Ariano Suassuna estreia entre os Mais Vendidos
PublishNews, Leonardo Neto, 18/01/2018
O box de ‘Romance de Dom Pantero no palco dos pecadores’ marca a chegada do escritor paraibano às listas de mais vendidos do PublishNews

A Lista do PublishNews, aquela publicada semanalmente, muitas vezes é insensível a nomes já consagrados da literatura nacional. Isso porque a concorrência com best-sellers internacionais é grande, em especial na lista de Ficção. Afinal, é ali que estão nomes como Dan Brown, Jojo Moyes, John Green, E.L. James e afins... Diante de blockbusters como estes, Machado de Assis, por exemplo, nunca teve chances lá. Na lista tradicional, né? Porque o Bruxo do Cosme Velho já esteve em outra lista, a Nielsen PublishNews, que apura somente os autores nacionais mais vendidos em livrarias, supermercados e lojas de autoatendimento Brasil afora. Machadão fez o seu debut na “PublishNielsen” (com o perdão do trocadilho) em setembro passado, com Todos os romances e contos consagrados de Machado de Assis (Nova Fronteira / Ediouro).

Ariano Suassuna estreia na lista com 'Romance de Dom Pantero no palco dos pecadores' | © Igor Suassuna
Ariano Suassuna estreia na lista com 'Romance de Dom Pantero no palco dos pecadores' | © Igor Suassuna

Agora, é a vez de Ariano Suassuna, um outro figurão da Literatura Nacional, estrear na Nielsen PublishNews. O box Romance de Dom Pantero no palco dos pecadores (Nova Fronteira), do paraibano (ou pernambucano, como preferir), ocupa a 15ª posição de Ficção da última Lista de 2017, referente ao período de 10 a 31 de dezembro. A derradeira obra de Suassuna antes de morrer dividiu espaço com A noite da espera (Companhia das Letras), de Milton Hatoum, (12ª posição), Todos os contos (16ª) e A hora da estrela (20ª), ambos de Clarice Lispector e publicados pela Rocco.

Ainda sobre a Lista de Ficção, é importante dizer que Augusto Cury faz uma dobradinha no pódio, ocupando as posições de número 1 e 2, respectivamente, com O homem mais feliz da história e O homem mais inteligente da história (ambos publicados pela Sextante). O box – Trilogia AuthenticGames (Astral Cultural), do menino Marco Túlio, completa o pódio. Marco Túlio, por assim dizer, é o príncipe da Nielsen PublishNews. Além do box que reúne os três primeiros livros da sua lavra, o youtuber emplacou: AuthenticGames – A batalha da torre (6ª posição), A batalha contra Herobrine (7ª), A batalha contra Ender Dragon (8º) e AuthenticGames (9ª).

A Lista de Não Ficção é liderada por Crer ou não crer (Planeta), de Leandro Karnal e do padre Fábio de Melo. Felipe Neto (Coquetel / Ediouro) ficou com a prata de Não Ficção e O livro de Jô (Companhia das Letras), com o bronze. 

A Astral Cultural, o Grupo Companhia das Letras e a Planeta lideram o ranking das editoras da Nielsen PublishNews, com cinco títulos cada. Autêntica, Ediouro e Rocco, com três cada, ficaram com a prata. Buzz, Gente, Sextante e Somos completam o pódio, com dois títulos cada. Na Nielsen PublishNews, aparecem ainda as editoras Cortez, Globo, HarperCollins Brasil, LeYa, Universo dos Livros, Vida e Consciência, Vivaluz e Vozez.

[18/01/2018 11:05:00]