Coruja tipo exportação
PublishNews, Redação, 22/02/2021
Coleção infantil ‘A coruja me contou’, da escritora e editora brasileira Lulu Lima, chega à Suíça, França e Alemanha

Em 2019, a escritora e editora baiana Lulu Lima embarcou para a Itália com o seu livro A coruja me contou (Mil Caraminholas) debaixo do braço. A sua missão era a de apresentar o seu livro aos editores internacionais que acompanharam naquele ano a Feira do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha. Em uma breve reunião com Alizée Dalbert, da editora suíça Helvetiq, apresentou o livro e aí a história começou.

Quase dois anos depois desse encontro, o primeiro livro da coleção está pronto em duas versões, em alemão e em francês, e já está circulando na Alemanha e na França, além, da Suíça. “Esperamos que A coruja que me contou conquiste as crianças europeias, com suas histórias inventivas, como fez com as brasileiras", comentou Lulu, que garante que já foram vendidas mais de 30 mil cópias dos dois volumes existentes da coleção (o terceiro está por vir, com lançamento previsto para junho).

No livro, a Dona Coruja, uma figura inventiva que protagoniza a história, oferece sempre uma explicação fabulosa para tudo que não tem explicação na natureza: Como a girafa ficou pescoçuda? Como caiu a primeira chuva do mundo? Quem inventou o porco-espinho? Ao final, as crianças protagonizam a história, respondendo às perguntas deixadas pela Dona Coruja: Quem acendeu o sol? Como os passarinhos ficaram tão coloridos?

[22/02/2021 09:10:00]