Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 03/08/2021
A área de Soluções em Acessibilidade é uma divisão da Fundação Dorina Nowill para Cegos criada para oferecer o mais amplo portfólio de produtos e serviços acessíveis a empresas que desejam não apenas se adequar à lei
Há mais de 50 anos servindo a cultura e educação, é uma das maiores distribuidoras de livros para o ensino de idiomas, técnicos e científicos.
A Catavento atua no mercado de distribuição de livros para todo o país.
PublishNews+, Leonardo Neto, 03/08/2021

Vendas de livros crescem em junho | © Leonardo NetoA Associação Nacional de Livrarias (ANL) e a GfK anunciaram os resultados do seu relatório mensal que apura a venda de livros em livrarias, supermercados e lojas de autoatendimento no Brasil. O relatório é referente ao período de 07 de junho a 04 de julho. No período, foram vendidas 5,2 milhões de cópias e os estabelecimentos monitorados pela GfK apuraram faturamento de R$ 205 milhões. Ao comparar esses números com os de 2020, o crescimento foi de 37% em volume e de 47% em valor. A análise completa do relatório pode ser lida no PublishNews+, a área exclusiva para assinantes do PN. Os artigos estão disponíveis gratuitamente na plataforma e para acessá-los é preciso fazer um cadastro prévio clicando aqui. Com o cadastro feito e logado na plataforma, você poderá ler o artigo clicando aqui.

PublishNews, Redação, 03/08/2021

Vitor Tavares e o professor Marcelo Rebelo de Sousa, presidente de Portugal, em cerimônia para oficializar a participação de Portugal na Bienal de SP | © Divulgação / CBLO presidente de Portugal, o professor Marcelo Rebelo de Sousa, aproveitou a sua vinda a São Paulo, onde inaugurou o reformado Museu da Língua Portuguesa, para oficializar a participação do seu país na Bienal Internacional do Livro de São Paulo em 2022. O país será o homenageado da próxima edição do evento realizado pela Câmara Brasileira do Livro (CBL). O acordo foi assinado por Vitor Tavares, presidente da CBL, e Luís Faro Ramos, embaixador de Portugal em Brasília. O país homenageado terá um pavilhão próprio, onde será desenvolvida uma programação literária, cultural, turística e de negócios, que possibilitará o intercâmbio entre escritores, editores e público em geral. A Bienal está marcada para acontecer entre os dias 02 e 10 de julho do ano que vem.

PublishNews, Redação, 03/08/2021

Fachada do Museu Histórico de Poços de Caldas, que serviu de modelo para a construção da casa onde Teolinda Gersão e Joel Neto estão No último dia 21, começou a primeira Residência Literária Virtual Flipoços / Camões, que levou – mesmo que virtualmente – os autores portugueses Teolinda Gersão e Joel Neto para um “reality literário” na cidade mineira de Poços de Caldas. Todas as movimentações estão sendo acompanhadas pelo DNA PublishNews, o laboratório de mídias do PublishNews lançado junto com a Residência. Nesta quarta-feira (04), às 10h30, os autores participarão do terceiro webinar. Desta vez com Haroldo Gessoni, coordenador da unidade do Instituto Moreira Salles na cidade. Eles vão falar sobre o Museu Histórico, guardião da história literária de Poços de Caldas. Para a Residência, o DNA PublishNews criou uma casa, ambientada no próprio Museu Histórico de Poços de Caldas, onde Teolinda e Joel estão "hospedados". Por meio de entrevistas, os autores perpassam por cada um dos cômodos, onde contam histórias pessoais e falam de suas obras e de livros que serviram de referência para a sua formação literária. Para acompanhar o projeto, clique aqui e para acompanhar o webinar desta quarta-feira, acesse o YouTube do Flipoços ou o Facebook do PN.

PublishNews, Redação, 03/08/2021

Faleceu no último domingo (1º) o cientista político e ex-ministro da Cultura Francisco Weffort, aos 84 anos. Ele tratava um problema do coração diagnosticado recentemente. Professor universitário, Weffort foi fundador e um dos principais dirigentes do PT e comandou o Ministério da Cultura no governo de Fernando Henrique Cardoso. Conhecido por estudar e refletir sobre a democracia, escreveu as obras de referência Formação do pensamento político brasileiro, Por que democracia, Qual democracia? e Crise da democracia representativa e neopopulismo no Brasil, escrito com o professor José Álvaro Moisés. Em comunicado, a Câmara Brasileira do Livro lamentou a morte de Weffort e lembrou que em vida, ele foi um grande amigo dos livros e que deu “toda a sua atenção ao setor editorial, ouvindo as demandas existentes na época e levando-as em consideração na reforma da Lei de Direitos Autorais Nº 9.610 de 1998, por meio do ministério da cultura”. Ele deixa a esposa, Helena Severo - ex-presidente da Biblioteca Nacional - e sete filhos.

PublishNews, Redação, 03/08/2021

Richard Robinson Jr., dono da americana Scholastic que morreu subitamente em junho, deixou, em testamento, a empresa, avaliada em US$ 1,2 bilhão, para a sua "parceira romântica de longa data", Iole Lucchesi, funcionária da Scholastic há mais de 30 anos. A notícia saiu no New York Post. Ao veículo de comunicação, alguns membros da família disseram que estão descontentes com o fato de a editora centenária, que sempre foi controlada pela família, cair na mão de uma "estranha". Nos EUA, a Scholastic é responsável pela publicação dos livros da série Harry Potter, de J.K. Rowling.

PublishNews, Redação, 03/08/2021

Projeto começa abordando dois contos da escritora pernambucana Ezter Liu | © DivulgaçãoNesta quarta-feira (04), às 17h, o Itaú Cultural inaugura a sua Roda de leitura, projeto quinzenal que visa incentivar o exercício da leitura compartilhada. Mediado pela professora Renata Pimentel e pela poeta Ana Estaregui, a atividade começa abordando dois contos da escritora Ezter Liu: Deus e Helena. Com uma linguagem cotidiana e simples, ambos os textos são acompanhados de imagens e contam de forma breve e poética histórias de pessoas comuns. Os ingressos para participar da atividade estão disponíveis gratuitamente pela plataforma Sympla. O participante tem acesso ao texto uma semana antes do encontro. Natural de Recife e residente em Carpina, cidade da zona da mata pernambucana, Ezter Liu (na foto ao lado) escreve poesia e prosa e já tem três livros publicados. Ela foi a primeira mulher a ganhar o Prêmio Pernambuco de Literatura, em 2018, com o livro Das tripas coração, do qual fazem parte esses contos que serão lidos no encontro da Roda de leitura. O próximo encontro do projeto acontece no dia 18 de agosto, também às 17h e irá analisar os textos Ladainha, Das coisas e Lambidas, todos do poeta e compositor maranhense Salgado Maranhão.

PublishNews, Redação, 03/08/2021

Criogenia de D. ou manifesto pelos prazeres perdidos (Mondrongo, 127 pp, R$ 19), de Leonardo Valente, é narrado em primeira pessoa por alguém que se mostra e se esconde a todo momento. Alguém que ora se revela do gênero feminino, ora masculino. Muitas outras vezes sem gênero, sem identidade, sem identificação. Ao entrar nas páginas do romance, os leitores são sugados por um tobogã de palavras que traduzem o sobe e desce dos sentimentos e emoções de D. o que acreditamos ser verdade, na frase seguinte não é mais. “Uma das coisas mais geniais é a oscilação de gênero de D., personagem que reflete sobre o caos terrível que atravessa transversalmente todos no mundo de hoje”, escreve Maria Valéria Rezende na apresentação da obra. Redes sociais, curtidas, fake news, comentários nas postagens, tudo isso está presente na história, ao lado de referências como o russo Liev Tolstói e seu clássico Anna Karenina, Gustave Flaubert e sua personagem que ganhou vida própria, Emma Bovary, entre outras, como Hilda Hilst e a introspecção de Clarice Lispector. A obra também será publicada em Portugal pela editora Edições Sem Nome.

PublishNews, Redação, 03/08/2021

Natalie Waite tem 17 anos e só pensa em sair logo da casa dos pais e entrar na universidade; ela sonha em ser livre. Seu pai é um escritor cheio de si, bastante dominador quando se trata de Natalie e sua mãe. Contudo, quando a menina finalmente consegue ir para a faculdade, as coisas não se desenrolam como o planejado e ela não encontra a felicidade que tanto desejava. Pouco a pouco, todas as certezas de Natalie evaporam, e ela não é mais capaz de compreender onde termina a realidade e onde começa sua sombria alucinação. Inspirado pelo desaparecimento de uma estudante universitária que vivia perto da casa da autora Shirley Jackson, O homem da forca conta (Alfaguara, 224 pp, R$ 64,90 – Trad.: Debora Landsberg) é uma história assombrosa e inquietante sobre loucura e obsessão. O livro foi publicado originalmente em 1951.

“Um livro é um brinquedo feito com letras. Ler é brincar.”
Rubem Alves
Escritor brasileiro (1933-2014)
1.
Mentirosos
2.
Vermelho, branco e sangue azul
3.
Torto arado
4.
Escravidão -Vol 2
5.
Lady Killers: Assassinas em série
6.
Desobedeça
7.
Pai rico, pai pobre - Edição de 20 anos
8.
Os sete maridos de Evelyn Hugo
9.
Mais esperto que o diabo
10.
Mulheres que correm com os lobos (capa dura)
 
PublishNews, Redação, 03/08/2021

Após um acontecimento inesperado na família, uma adolescente tem sua rotina alterada da noite para o dia e deixa a vida de estudante num colégio de classe média em São Paulo para morar numa aldeia indígena do Alto Xingu. É lá que seu pai, um dedicado arqueólogo, procura pistas que comprovem a ocupação humana milenar da região. Mas para Ana não são tanto os milênios decorridos que interessam e sim o cotidiano da aldeia, com seus mistérios, seus ritos e seus códigos desconhecidos. Articulando os tempos e os lugares da ação num contraponto entre São Paulo, Xingu e Paris, Terrapreta (Editora 34, 240 pp, R$ 54), romance de estreia de Rita Carelli, conduz o leitor pelo universo dos afetos, das inteligências e das experiências sensíveis de uma comunidade indígena, no qual cada gesto, cada palavra, cada inquietação estão permeados por uma visão mítica do mundo. É nesse contexto, não isento de conflitos, que Ana entra em contato com seu próprio corpo, seus desejos e seus temores, e realiza — em parte sozinha, em parte com seus companheiros da aldeia e imersa na cosmovisão indígena — uma iniciação que acaba sendo uma poderosa jornada rumo ao amadurecimento.

PublishNews, Redação, 03/08/2021

Nove personagens relembram seu relacionamento com uma jovem – a mesma mulher – que eles amaram ou que os amou. Situado em cidades conhecidas e sem nome, movendo-se entre o leste e o oeste, Nove partes de um coração (Moinhos, 164 pp, R$ 55 – Trad.: Camila Araujo) é um compêndio de perspectivas mutáveis que acompanham a vida de uma mulher, tornando-a deslumbrantemente real em um momento e obscurecendo-a no momento seguinte. O novo romance da escritora indiana Janice Pariat é sobre a natureza frágil e fragmentada da identidade – como os outros nos veem apenas em pedaços e como às vezes tendemos a nos tornar o que os outros nos percebem ser.

 
©2001-2021 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Henrique Schaumann, 1108 A, CEP 05413-011 Pinheiros, São Paulo -SP
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.