Roll” como pioneira musical, alguém que, de fato, rompeu regras; uma mulher rebelde, de personalidade inteligente e complexa, que desafiou todas as convenções de gênero em sua época, abrindo caminho para as mulheres poderem extravasar suas dores e revolta no cenário artístico.

“O livro é um mestre que fala mas que não responde.”
Platão
Filósofo
1.
Ora ação
2.
A era da integridade
3.
Box Harry Potter
4.
Decida vencer
5.
Ensina-me a fazer tua vontade
6.
Sol da meia-noite
7.
As muralhas vão cair
8.
A sutil arte de ligar o foda-se
9.
Mais esperto que o diabo
10.
Bora varejo
 
PublishNews, Redação, 18/09/2020

No ano do centenário do poeta pernambucano João Cabral de Melo Neto, a Companhia Editora de Pernambuco (Cepe) lança João Cabral de ponta a ponta (568 pp, R$ 18). Trata-se de uma edição revisada e enriquecida com material inédito, onde estão reunidos estudos dedicados a toda a obra publicada pelo poeta, realizados pelo acadêmico Antonio Carlos Secchin. Na obra, o leitor descobre um ensaio sobre Cabral e Carlos Drummond de Andrade e imagens com reprodução de dedicatórias importantes e de capas raras de obras do autor. O livro conta ainda com uma entrevista de Cabral concedida a Secchin em 1980; a última palestra do poeta em ambiente acadêmico, em 1993; e todo o material analítico dos 20 títulos de João Cabral, expostos cronologicamente de acordo com as datas das publicações.

PublishNews, Redação, 18/09/2020

No segundo semestre de 2018, diante do quadro tenebroso do estado do Rio de Janeiro – minado pela corrupção generalizada, com dois ex-governadores presos, uma gravíssima crise financeira e a ausência de alternativas políticas renovadoras –, o advogado carioca Marcelo Trindade concluiu que tinha que se posicionar. Não bastava apenas ocupar cargos técnicos no setor público e contribuir financeiramente para as causas nas quais acreditava, como vinha fazendo até aquele momento. Para ele e outros de sua geração, era chegada a hora de se colocar por inteiro no esforço de encontrar o caminho pela recuperação do estado. O caminho do centro (História Real / Intrínseca, 288 pp, R$ 49,90) é a história dessa candidatura. Na obra, Marcelo conta o que aconteceu e como viveu cada momento, abordando inclusive os temas delicados da política e do estado, como a falta de autocrítica do empresariado e de realismo da esquerda, a urgência de se gastar mais com educação do que com a segurança, o território espinhoso das redes sociais, a relação com a imprensa, os problemas do financiamento de campanha, entre outros.

PublishNews, Estevão Ribeiro, 18/09/2020
 
©2001-2020 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.