A poesia de Daniel Jonas
PublishNews, Redação, 08/02/2019
Todavia publica obra com seleção de poemas do autor português que saíram em livros desde 2005

Daniel Jonas publicou nove livros de poemas que cedo lhe conferiram prêmios importantes em Portugal, seu país natal, e na Europa. Ele é também tradutor. Sua obra mais conhecida nesse campo é a versão para o português de Paraíso perdido, de Jonh Milton. Os fantasmas inquilinos (Todavia, 256 pp, R$ 69,90), seleção feita pelo poeta e músico Mariano Marovatto, cobre a carreira de Daniel Jonas, apresentando poemas publicados em livros desde 2005, e serve como a melhor introdução a sua poesia. Lírica, meditativa e intensa na apreciação dos afetos, da vida nas cidades e da própria atividade poética, a obra do poeta português tem um quê de clássico. Se, por um lado, parece continuar com voz bastante distinta a poesia de Fernando Pessoa e outros grandes líricos de seu país, por outro traz uma nova tonalidade à poesia de língua portuguesa, talvez resultado do intenso intercâmbio do autor com a língua inglesa.

Tags: Todavia
[08/02/2019 07:00:00]