Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 27/06/2019
A BOOKPartners é uma distribuidora completa: atende toda a cadeia do livro e seus devidos processos. Em sua estrutura reúne cerca de 220 colaboradores, dois centros de distribuição, e-commerce e marcas voltadas a segmentos específicos de leitores.
Primavera Assessoria oferece serviço de revisão de textos em português, preparação de originais para editoras e autores, padronizações e outros serviços editoriais.
A Transpo Express é uma transportadora que já atua há 10 anos focada completamente no segmento editorial. Faz entregas e coletas em editoras, distribuidoras, livrarias, gráficas e grandes redes. A área de atuação atualmente engloba São Paulo (Capital), grande São Paulo, Jundiaí, Campinas e todo o estado do Rio de Janeiro.
PublishNews, Redação, 27/06/2019

Há três anos, a Amazon realiza, em Paraty durante a Flip (10 a 14/07), um pitching em que editores, agentes e especialistas avaliam livros publicados pelo KDP, a plataforma de autopublicação da gigante de Seattle. Nesse ano, o trabalho da equipe que fez a seleção das obras que serão apresentadas lá no sábado (13) foi intenso. É que foram inscritos 246 livros, dos quais foram selecionados sete: Morte e ascensão de Darla Abranches, de Bruno Crispim; Operação plus size, de D. Celestino; Outra guerra das Malvinas: Os corpos identificados 36 anos após o conflito, de Eduardo Gayer (este vencedor da categoria Destaque Universitário do Prêmio Livro-Reportagem Amazon); Na trave, de Fanny Ladeira; No meio do caminho: sobre o amor e a Cracolândia, de Felipe Alvez; O que restou de você, de K.C. Bergamini, e Poeta sobre trilhos: diário de bordo, de Lucas Castro Lisboa. Clique no Leia Mais e confira a íntegra desta nota.

PublishNews, Redação, 27/06/2019

Em março do ano passado, o PublishNews chamava a atenção para o livro A mãe da mãe de sua mãe e suas filhas, que, embora estivesse ganhando o mundo com edições na Itália e nos EUA, estava esgotado no Brasil. O livro de estreia da goiana Maria José Silveira agora ganha nova edição, revista e ampliada, pela Globo Livros. A história ganhou um capítulo extra que narra a história até 2017. Junto com a nova edição brasileira, saiu também a edição francesa, traduzida por Diniz Galhos e publicada pelo selo Denoel, da Gallimard. O livro reconta mais de 500 anos da História do Brasil sob o ponto de vista de mulheres que sobrevivem à exploração desenfreada do pau-brasil, da cana-de-açúcar e do ouro, à dominação e à opressão não apenas dos colonizadores e das ditaduras, mas também de seus parceiros, maridos e amantes.

PublishNews, Redação, 27/06/2019

Os interessados em se inscrever na edição de 2019 do Prêmio Jovens Talentos tem mais uma chance: as inscrições foram prorrogadas até às 19h do dia 5 de julho. Realizado desde 2015 pelo PublishNews com o patrocínio do Sindicato Nacional dos Editores (SNEL) e apoio da Feira do Livro de Frankfurt, o prêmio tem como objetivo reconhecer e premiar profissionais de até 35 anos que já tenham feito alguma contribuição notável para a indústria do livro no Brasil. Para indicar alguém ou se inscrever, basta enviar um e-mail para inscricoes@premiojovenstalentos.com com telefone e foto do indicado, e um testemunhal de até 4 mil caracteres explicando por que você ou a pessoa que você quer indicar merece o prêmio. É importante ressaltar no testemunhal as realizações do(a) indicado(a) e como ele(a) contribuiu para a indústria do livro, fazendo algo acima da média e de sua mera obrigação. Podem e devem ser enviados materiais de apoio à indicação, tais como cartas de referência de colegas e superiores, assim como qualquer forma de documentação que comprove as contribuições do(a) indicado(a) e o endereço do LinkedIn se o indicado(a) possuir. Lembrando que qualquer profissional da indústria do livro pode se inscrever. Serão escolhidos cinco jovens talentos vencedores e um deles ganhará o prêmio especial: uma viagem para a Feira do Livro de Frankfurt (16 a 20/10), com as despesas de passagem e hospedagem pagas, além de ajuda de custo no valor de 500 euros e tíquetes para o Business Club, a área VIP da feira.

PublishNews, Redação, 27/06/2019

A Thomas Nelson Brasil, selo da editora HarperCollins, abriu uma vaga para executivo de contas para atuar em São Paulo. A editora procura uma pessoa apaixonada por livros e comprometida para atuar no atendimento aos clientes do mercado cristão: livrarias, igrejas, seminários e pastores; fazer a prospecção de novas oportunidades de negócios; cuidar do gerenciamento de carteira identificando oportunidades em lançamentos e catalogo; da criação organização e execução de eventos e do treinamento de equipes comerciais e livreiros. Os benefícios incluem assistência médica e odontológica, auxílio combustível e creche, convênio com empresas parceiras, seguro de vida e vale-refeição. Os interessados devem enviar currículos para o e-mail oportunidadesrh@harpercollins.com.br.

PublishNews, Redação, 27/06/2019

A Fundação Dorina Nowill Para Cegos abriu seis vagas: duas para editor braille jr., uma para editor digital jr., e três vagas de estágio, sendo uma para editor, outra para design e outra para design editorial. Para as vagas de editor é necessário conhecimento do Pacote Adobe e InDesign, domínio da língua portuguesa e boa comunicação oral e escrita. Os estagiários de editor e design serão responsáveis pelo auxílio nas edições de texto para formatos acessíveis; verificação, escaneamento e/ou conversão de arquivos; linearização/diagramação de texto, descrição de imagens, adaptação e correção de texto. Já o estagiário de design editorial irá participar e colaborar no desenvolvimento e adaptação de materiais impressos e digitais em formatos acessíveis; e auxiliar na diagramação, adaptação de imagens fechamento de arquivo e envio para impressão e outras atividades relacionadas. Os currículos com o nome de cada vaga devem ser enviado para o e-mail currículos@fundacaodorina.org.br e as informações completas sobre cada uma delas estão disponíveis nos links correspondentes.

PublishNews, Redação, 27/06/2019

O período de inscrições para a 61ª edição do Prêmio Jabuti termina nesta sexta-feira (28). Este ano, são 19 categorias divididas em quatro eixos (Literatura - conto, crônica, histórias em quadrinhos, infantil, juvenil, poesia e romance; Ensaios – artes, biografias / documentários / reportagens, ciências, economia criativa e humanidades; Livro – capa, ilustração, impressão, projeto gráfico e tradução; e Inovação – fomento à leitura e livro brasileiro publicado no exterior) e qualquer autor brasileiro, naturalizado ou estrangeiro com residência no país pode se inscrever. Para associados da Câmara Brasileira do Livro (CBL), organizadora do prêmio, o valor da inscrição é de R$ 285. Para autores independentes, R$ 327; para associados de entidades congêneres, R$ 370 e para não associados, R$ 430. O vencedor de cada uma das 19 categorias levará para casa R$ 5 mil e o vencedor do Livro do Ano, R$ 100 mil. A entrega do prêmio acontece em novembro e para se inscrever é só clicar aqui.

PublishNews, Redação, 27/06/2019

A edição mexicana do livro Uma menina está perdida no seu século a procura de seu pai - publicado por aqui pela Companhia das Letras -, do escritor português Gonçalo M. Tavares recebeu esta semana o Prêmio Belas Artes de Tradução Literária Margarita Michelena 2019, o mais importante prêmio de tradução do país. O júri destacou a alta qualidade do trabalho de Paula Abano que conseguiu traduzir a “fascinante imaginação de Tavares” e manteve a originalidade de sua escrita. Uma menina está perdida no seu século a procura de seu pai, que já foi finalista do Prêmio Oceanos em 2016, se passa na Europa do pós-guerra onde Marius encontra Hanna, uma menina com síndrome de Down que está à procura do pai e decide mudar seu percurso para acompanhá-la em sua jornada. A cerimônia de entrega do prêmio acontece nesta sexta (28), em Hidalgo / México.

PublishNews, Redação, 27/06/2019

“A verdade, a triste ou bela verdade, é que cada vez gosto menos de romances, da arte romanesca tal como é praticada nestes tempos. O que estou escrevendo agora será (se algum dia eu terminar) algo assim como um antirromance, uma tentativa de romper os moldes em que esse gênero está petrificado”, escreveu Julio Cortázar numa carta de 1959, quando iniciava a escrita do que viria a ser O jogo da amarelinha (Companhia das Letras, 592 pp, R$ 109,90 – Trad.: Eric Nepomuceno). Publicado em 1963, o relato de amor entre um intelectual argentino no exílio, Horacio Oliveira, e uma misteriosa uruguaia, a Maga, ao acaso das ruas e das pontes de Paris, é um marco da literatura do século vinte. A nova e caprichada edição brasileira traz uma seleção de cartas do autor sobre a escrita e a recepção de O jogo da amarelinha, projeto gráfico de Richard McGuire e textos de Haroldo de Campos, Mario Vargas Llosa, Julio Ortega e Davi Arrigucci Jr.

“A leitura é uma fonte inesgotável de prazer, mas por incrível que pareça, a quase totalidade, não sente esta sede.”
Carlos Drummond de Andrade
Poeta brasileiro (1902-1987)
1.
A sutil arte de ligar o foda-se
2.
A riqueza da vida simples
3.
O milagre da manhã
4.
Seja foda!
5.
O poder da autorresponsabilidade
6.
F*deu geral
7.
O poder oculto
8.
Brincando com Luccas Neto
9.
A garota do lago
10.
Do mil ao milhão
 
PublishNews, Redação, 27/06/2019

Chris Kraus, uma cineasta independente e falida, apaixona-se por Dick, um respeitado crítico cultural, e tenta seduzi-lo com a ajuda do marido. Quando Dick se recusa a responder suas cartas, marido e mulher continuam a escrever um para o outro, imaginando uma aventura que leva Kraus para muito além de sua paixão. Ao não separar a privacidade da expressão artística, o Eu amo Dick (Todavia, 288 pp, R$ 64,90 – Trad.: Taís Cardoso e Daniel Galera) atraiu tantos fãs quanto detratores, numa controvérsia que continua até os dias de hoje e segundo o The Guardian, é “o livro mais importante sobre homens e mulheres escrito no século XX”.

PublishNews, Redação, 27/06/2019

No Livro do avesso: o pensamento de Edite (Malê, 156 pp, R$ 38), Elisa Lucinda desnuda o íntimo de sua personagem narradora-protagonista e reúne os pensamentos mais livres e plurais de uma brasileira, adulta, negra, que vive os dilemas e paradoxos da sociedade contemporânea. Edite, a personagem principal, narra a sua trajetória do desejo, seus afetos, amizades e amores com a liberdade de um contínuo fluxo de consciência. Acima de tudo, o livro revela uma intimidade feminina – Edite fala de seus desejos ocultos, por vezes controversos, da mesma forma simples com que aborda seus cuidados rotineiros com o cabelo, a pele, a roupa, a casa. Com isso, Elisa Lucinda encontra jeito de falar de amor, do sexo, da morte, do medo e da saudade.

 
©2001-2019 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.