Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 13/04/2020
Há 49 anos servindo a cultura e educação, é uma das maiores distribuidoras de livros para o ensino de idiomas, técnicos e científicos.
A Transpo Express é uma transportadora que já atua há 10 anos focada completamente no segmento editorial. Faz entregas e coletas em editoras, distribuidoras, livrarias, gráficas e grandes redes. A área de atuação atualmente engloba São Paulo (Capital), grande São Paulo, Jundiaí, Campinas e todo o estado do Rio de Janeiro.
A área de Soluções em Acessibilidade é uma divisão da Fundação Dorina Nowill para Cegos criada para oferecer o mais amplo portfólio de produtos e serviços acessíveis a empresas que desejam não apenas se adequar à lei, mas atender a todos os seus clientes com a mesma atenção e respeito!
PublishNews, Redação, 13/04/2020

Varejista quer 90 dias para apresentar um novo plano e de 180 dias para convocar assembleia geral de credores. Saraiva diz que não tem condições de cumprir o plano anteriormente aprovado | © Facebook da empresaAo noticiar o pedido de demissão de Luiz Mario Bilenky do cargo de CEO da Saraiva, o PublishNews adiantou que a empresa pediria uma revisão do seu plano de recuperação judicial aprovado depois de longa e estressante novela. Na semana passada, a varejista pediu ao juiz Paulo Furtado de Oliveira Filho prazo de 90 dias para apresentar um novo plano e de 180 dias para a convocação de uma assembleia geral de credores. É nessa reunião que os credores aprovam ou não o plano. A justificativa apresentada pela companhia é que as consequências da pandemia de covid-19 agravaram a situação da crise econômica colocando a empresa em uma situação de impossibilidade de cumprimento do plano anteriormente aprovado. No pedido, a Saraiva informa que a redução do seu faturamento já resultou inclusive na incapacidade de arcar com os salários de seus funcionários. Em sua decisão, o magistrado diz que está sensível à questão, mas observa que é preciso avaliar a situação; verificar se o plano estava sendo regularmente cumprido e atentar para o impacto que a suspensão de pagamentos pode causar aos credores. Clique no Leia Mais e confira a íntegra desta nota.

PublishNews, Redação, 13/04/2020

Em mais uma semana atípica, muitos livros de ‘cauda longa’ brotaram no ranking, entre eles, ‘As veias abertas da América Latina’, escrito pelo uruguaio Eduardo GaleanoEm mais uma semana atípica na lista dos mais vendidos, com números muito baixos de vendas, os títulos de “cauda longa” apareceram com força. São livros que, em situações normais, não vendem o suficiente para ocupar postos na lista, mas que, com a queda nas vendas provocada pelo fechamento das lojas físicas, eles despontaram. Neste sentido, o destaque da semana vai para As veias abertas da América Latina (L&PM Pocket), do uruguaio Eduardo Galeano. O título ocupa a terceira posição do Ranking Geral, com 414 cópias vendidas na semana. Outro Eduardo divide o pódio com Galeano. Decida vencer (Gente), de Eduardo Volpato, estreou como líder da semana, com 848 exemplares vendidos. Mais esperto que o diabo (CDG), com 614, ficou com a prata. Além dos livros dos dois Eduardos, a lista trouxe outras 11 novidades. Clique no Leia Mais para saber quais foram.

PublishNews, Talita Facchini, 13/04/2020

Mais do que causar graves problemas de saúde, o novo coronavírus ataca a economia, as relações interpessoais, a forma como se trabalha e a nossa vida em geral. Ações emergenciais de governos determinaram o fechamento dos comércios, alteraram relações de trabalho e criaram novas demandas e respostas. Incluem nesse rol de dúvidas, muitas questões jurídicas. Por isso, convidamos para o Podcast do PublishNews, Henderson Fürst, editor jurídico, colunista e consultor informal do PublishNews quando o assunto envolve a lei. Na conversa com a nossa equipe, Henderson explicou didaticamente o papel de alguns personagens do mercado envolvidos nesta crise: o editor, o livreiro, o autor. “Todas as relações jurídicas são potencialmente revisáveis”, adiantou, deixando claro que "É muito importante que todas as partes entre si conversem e renegociem os seus vínculos jurídicos, porque economicamente, todos estão afetados, de uma forma ou de outra”. Presidente da Comissão Especial de Bioética da OAB, Henderson também falou sobre a cloroquina, remédio que está nas discussões sobre o tratamento do coronavírus, tocou na situação das empresas em recuperação judicial, falou sobre os prestadores de serviço e também como ficam as relações jurídicas em relação aos eventos literários. Para ouvir o programa completo, clique no Leia Mais.

PublishNews, Redação, 13/04/2020

A Câmara Brasileira do Livro (CBL) anunciou novos preços para seus serviços prestados, válidos até 31 de maio. Para associados, a carta de exclusividade não será cobrada e a ficha catalográfica sairá por R$ 30. Já para os não associados, o valor é de R$ 60. A entidade também realiza nesta quinta(16), às 18h, uma palestra on-line exclusiva para seus associados sobre os desafios e possibilidades jurídicas em período de isolamento. Ministrada pelo advogado Francisco Mutschele Junior, a conversa tratará sobre questões trabalhistas, como alternativas trazidas pelas Medidas Provisórias 927 e 936 para superar a crise gerada pela pandemia de covid-19, e questões contratuais e locatícias.

PublishNews, Redação, 13/04/2020

Logo mais, às 16h, vai ao ar o terceiro episódio da série #ArenaVirtual, organizada pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), PublishNews e projeto Vá Ler Um Livro. O entrevistado dessa vez é o escritor Marcus Barcelos, um dos autores de Vozes do Joelma (Faro). Na conversa com Leonardo Neto, editor do PublishNews, Marcus vai falar sobre os seus hábitos de leitura, da sua formação como leitor, sobre a sua obra e sobre a literatura de suspense e terror, sua especialidade. O papo será transmitido ao vivo pelo perfil da CBL no Instagram (@cbloficial). Pelo #ArenaVirtual já passaram o ator Antônio Fagundes e a autora Monja Coen.

PublishNews, Redação, 13/04/2020

Para ajudar a enfrentar o isolamento social, a prefeitura de Montevidéu, Uruguai, distribuiu cinco mil exemplares de livros junto com outros itens de higiene e de cesta básica para pessoas em situação social vulnerável. Entre os autores das obras distribuídas, há clássicos como Hermann Hesse, Aldous Huxley, Alberto Camus, Júlio Verne e George Orwell. Livros infantis e juvenis também foram entregues. “A ideia é que a cesta básica, mais do que algo para superar a emergência, seja um carinho para o coração das pessoas”, disse Juan Canessa, secretário-geral da prefeitura e idealizador da iniciativa, à Folha. O secretário de Educação Básica do Ministério da Educação (MEC), Janio Macedo, pediu demissão do cargo na última semana. O motivo: desgastes na pasta comandada por Abraham Weintraub. Na tarde da última quinta (9), o MEC anunciou que a consultora em educação, Ilona Becskeházy, assumirá o cargo. Ela é doutora em educação pela USP com estudo sobre as políticas de educação de Sobral (CE), município com resultados educacionais de destaque. Segundo o Estadão, nos últimos meses, era uma das poucas vozes de apoio à gestão Jair Bolsonaro na educação e passou a ser seguida e elogiada por entusiastas do escritor Olavo de Carvalho, guru ideológico do bolsonarismo. Alguns títulos já começam se destacar nesse momento de isolamento social. Segundo o Painel das Letras, com a crise, a Sextante viu um crescimento de 100% nas vendas de seus livros de colorir. Clique no Leia Mais para conferir a íntegra desta nota.

PublishNews, Redação, 13/04/2020

Há 20 anos, Harry Potter e a Pedra Filosofal era publicado no Brasil. Para comemorar o aniversário de um dos livros mais vendidos da história, a Rocco lançou um Box de luxo (3.067 pp, R$ 449,90) em edição limitada com os sete livros em capa dura, com ilustrações de Brian Selznick (vencedor da Medalha Caldecott) e Mary GrandPré e que se complementam ao serem colocados lado a lado. Cada livro também pode ser comprado separadamente. A vida do menino Harry Potter não tem um pingo de magia. Ele vive com os tios e o primo, que não gostam nem um pouco dele e nunca comemorou um aniversário sequer em 11 anos. Até que, um dia, Harry recebe uma carta misteriosa, entregue por uma coruja: um convite para estudar num lugar incrível chamado Escola de Magia e Bruxaria Hogwarts. Lá ele vai encontrar não só amigos, como também seu destino: ser um aprendiz de feiticeiro até o dia em que terá que enfrentar a pior força do mal, o bruxo que assassinou seus pais. Mas, para isso, Harry precisará passar por uma série de desafios e enfrentar inúmeros perigos. Em sete livros que se tornaram o maior fenômeno editorial de todos os tempos, com mais de 450 milhões de exemplares vendidos e traduções em 78 idiomas, Harry Potter precisará superar traições, surpresas e, sobretudo, aprender a lidar com os próprios sentimentos.

PublishNews, Redação, 13/04/2020

O rei yorkista Eduardo é expulso da Inglaterra enquanto sua esposa e seus filhos são obrigados a procurar refúgio para se proteger da Casa de Lancaster. Porém, a raiva e a humilhação levam Eduardo de volta à grandeza. Ele aporta em Ravenspur com o irmão e um pequeno exército. Ainda que esteja cercado de inimigos, Eduardo está de volta e só vai parar quando recuperar sua coroa. No entanto, nem Eduardo nem Ricardo percebem que o verdadeiro inimigo de York ainda não se revelou e que, apesar de suas vitórias, a causa de Lancaster vive. Longe deles, Henrique Tudor é agora um homem adulto. Ele é o Dragão Vermelho, o Homem do Destino, que busca acabar com a Guerra das Rosas. E sua reivindicação o levará a uma batalha sangrenta em Bosworth Field. Haverá silêncio e rainhas de luto, sacrifícios e traições. Príncipes serão mortos; linhagens encontrarão seu fim. A guerra acabará, e uma nova casa real se erguerá acima de todas as outras em Ravenspur (Record, 476 pp, R$ 69,90 – Trad.: Beatriz Medina), capítulo final da Guerra das Rosas, de Conn Iggulden.

“Não existe isolamento para a literatura.”
João Camilo de Oliveira Torres
Escritor brasileiro
1.
Decida vencer
2.
Mais esperto que o diabo
3.
As veias abertas da América Latina
4.
Sapiens ( edição de bolso)
5.
Box - O essencial da Psicologia
6.
Como fazer amigos e influenciar pessoas
7.
A princesa salva a si mesma neste livro
8.
Como fazer amigos e Influenciar pessoas - Edição comemorativa 80 anos
Luluca - No mundo dos desafios
10.
Box - Alice no país das maravilhas
 
PublishNews, Redação, 13/04/2020

Hugo mora em uma favela do Rio de Janeiro. Nunca foi um herói. Muito pelo contrário. Tudo o que tinha feito antes de se descobrir bruxo, dois anos antes, foi tentar sobreviver da melhor forma possível, ajudando a si próprio mais do que aos outros, em sua saga torta para se tornar uma pessoa melhor. Agora, arrependido dos atos egoístas e da vaidade extrema que demonstrou nos dois anos de formação como bruxo, ele terá de fazer algo maior do que si mesmo por outra pessoa, arriscando sua saúde, suas forças e sua sanidade em busca de uma cura quase impossível de encontrar. O Tempo, no entanto, é impiedoso e está passando, e para sobreviver à vastidão profunda da selva amazônica, onde todos os gritos são abafados, não bastará que ele seja o Hugo de sempre. Ele terá de ser mais. Na segunda parte de O dono do tempo (Novo Século, 384 pp, R$ 49,90), sequência de A arma escarlate e A comissão chapeleira, escritos por Renata Ventura, Hugo precisará de agilidade, astúcia e um coração de ferro se quiser aguentar até o final. Porque a floresta tem mais olhos do que folhas, e alguns desses olhos podem matar.

PublishNews, Redação, 13/04/2020

Após derrotarem o poderoso e maligno Antideus, os heróis de Spiral City caíram no esquecimento ao se verem presos em um estranho purgatório: uma fazenda isolada e misteriosa da qual não conseguem sair. Por dez anos viveram como uma família, escondendo sua verdadeira natureza dos habitantes locais. Até que uma visita vinda de seu antigo mundo consegue chegar até eles, trazendo consigo a esperança de voltarem para casa, mas também o prenúncio de uma era de caos e destruição. No quarto e último volume de Black hammer, Era da destruição – Parte 2 (Intrínseca, 192 pp, R$ 44,90 - Trad.: Fernando Scheibe) mais segredos vêm à tona, e quando a verdade sobre o que aconteceu naquela batalha fatídica é revelada, o mundo dos ex-heróis muda completamente outra vez. Com o equilíbrio do universo sob ameaça, eles serão obrigados a decidir se o preço que pagaram para salvar Spiral City valeu a pena. Criada por Jeff Lemire e Dean Ormston, a série Black hammer é sucesso de público e crítica e teve os direitos de adaptação para TV e cinema adquiridos pela Legendary. Com elementos de grandes clássicos dos quadrinhos, personagens complexos e trama única, a HQ aborda temas como memória, família e o peso das escolhas do passado.

 
©2001-2020 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.