Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 30/05/2018
A psi7 Printing Solutions & Internet 7 S.A. é uma empresa de tecnologia na gestão de conteúdos que ajuda as empresas, sejam editoras ou indústrias, a propagar o seu conteúdo nos formatos impresso, áudio, dados ou eletrônico.
Revisora, copidesque e produtora editorial há mais de dez anos com experiência em todas as etapas da produção editorial.
Com mais de 20 anos de experiência na diagramação de livros, Julio Fado oferece um trabalho profissional, de qualidade e rápido. Além da diagramação de livros para impressão, ele também diagrama livros em formato digital.
PublishNews, Redação, 30/05/2018

Como vem fazendo nos últimos anos, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) acaba de atualizar a sua série histórica que mostra o desempenho da indústria editorial brasileira desde 2006, quando começou a realizar anualmente a Pesquisa Produção e Vendas do Setor Editorial Brasileiro encomendada ao instituto pela Câmara Brasileira do Livro e pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros. Trazidos a valores de 2017, os números foram corrigidos pelo IPCA e revelam o desempenho real das editoras ano a ano. O levantamento mostra que o faturamento do setor editorial geral, considerando aqui tanto as vendas para o mercado quanto daquelas para o governo, apresentou queda de 21%. Isso corresponde a uma perda real de R$ 1,4 bilhão no período. Como evidencia o gráfico ao lado, entre 2006 e 2011, houve um período de expansão do setor, que chegou a faturar R$ 7 bilhões (em valores de 2017). Depois disso, esses resultados sofreram erosões e nos últimos três anos, entre 2015 e 2017, as perdas se intensificaram e o faturamento das editoras caíram cerca de 20%, resultado da crise econômica que afeta o país desde 2015. Clique no Leia Mais para ver outros destaques da Série Histórica da Pesquisa Fipe.

PublishNews, Leonardo Neto, 30/05/2018

Varejo de livros continua crescendo, aponta GfK | © Divulgação / BlooksA Associação Nacional de Livrarias (ANL) e a GfK apresentaram os resultados de abril do seu relatório mensal que acompanha a evolução do mercado varejista de livros no Brasil. Na comparação com igual período de 2017, houve crescimento nas vendas, tanto em valor (+13,2%), quanto em volume (12,7%). Em números absolutos quer dizer que em abril de 2018 foram vendidos 4 milhões de unidades o que redundou em faturamento de R$ 167,5 milhões. No acumulado do ano, já foram vendidas 20,1 milhões de cópias e as livrarias, supermercados e lojas de autoatendimento monitorados pela GfK já apresentaram faturamento de R$ 943 milhões. Em números relativos e na comparação com igual período de 2017, isso representa crescimento 10,2% em volume e de 9,6% em faturamento. Clique no Leia Mais para ter acesso à íntegra desta matéria e ao relatório.

PublishNews, Redação, 30/05/2018

Diretor geral da Distribuidora e Livraria Loyola, Vitor Tavares anunciou na tarde da última terça-feira (29) a sua candidatura à presidência da Câmara Brasileira do Livro (CBL) para o biênio 2019-2021. Com apoio do atual presidente, Luís Antonio Torelli, Vitor diz que vai investir a sua experiência como editor, livreiro e distribuidor de livros para unir o mercado. “Assim, construiremos juntos o futuro que queremos para os livros no Brasil”, disse em comunicado. Na reunião em que angariou apoio oficial de Torelli, Vitor ganhou suporte de outros quatro ex-presidentes, diretores, conselheiros e representantes de entidades irmãs da CBL. Vitor, que atualmente é vice-presidente da entidade, começa agora a pensar em nomes para a sua chapa e a compor a sua plataforma de trabalho. As eleições acontecem em fevereiro em data a definir. Novas chapas podem aparecer até 30 dias antes da data marcada para as eleições.

PublishNews, Redação, 30/05/2018

Na edição desta semana do Podcast do PublishNews, recebemos o curador do Prêmio Jabuti, Luiz Armando Bagolin. No nosso bate-papo, Bagolin explicou todas as mudanças da 60ª edição do prêmio, a racionalização das categorias, o foco no leitor, as inscrições diferenciadas para autores independentes, os valores da premiação e todos os outros tópicos que foram assunto desde que o Jabuti anunciou suas mudanças. Comentamos também sobre a vinda da WHSmith para o Brasil, o resultado da Saraiva no primeiro trimestre, os vencedores do Man Booker International Prize e Prêmio Camões, a repercussão do site pirada derrubado pela ABDR e a lista de mais vendidos. Para acessar o podcast, clique no Leia Mais.

PublishNews, Redação, 30/05/2018

O Prêmio ABEU 2018 abriu as inscrições para a sua quarta edição. Com o intuito de distinguir as melhores edições universitárias no âmbito do conhecimento científico e acadêmico, a premiação sofreu algumas mudanças. A primeira delas é que a professora Sheila Diab Maluf assume a curadoria do prêmio, cargo ocupado até então por José Castilho Marques Neto, o mais novo colunista do PublishNews. O número de categorias premiadas também aumentou, passando de cinco para sete: a categoria Ciências Sociais e da Expressão foi dividida em Ciências Sociais Aplicadas e Linguística, Letras e Artes. As inscrições seguem até o dia 29 de junho. O regulamento completo pode ser acessado clicando aqui.

PublishNews, Redação, 30/05/2018

© Rose AikawaConhecido por seus romances espíritas, o autor Marcelo Cezar deixa a editora Vida & Consciência para lançar seu primeiro livro pela Editora Planeta, o 21º título de sua carreira. Há mais de 30 anos em contato com os estudos espíritas, Marcelo Cezar já vendeu mais de 2 milhões de exemplares, dentre eles o best-seller O amor é para os fortes. A obra Acerto de contas será lançada ainda em junho pelo Academia, selo da Editora Planeta responsável pela publicação de títulos de espiritualidade, educação, autoajuda e autoconhecimento, pelo qual são publicados outros importantes autores espíritas, como José Carlos de Lucca e Mônica de Castro. A editora Vida & Consciência publicou os livros de Marcelo por quase 20 anos.

PublishNews, Redação, 30/05/2018

Começou na tarde desta terça (29) a venda antecipada de ingressos para a 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo (3 a 12/08). A organização do evento optou por manter o mesmo valor dos ingressos da última edição, em 2016. De segunda à quinta-feira, a inteira custará R$ 20 (meia R$ 10) e de sexta-feira à domingo R$ 25 (meia R$ 12) por dia e até segunda (4/06), as inteiras serão vendidas por um preço promocional, com 50% de desconto. Os ingressos estão disponíveis no site da Bienal e pelo telefone (11) 2626-1061. Estudantes, deficientes e seus acompanhantes têm direito à meia-entrada e menores de 12 anos e maiores de 60 não pagam. Funcionários e matriculados Sesc da categoria credencial plena também terão gratuidade e seus dependentes terão direito à meia-entrada. Será aplicado o benefício mediante apresentação da carteirinha e documento com foto. O evento acontecerá no Pavilhão de Exposições do Anhembi (Av. Olavo Fontoura, 1.209 - São Paulo / SP).

PublishNews, Redação, 30/05/2018

A IV edição do Salão do Livro Político está marcada para acontecer entre os dias 18 e 21 de junho, no Tucarena, teatro da PUC-SP (Rua Monte Alegre, 1.024, Perdizes - São Paulo / SP). Crise, eleições, cenário econômico, censura e ciências, fake news e os 30 anos da Constituição de 1989 versus o atual protagonismo do Poder Judiciário são alguns dos assuntos das mesas desta edição. Também serão debatidos a situação política do Oriente Médio e fatos que marcaram a história global e continuam ecoando: maio de 1968, 50 anos depois, Marx e o marxismo no bicentenário do nascimento do filósofo alemão e os rumos da Revolução Cubana, após quase 70 anos. No ano da Copa do Mundo e no momento em que se desvela a corrupção na Fifa, o futebol também está na pauta do evento. A mesa de abertura reunirá candidatos do espectro da esquerda à presidência e Guilherme Boulos (PSOL) já confirmou sua participação. Para as demais mesas também estão confirmados nomes como Jessé Souza, Márcio Pochmann, Leda Paulani, Laura Carvalho, Ricardo Antunes, Esther Solano e Olival Freire, além do jornalista e acadêmico Leonardo Sakamoto, que mediará a mesa sobre fake News. O evento também contará com uma feira de livros com centenas de títulos de mais de 30 editoras com descontos de até 30%. A programação completa será divulgada a partir da próxima semana no site do evento. O Salão do Livro Político é fruto de uma parceria de um grupo de editoras independentes com a PUC-SP.

“Conheço muitos escritores para pensar que a literatura é algo sagrado. Na realidade, a literatura é mais profana que sagrada.”
Lourenço Mutarelli
Escritor brasileiro
1.
As aventuras na Netoland com Luccas Neto
2.
A sutil arte de ligar o foda-se
3.
O milagre da manhã
4.
Combate espiritual
5.
Tempestade de guerra
6.
Seja foda!
7.
O poder da ação
8.
Felipe Neto - A vida por trás das câmeras
9.
O poder do hábito
10.
Jesus - O homem mais amado da história
 
PublishNews, Redação, 30/05/2018

A Associação Nacional de Livrarias (ANL) marcou para o dia 1º de agosto a sua 28ª Convenção Nacional de Livrarias, que acontecerá no Hotel Unique (Av. Brigadeiro Luís Antônio, 4.700 – São Paulo / SP) e será a comemoração central dos 40 anos da associação. O tema central desta edição, O ecossistema do livro, ressaltará a importância da articulação de todos os atores da cadeia do livro, do autor a livraria, passando, claro, pelo leitor. O evento aprofundará também os assuntos discutidos este mês no seminário A Sociedade do Conhecimento e o Livro como Ferramenta, como as diversas plataformas de comercialização do livro e a importância do pequeno e médio comércio do livro, que também faz parte desse ecossistema e deve ser valorizado. 

PublishNews, Redação, 30/05/2018

A LabPub, escola 100% EaD, oferece desconto de 47% para quem se matricular no curso Formação de tradutor de livros, até esta quinta-feira (31). De R$ 1.490, o valor cai para R$ 790, valor que pode ser dividido em até seis vezes. O curso abordará os principais gêneros publicados pelas editoras: ficção comercial, ficção literária, não ficção, clássicos, quadrinhos, cultura pop, infantis e juvenis. Além disso, mostrará aspectos teóricos importantes ao tradutor e exemplos de traduções bem realizadas. Fará parte do curso também o que as editoras esperam de um bom trabalho de tradução, o que é visto em uma preparação de texto ou copydesk e como um tradutor freelancer pode atuar nesse mercado. O curso, que começa no dia 17 de julho, será conduzido pelos profissionais Cassius Medauar, Guilherme Kroll e Monique D'Orazio. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail labpub@labpub.com.br ou pelo telefone (11) 9.8487 4499.

PublishNews, Redação, 30/05/2018

Correio para mulheres (Rocco, 400 pp, R$ 49,90) traz os conselhos e as dicas de Clarice Lispector publicados em diferentes colunas e veículos da imprensa ao longo dos anos 1950 e 1960 e organizados pela professora Aparecida Maria Nunes, doutora em Literatura Brasileira pela USP. Os textos, assinados sob pseudônimos, como Tereza Quadros e Helen Palmer, ou ainda como Ilka Soares, famosa atriz de quem Clarice foi ghost writer, mostram a faceta de jornalista feminina da escritora, entrevendo-se, aqui e ali, pequenas pérolas literárias do estilo clariceano, além de traçar um singular retrato da sociedade da época. Em tom de conversa entre amigas, a autora oferece conselhos e dicas sobre comportamento e etiqueta, relações sociais e amorosas, cuidados domésticos, educação dos filhos e outros temas. Os textos reunidos em Correio para mulheres já tinham sido publicados em livros, mas em dois volumes: Correio feminino, de 2006, e Só para mulheres, de 2008.

PublishNews, Redação, 30/05/2018

Escrito por um dissidente anônimo conhecido apenas pelo pseudônimo “Bandi”, que ainda vive na Coreia do Norte, A acusação (Biblioteca Azul / Globo Livros, 230 pp, R$ 39,90) reúne sete contos impactantes que retratam o verdadeiro cotidiano de homens e mulheres comuns enfrentando os horrores da vida sob os regimes totalitários de Kim II-sung e Kim Jong-Li. Tirados clandestinamente do país e publicados em mais de 19 idiomas, esses contos não devem ser lidos apenas por seu valor literário e histórico, mas sobretudo pelo realismo e pela humanidade com que retratam um povo a quem é suprimido o mais importante dos direitos: uma voz. Os contos de A acusação nos lembram que a humanidade é capaz de manter a esperança mesmo nas circunstâncias mais desesperadoras – e que a busca pela liberdade de expressão tem um poder muito maior do que aquele dos que tentam reprimi-la.

PublishNews, Redação, 30/05/2018

Publicado pela primeira vez em 1825, Código dos homens honestos (Nova Fronteira, 144 pp, R$ 39,90) é um manual de sobrevivência contra larápios e os altos impostos da cidade grande. Com sua verve característica e repleta de ironia, Honoré de Balzac antecipa temas que consagrarão sua Comédia humana e oferece um panorama da sociedade da época, cujas características pareceram não mudar ao longo de dois séculos. Ao descrever o expediente de diversos tipos de criminosos – e propor soluções para quem quer se proteger deles -, o autor faz uma crítica ferina ao poder do dinheiro e ao declínio de valores como honra, segurança e confiabilidade. O resultado é um retrato da natureza humana que atravessa o tempo sem perder a atualidade. A obra faz parte da nova coleção da editora, a Biblioteca Áurea, vendida exclusivamente pela Amazon.

PublishNews, Redação, 30/05/2018

Escrito em primeira pessoa, num misto de fluxo de consciência e discurso direto e dividido em quatro partes (A brisa, O vento, A tempestade e A calmaria), Poesia chinesa (Sesi-SP, 312 pp, R$ 54), de André Caramuru Aubert, narra passagens decisivas de um curto período da vida de um professor universitário de meia-idade. Sempre a partir de uma única ótica, a do personagem central, o leitor é envolvido por um turbilhão de pensamentos, de ações (e suas consequências) do professor, que transitam entre o sublime e o rasteiro, entre a arte e as miudezas humanas, entre a razão e a paixão. A poesia chinesa pode ser lida nas diversas camadas do romance e, longe de ser pano de fundo ou objeto de estudo do protagonista, dá nome ao livro porque informa o leitor sobre o lirismo e sobre a capacidade dos chineses clássicos em captar e traduzir os sutis movimentos da natureza e da natureza humana.

PublishNews, Redação, 30/05/2018

Em Roupas sujas (Companhia das Letras, 184 pp, R$ 49,90), uma saga familiar, Leonardo Brasiliense retraça as consequências da perda da figura materna, e explora a brutalidade das relações humanas e sua persistência no tempo. No embate entre o poder indomável da natureza e a rigidez moral dos costumes, cada personagem ilustra a seu modo o mesmo conflito. Por meio de uma prosa cortante, que toma emprestados o vigor e a austeridade do ambiente doméstico rural do Sul do Brasil, Brasiliense faz da ausência a matéria-prima para o desenrolar de um drama a um só tempo particular e universal. Tão importante quanto aquilo que se diz é o que não se chega a pronunciar, e uma palavra represada na boca do filho temeroso ou do pai taciturno prenuncia a irrupção de segredos que podem ser guardados, mas não extintos.

 
©2001-2018 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.