Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 21/05/2018
A psi7 Printing Solutions & Internet 7 S.A. é uma empresa de tecnologia na gestão de conteúdos que ajuda as empresas, sejam editoras ou indústrias, a propagar o seu conteúdo nos formatos impresso, áudio, dados ou eletrônico.
Revisora, copidesque e produtora editorial há mais de dez anos com experiência em todas as etapas da produção editorial.
Com mais de 20 anos de experiência na diagramação de livros, Julio Fado oferece um trabalho profissional, de qualidade e rápido. Além da diagramação de livros para impressão, ele também diagrama livros em formato digital.
PublishNews, Redação, 21/05/2018

Na semana passada, a Saraiva divulgou os resultados do primeiro trimestre de 2018. O período foi marcado pelo que a empresa chamou de “reperfilamento da dívida” e “renegociação de prazos com fornecedores, objetivando o alinhamento dos fluxos de pagamentos ao ciclo de sazonalidade da companhia”. Os resultados disso puderam ser vistos nos números da empresa que fechou o primeiro trimestre com aumento na receita bruta de R$ 608,4 milhões, 12,4% maior do que aquela apurada no igual período do ano passado e com Ebitda (Lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 24,6 milhões, o que representa variação positiva de 22,8% na mesma base de comparação. Clique no Leia Mais e veja outros destaques dos resultados da Saraiva neste período.

PublishNews, Redação, 21/05/2018

Ex-editora, agora agente literária: Alessandra Ruiz deixa Sextante para abrir Authoria, agência literária especializada na representação de autores nacionais | © DivulgaçãoPara ser um agente literário, são necessárias duas coisas: conhecer bem como funciona a indústria do livro e ter bons contatos. Com 25 anos de estrada e passagens por casas como Alaúde, Gente, Autêntica e Sextante, Alessandra Ruiz (na foto ao lado) faz o requisito. Construiu uma bela agenda de contatos, incluindo autores, editores, agentes internacionais e toda sorte de profissionais que atuam na cadeia do livro e sabe como funcionam as engrenagens da indústria editorial. Por isso, a editora resolveu mudar de lado do balcão e abrir a sua própria agência literária, a Authoria. De acordo com Alessandra, a agência nasce para ocupar um espaço que estava carente no cenário editorial brasileiro e representará exclusivamente autores nacionais, fazendo o trabalho que inclui, além da colocação de projetos em editoras brasileiras, o apoio à escrita, a publicação em outros países (foreign rights), a venda de direitos subsidiários (cinema, tv, teatro etc) e também a participação em eventos de todos os segmentos. A empresa já estreia com cerca de 20 nomes de peso entre os escritores agenciados, autores de obras de interesse geral nos gêneros de ficção (YA, romance feminino, thriller) e de não ficção (negócios, desenvolvimento pessoal, crônicas, comportamento, biografias), o que ilustra o tipo de livros que a agência irá receber. Dentre os primeiros clientes da Authoria estão os best-sellers Thalita Rebouças e Fred Elboni, os especialistas Dr. Alberto Gonzalez, Murilo Gun, Rosana Hermann e Gil Giardelli e os expoentes da comunicação em suas áreas, Fabio Teruel e Rossandro Klinjey. Clique no Leia Mais e conheça melhor o novo projeto de Alessandra Ruiz.

PublishNews, José Castilho Marques Neto, 21/05/2018

O famoso Castelo Mourisco, sede da prestigiosa Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Rio de Janeiro, receberá nessa terça-feira (22) a abertura da 31ª Reunião Anual da Associação Brasileira das Editoras Universitárias (Abeu). Em tempos de crise como o que vivemos no Brasil, não deixa de ser inspirador que as editoras acadêmicas brasileiras iniciem seu congresso anual no histórico edifício que passou por várias batalhas contra a ignorância e o atraso de nosso sofrido país desde sua inauguração no início do século XX. Foi a partir desse centro de excelência da produção científica e de saúde que seu fundador, Oswaldo Cruz, comandou a tristemente famosa Revolta da Vacina em 1904, marcada por um lado pela conquista da ciência por combater eficazmente a varíola que dizimava a população do Rio de Janeiro e, por outro lado, marcada pela truculência das autoridades da República no mesmo período que, no afã de “modernizar” a cidade, expulsava os pobres e os enviava a cortiços, expulsando-os de casas populares que passaram a dar origem a grandes avenidas e novas residências destinadas às camadas privilegiadas da sociedade. A reação contra a vacinação obrigatória por parte das camadas populares da cidade, mantida na ignorância e na desinformação, se inseriu na revolta popular contra as medidas da recente república que já havia nascido com a marca do autoritarismo e da exclusão social tão presente ainda hoje na história do Brasil. Nota do Editor: este artigo inaugura a coluna de José Castilho Marques Neto no PublishNews. O autor já havia colaborado com artigos de opinião que passam agora a integrar esse espaço.

PublishNews, Redação, 21/05/2018

No podcast dessa semana tivemos mais um convidado especial. José Castilho Marques Neto deu uma aula sobre o Projeto de Lei da Política Nacional de Leitura e Escrita que seguiu para sanção presidencial na última semana. Ele explicou sobre o que se trata o projeto, falou sobre sua importância tirou dúvidas e ainda estendeu o assunto para a Lei do Preço Fixo, dando sua opinião. Além disso, no podcast dessa semana comentamos sobre as mudanças na 60ª edição do Prêmio Jabuti, falamos sobre a LER – Salão Carioca do Livro, que acabou neste domingo (20), sobre os números do Flipoços, os barcos literários na Flip e os vencedores do Prêmio FNLIJ. Para acessar o podcast, clique no Leia Mais.

PublishNews, Redação, 21/05/2018

Nas notícias dessa semana, o Estadão deu destaque para a literatura fantástica brasileira e como ela está ganhando fôlego nos últimos anos. A maior aposta, segundo o jornal, está nas editoras pequenas, abertas a inéditos ou principiantes. A coluna da Babel adiantou que o último livro de Stephen Hawking, Brief answers to the big questions, sairá em inglês em outubro e que a Intrínseca pretende publicá-lo por aqui no fim do ano. N’O Globo, Jacques Fux e Mauricio Lyrio lançam livros que falam sobre o prêmio Nobel de literatura e o “coleguinha” Ancelmo Gois adiantou que A teus pés, livro de Ana Cristina César, será lançado pela primeira vez em inglês pela Free Verse. E a Painel das Letras contou que a Biblioteca Mario de Andrade recebeu dez novos bibliotecários que vão trabalhar durante dez meses na digitalização das fichas do acervo que ainda não haviam sido inseridas no sistema. A ideia é aumentar em 40% livros para empréstimos.

PublishNews, Redação, 21/05/2018

Representantes da Argentina, Bélgica, Brasil, Chile e França estarão no Rio de Janeiro para debaterem as relações entre América Latina e os países francófonos quando o assunto é o mercado livreiro. A iniciativa é encabeçada pela Embaixada da França no Brasil e pelo Escritório Internacional dos Editores Franceses (Bief) e acontece nesta terça-feira (22), na Biblioteca do Consulado da França, na Maison de France (Av. Presidente Antonio Carlos, 58 – 11º andar – Centro – Rio de Janeiro / RJ), a partir das 9h. Entre os convidados internacionais estão Yannick Dehée (França), editor da editora Nouveau Mond; Philippe Goffe (França), presidente da Associação Internacional dos Livreiros Francófonos (AILF) e Nicolas Roche (França), diretor geral do Bief e Ezequiel Izcovich (Argentina), da livraria Las mil y una hojas. Juntos, eles vão debater sobre os instrumentos de regulação do mercado do livro, o impacto do e-commerce no setor e promover um diálogo entre editores e livreiros. Clique aqui para conferir a programação completa. As inscrições podem ser feitas por meio do e-mail bureaudulivrerio@gmail.com

PublishNews, Redação, 21/05/2018

A 18ª Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto (Rua Alvares Cabral, 370), que segue até domingo (27), traz uma extensa programação, com mais de 250 atividades gratuitas em diferentes pontos da cidade do interior paulista. Trabalhando o tema “As Histórias que os Livros Contam e as Leituras que a Gente Faz”, o evento irá contar com a presença da Edições Sesc São Paulo, que programou atividades voltadas ao seu catálogo de livros. No dia 26, sábado, acontece um bate-papo a respeito de A leitura, outra revolução, com Cristiane Tavares e Sandra Murakami Medrano e no domingo, dia 27, está programado mais um bate-papo, agora sobre o tema Abecedário de personagens do folclore brasileiro, com a presença de Januária Cristina Alves e Cezar Berje. Além disso, as publicações das Edições Sesc São Paulo poderão ser encontradas na loja instalada na Tenda Sesc. O tema da Feira do Livro de Ribeirão Preto tem como objetivo realizar um verdadeiro movimento cultural e busca criar uma interação e proximidade maior com o seu público. A ideia é apresentar as histórias que marcaram a vida de muitos leitores. A programação completa você confere clicando aqui

PublishNews, Redação, 21/05/2018

O Sesc Avenida Paulista (Av. Paulista, 119 - São Paulo / SP) será palco, nos dias 24 e 31 de maio e 14 de junho do encontro literário O Futuro é o corpo, a tecnologia é o presente. O evento reúne escritores, editores e pesquisadores de literatura fantástica e ficção científica, com o objetivo de discutir estes gêneros a partir da pergunta “como se constrói um mundo?”. A programação gratuita inclui bate-papos e oficinas de criação. A atividade tem curadoria da escritora Ana Rüsche e reúne nomes como Anne Quiangala (Brasília), Jim Anotsu (Belo Horizonte), Alliah (Rio de Janeiro) e Felipe Castilho (São Paulo). O evento abordará também o horror, o noir e o young adult. Durante o encontro, haverá dicas para quem quer dar os seus primeiros passos como autor na área. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser feitas até 30 minutos antes do evento, na Central de Relacionamento do Sesc.

“O importante é que o livro me confrontou. A literatura sempre me ampara em situações adversas.”
Edney Silvestre
Escritor brasileiro
1.
As aventuras na Netoland com Luccas Neto
2.
A sutil arte de ligar o foda-se
3.
O milagre da manhã
4.
Metanoia
5.
Combate espiritual
6.
Maria, a nova primavera
7.
Jesus - O homem mais amado da história
8.
Felipe Neto - A vida por trás das câmeras
9.
Ainda sou eu
10.
Seja foda!
 
PublishNews, Redação, 21/05/2018

Casa do Saber e Editora Contexto realizam, nesta terça (22), o lançamento de Brasil: O futuro que queremos (256 pp, R$ 49,90), com a participação do organizador, Jaime Pinsky. Os gritos de indignação seletiva, que abafaram o debate de ideias nos últimos tempos, poderiam dar a falsa impressão de que os brasileiros são incapazes de estabelecer um diálogo qualificado e construtivo. Sem milagres e com propostas concretas, Antônio Corrêa de Lacerda, Cláudia Costin, Eduardo Muylaert, Fabio Feldmann, Glauco Arbix, Jaime Lerner, Luís Eduardo Assis, Milton Leite, Nabil Bonduki, Paulo Roberto de Almeida, Paulo Saldiva e Roberto Rodrigues tratam de áreas de interesse da nação, oferecendo sugestões para o futuro do país. Após a conferência haverá venda de exemplares e sessão de autógrafos com Muylaert, Arbix, Pinsky e Saldiva. O evento começa às 19h, com entrada franca, na sede da Casa do Saber (Rua Dr. Mario Ferraz, 414 - São Paulo / SP), as inscrições devem ser feitas clicando aqui

PublishNews, Redação, 21/05/2018

Amanhã (22), a Editora Planeta comemora seus 15 anos no Brasil com uma palestra com três de seus grandes autores: Mario Sergio Cortella, Leandro Karnal e Luiz Felipe Pondé. O bate-papo entre os pensadores terá como tema Felicidade: trancos e barrancos e acontece no Teatro Frei Caneca (Rua Frei Caneca, 569, Consolação, São Paulo / SP), às 19h. Os três são donos de importantes obras da casa como Por que fazemos o que fazemos?, A sorte segue a coragem!, Crer ou não crer e Espiritualidade para corajosos. O evento de amanhã tem entrada franca e está sujeito à lotação. As senhas serão distribuídas a partir das 17h no foyer do teatro.

PublishNews, Redação, 21/05/2018

Em Ao redor da lua (Landmark, 352 pp, R$ 37) a sequência de Jules Verne para Da terra à lua é uma novela de ficção científica que narra a continuação das aventuras dos exploradores do clube do canhão - Barbicane, Nicholl e Michael Ardan - na sua viagem de cinco dias até a lua. Os três viajantes passam por uma série de aventuras e desventuras durante o restante da jornada, incluindo intoxicação por gases e fazendo cálculos que os levam, por um breve momento, a acreditar que cairão novamente em direção à Terra. Durante a última parte da viagem, torna-se evidente que a força gravitacional do seu encontro anterior com um asteroide brilhante que passara a poucas centenas de metros deles, fez com que o projétil se desviasse do seu curso. Estarão os aventureiros são e salvos ou a aguardada expedição acabou em tragédia? 

PublishNews, Redação, 21/05/2018

Os bastidores do mundo aparentemente glamouroso das telenovelas são apresentados em Entre as estrelas: Aquiles (7 Letras, 144 pp, R$ 47) de forma nua e crua, e servem como pano de fundo para a saga de Joca, um tarimbado autor dramático que vive na corda bamba para manter o controle sobre sua criação. No meio da fogueira das vaidades que une atores, autores, diretores e produtores, onde cada um puxa a brasa para o seu lado, a novela se desenrola diante dos nossos olhos, dia após dia. Nesta obra de Marcílio Moraes repleta de recursos narrativos e de originalidade ímpar, a cada cena, somos transportados para dentro desse mundo, acompanhando de perto o fio da trama que une vida e arte, na odisseia do autor-protagonista em busca de sua montagem perfeita.

PublishNews, Redação, 21/05/2018

Steve Berry é um estudioso da história mundial e utiliza como poucos determinados fatos e épocas como cenário para seus thrillers. O mito de Lincoln (Record, 476 pp, R$ 49,90), é o nono romance da série protagonizada por Cotton Malone, um ex-agente e atual vendedor de livros raros que conduz algumas das mais famosas tramas de Berry. No enredo, Malone é mais uma vez retirado da aposentadoria por um ex-chefe quando um segredo parece ameaçar a existência dos Estados Unidos como o conhecemos. Para ficar mais complicado, a – já conhecida em livros anteriores – companheira de Malone, Cassiopeia, também se envolve na missão. Tal ameaça envolve políticos, fanáticos religiosos e movimentos separatistas. Tudo teria começado com um documento secreto, passado de presidente a presidente desde George Washington, e usado por Abraham Lincoln, em 1861, de forma surpreendente. 

PublishNews, Redação, 21/05/2018

Em O orangotango marxista (Alfaguara, 112 pp, R$ 39,90), Marcelo Rubens Paiva lança um olhar irônico sobre nossa própria sociedade e aborda uma questão fundamental: o que nos torna humanos. O personagem desta história não é humano, mas é próximo de nós. Ele é um orangotango, mas não um qualquer. Capturado numa selva no Bornéu ainda criança, foi enviado a um laboratório, onde teve seus comportamentos estudados por uma tímida bióloga. Primeiro, aprendeu os princípios da linguagem de sinais. Depois, aprendeu a ler, à noite, sem que seus vizinhos de cela, ou os humanos ao seu redor, se dessem conta. Tomou conhecimento dos grandes filósofos. Considerava-se um darwinista, que depois se transformou num marxista. Aos poucos, descobre a possibilidade de dois novos prazeres: a liberdade e o amor. Descobrirá, também, que o caminho para isso é a revolução.

 
©2001-2018 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.