Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 23/07/2021
A área de Soluções em Acessibilidade é uma divisão da Fundação Dorina Nowill para Cegos criada para oferecer o mais amplo portfólio de produtos e serviços acessíveis a empresas que desejam não apenas se adequar à lei
Há mais de 50 anos servindo a cultura e educação, é uma das maiores distribuidoras de livros para o ensino de idiomas, técnicos e científicos.
A Catavento atua no mercado de distribuição de livros para todo o país.
PublishNews, Leonardo Neto, 23/07/2021

No último dia 20, a segunda instância da Justiça Fluminense anulou a decisão que proibia a circulação do livro Diário da cadeia – com trechos da obra inédita Impeachment, escrito por Ricardo Lísias sob o pseudônimo de Eduardo Cunha e publicado pela Record. A ação foi movida por Eduardo Cunha, o ex-presidente da Câmara dos Deputados que chegou a ser preso por acusação de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas. Na ação, o ex-parlamentar argumentou que o lançamento era “uma estratégia comercial ardil e inescrupulosa” e que a editora e o autor estavam aproveitando-se da expectativa de um livro que o próprio Cunha estava escrevendo à época (mais recentemente, o livro saiu pela editora Matrix). Na primeira instância, a juíza Ledir Dias de Araújo mandou recolher o livro e determinou que a editora e o autor pagassem R$ 30 mil a título de danos morais. A decisão da oitava Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, proferida no início dessa semana, suspendeu a decisão da juíza Ledir e absolveu tanto a Record quanto Lísias de pagar a indenização. Clique no Leia Mais para acessar a íntegra desta nota.

PublishNews, Leonardo Neto, 23/07/2021

Guitarrista Kiko Loureiro é autor de 'Negócios para criativos' que alcançou o oitavo lugar do Ranking Geral dessa semana | © Diego Baravelli / WikicommonsO guitarrista carioca Kiko Loureiro conquistou o mundo da música. Cofundou o Angra e faz parte do Megadeath, bandas que alcançaram o reconhecimento mundial; foi eleito o melhor guitarrista do mundo em 2006 pela revista Burn e ganhou dois Grammys, em 2016 e 2017. Era de se esperar que seu primeiro livro trouxesse as suas memórias ou talvez uma autobiografia. Mas, não. Ele escreveu e publicou pela Editora Gente Negócios para criativos, que conquistou nessa semana o segundo lugar da Lista de Negócios e o oitavo do Ranking Geral ao vender 1.702 exemplares. No livro, Kiko quer provar que criativos podem transformar a arte em um negócio de sucesso. É que, além da música, o autor dedica-se ao ensino de music business, marketing musical e desenvolvimento de carreira. A partir de conceitos do empreendedorismo e da inovação, Kiko descreve um passo a passo para transformar ideias criativas em atividades rentáveis. Mentirosos (Seguinte), de E. Lockhart, alcançou o primeiro lugar na semana passada. Segue forte nessa mesma posição agora, com 3.014 exemplares vendidos. Nenhuma mudança também no segundo lugar: Vermelho, branco e sangue azul (Seguinte), de Casey McQuiston, somou mais 2.587 exemplares na sua conta. O terceiro lugar, ocupado por Torto arado (Todavia), de Itamar Vieira Jr., na semana passada, agora está ocupado por Atitudes extraordinárias (Gente), de Renato Grinberg, com 1.885. Clique no Leia Mais e confira outros destaques da Lista dessa semana.

PublishNews, Paulo Tedesco, 23/07/2021

© Renata AguiarOficialmente comecei no mundo gráfico no ano de 2005, na extinta e bem conhecida, à época, Gráfica e Editora Nova Prova, de Porto Alegre. Sou da pedra lascada, não há dúvida. Mas, a minha pedra era a dos fotolitos, sua revelação, o corte e a montagem. E depois os tradicionais corre-corre com erros ou problemas durante o processo de impressão. Mas é bom dizer que migrei ao meu neolítico e ao meu moderno quando passei pelos disquetes, CDs e finalmente a tal CTP [sigla para computer to plate, favor não confundir com a categoria de livros científicos, técnicos e profissionais]. Essa última, que literalmente iniciava um mundo novo, ao receber direto dos computadores da pré-impressão as informações para uma chapa de zinco, que seguia rápida para as impressoras. Mas não me demorei na modernidade, pois a pós-modernidade se avizinhava e a impressão digital em máquinas digitais, para não mais só gerar provas de livros, mas para imprimir livros, acontecia poucos anos depois de que me iniciara no mundo gráfico. E dessa impressão digital, com acabamentos (leia-se cola e eventualmente costura), que é bom falar, falar e celebrar. Clique no Leia Mais e confira a íntegra da coluna de Paulo Tedesco.

PublishNews, Redação, 23/07/2021

A Editora Gente abriu uma vaga para designer pleno para a área de marketing. O contratado será responsável por desenvolver ações e materiais que comuniquem a marca Gente e seus respectivos autores e produtos. Além disso, irá ajudar a criar campanhas publicitárias on-line e off-line, desenvolverá materiais de lançamento, cuidará do tratamento de imagens e proposição de layouts, criará materiais par eventos e também estará envolvido na rotina geral do departamento. Os requisitos da vaga incluem o domínio do pacote Adobe, experiência em desenvolvimento de campanhas e conhecimentos em ebdesign drag & drop como Elementor, Unbounce, Optimize Press e Wix. Os interessados devem se inscrever clicando aqui.

PublishNews, Redação, 23/07/2021

Três contos do Machado (Miolo Mole, 60 pp, R$ 49,90), de Caeto Melo e Masanori Ninomiya, é uma adaptação em quadrinhos de contos do escritor Machado de Assis. No primeiro deles, Um apólogo, uma agulha e um novelo de linha conversam sobre quem tem mais importância no trabalho de coser. Já o conto Na arca é uma discussão entre os filhos de Noé sobre como dividir as terras quando as águas do dilúvio baixarem. E A cartomante conta a história de um casal de amantes na sociedade do século XIX e traz à tona temas como traição, crenças e superstições por meio de uma narrativa complexa muito bem estruturada. O projeto foi premiado na categoria “Histórico por Realização em Literatura” no edital viabilizado pelo ProAC, através da Lei Aldir Blanc.

PublishNews, Redação, 23/07/2021

Arlindo é um garoto cheio de sonhos e vontade de encontrar seu lugar no mundo. Tudo o que ele quer é seguir sua vida de adolescente na cidadezinha onde mora, no interior do Rio Grande do Norte. Ele aluga filmes na locadora com as amigas todo sábado, sente o coração bater mais forte pelas primeiras paqueras, canta muito Sandy & Júnior no chuveiro, cuida da irmã mais nova e ainda ajuda a mãe a fazer doces para vender. Por mais que ele se esforce e dê o seu melhor, muita gente na cidade não aceita Arlindo – o que traz uma série de problemas na escola e até mesmo dentro de casa. Aos poucos, porém, ele vai perceber que vale a pena lutar para ser quem ele é, ainda mais quando tem tanta gente com quem contar. Com um traço divertido, cores vibrantes e um monte de referências aos anos 2000, Arlindo (Seguinte, 200 pp, R$ 60), criação de Luiza de Souza (Ilustralu), já conquistou milhares de fãs na internet. O livro fala sobre encontrar forças nas pessoas que a gente ama e dentro de nós mesmos.

PublishNews, Redação, 23/07/2021

Matias, um menino curioso, aguarda ansiosamente o nascimento de sua irmã. A família toda sonha com o neném que vai chegar; idealiza os momentos de felicidade que estão por vir e faz mil e um planos. Mas quando um bebê nasce também podem surgir dúvidas e medos em adultos e crianças, que precisam de uma escuta atenta e um diálogo franco, abrindo caminho para a compreensão, a aceitação e a formação de vínculos afetivos saudáveis. Depois que Marina nasce, com Síndrome de Down, Matias percebe que nem tudo é como ele imaginava que seria. Cheio de perguntas, ele quer entender por que as coisas são como são. Novo livro de Flávia Lins e Silva, Como somos (Globinho / Globo Livros, 32 pp, R$ 54 - Ilustração: Gabriela Gil) mostra como Matias e sua família aprendem a lidar com as incertezas e os questionamentos acerca das diferenças inerentes a cada pessoa. Com amor e acolhimento, eles se entendem e se aceitam como são e descobrem que, juntos, é possível construir novas possibilidades.

PublishNews, Redação, 23/07/2021

Em Coiso (Intrínseca, 272 pp, R$ 49,90 – Trad.: Flora Pinheiro | Ilustração: Tony Ross), novo livro de David Williams, Dora Dócil é uma criança mimada e geniosa que ganha tudo o que pede. Seu quarto já está abarrotado com tudo que alguém poderia desejar, mas nada é suficiente. Ela quer sempre mais, mais e mais. Até que um dia a menina anuncia que quer um Coiso. Para os bondosos Sr. e Sra. Dócil, vale tudo para agradar a filha querida e evitar suas crises de gritos. O problema é que um Coiso é um animal redondo, peludo, perigoso e dificílimo de ser capturado. Mas, para realizar o desejo de Dora, o Sr. Dócil resolve enfrentar os perigos das "profundezas mais profundas da selva mais selvosa", onde habita a criatura. Porém, o encontro de Dora com seu novo bicho de estimação não sai como o esperado, e agora os pais têm de lidar com dois monstrinhos em casa.

“Contar histórias é a coisa mais resistente que já existiu.”
Jürgen Boos
Presidente da Feira do Livro de Frankfurt
1.
Mentirosos
2.
Vermelho, branco e sangue azul
3.
Atitudes extraordinárias
4.
Mais esperto que o diabo
5.
Mulheres que correm com os lobos (capa dura)
6.
Escravidão -Vol 2
7.
Torto arado
8.
Negócios para criativos
9.
O poder da autorresponsabilidade
10.
A garota do lago
 
PublishNews, Estevão Ribeiro, 23/07/2021

 
©2001-2021 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Henrique Schaumann, 1108 A, CEP 05413-011 Pinheiros, São Paulo -SP
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.