Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 28/11/2019
A Futura Editoração é especializada em Diagramação e design editorial
Projeto gráfico e diagramação de livros, revistas e boletins
Capitu Já Leu é uma empresa que oferece serviços de revisão e preparação textual para obras literárias e acadêmicas.
PublishNews, Redação, 28/11/2019

Roger Mello e Mariana Massarani têm trabalho reconhecido na China | Redes sociais do autorA história se repete. Há exatamente cinco anos, no dia 28 de novembro de 2014, o PublishNews trazia uma matéria com o título “Roger Mello recebe prêmio na China". Naquela época, ele era reconhecido como o Escritor Internacional do Ano no prêmio Chen Bochui, entregue na Feira Internacional do Livro Infantil de Shangai. Um salto no tempo e, semana passada, Enreduana (Companhia das Letrinhas), escrito por Roger e ilustrado por Mariana Massarani, foi reconhecido como um dos Melhores Livros Ilustrados Internacionais pelo mesmo prêmio chinês. Por aqui, o livro já conquistou o Prêmio da Biblioteca Nacional e o da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ). Clique no Leia Mais e confira a íntegra desta nota.

PublishNews, Redação, 28/11/2019

No ano passado, a editora Paula Cajaty foi convidada para a International Press and Publishing Cooperation Conference, que acontece na cidade Tai’An, na China. Ela foi representando não só as suas editoras (a brasileira Jaguatirica e a portuguesa Gato-Bravo), mas também a Liga Brasileira de Editores (Libre). De lá, ela chegou a escrever um diário para o PublishNews. Nesse ano, a editora foi novamente convidada e segue para Tai’An para o evento que acontece nos dias 18 e 19 de dezembro.

PublishNews, Redação, 28/11/2019

Começa neste sábado, a edição de 2019 da Feira Internacional do Livro de Guadalajara, homenageando a Índia. Dentro da programação, pelo oitavo ano seguido, acontece o Destinação Brasil, projeto encabeçado pela Câmara Brasileira do Livro (CBL) e pela Embaixada do Brasil no México que tem levado autores brasileiros para se apresentarem durante a feira que é uma das mais importantes do mercado hispanohablante no mundo. Nesse ano, seis brazucas estarão no evento: Sheyla Smanioto, Marcelino Freire, Gustavo Pacheco, Andréa del Fuego, Fabrício Corsaletti e Jacques Fux. Os encontros com os brasileiros acontecem nos dias 4 e 5 de dezembro, sempre às 18h, no Salão C da Área Internacional.

PublishNews, Redação, 28/11/2019

Em 2005, Maria Fernanda Rodrigues deu seu primeiro passo para a construção de uma carreira jornalística dedicada ao livro. Foi como assessora de imprensa da Jornada Nacional de Literatura de Passo Fundo. O cenário, o escritório de comunicação Lu Fernandes. Foi ali que teve contato com nomes como Carlos Heitor Cony e Ignácio de Loyola Brandão e trabalhou para editoras como Brasiliense, Imprensa Oficial do Estado de São Paulo e Thomas Nelson. De lá, passou pelo PublishNews que lhe serviu de vitrine para assumir como uma das setoristas de literatura e mercado editorial no Estadão. Agora, ela volta a sua “escola” para sentar diante das lentes da PublishNewsTV. Na conversa que teve com André Argolo (outro egresso do escritório de Lu Fernandes), ela fez reflexões sobre o mercado editorial, sobre o cenário político atual e sobre a maternidade – ela é mãe do pequeno Francisco, nascido num dia cheio de acontecimentos e depois de a mãe conseguir enviar a coluna da semana. Ela revelou ainda bastidores de entrevistas importantes da sua carreira, como a que fez com Amos Oz ou de quando resolveu incorporar Fernanda Montenegro, ir para uma estação de trem e escrever cartas. Na versão mais curta do programa, Talita Facchini indica o livro Pequeno manual antirracista (Companhia das Letras), de Djamila Ribeiro e Luciana Melo vai até o Quixote Bar e Gastronomia onde acompanhou o evento Literatura e Quadrinhos, que reuniu nomes como Caio Manjado, Franco de Rosa e Michelle Rezende. Clique no Leia Mais para conferir o programa.

PublishNews, Redação, 28/11/2019

Novo CD do Grupo Livrarias Curitiba, na capital paranaense | © Anna Maria Teixeira de OliveiraO Grupo Livrarias Curitiba, criado pelo comerciante Valentim Pedri, completou 56 anos de atividades no último dia 23 e tem bons motivos para comemorar. Criada em 1963, em setembro deste ano, a rede - que tem 27 lojas distribuídas entre os estados do Paraná, Santa Catarina e São Paulo - mudou de lugar na capital paranaense e inaugurou seu novo Centro de Distribuição com 11.700 m², no bairro Uberaba. O prédio integrou todas as áreas da corporação e trouxe mais rapidez nas movimentações de cargas e na logística. Outra novidade é que na primeira quinzena de dezembro, o grupo irá inaugurar a sua 28ª loja, no Jockey Plaza Shopping em Curitiba. Com 720 m², a unidade terá novo conceito arquitetônico e diferente ambientação para trazer mais conforto aos visitantes.

PublishNews, Redação, 28/11/2019

Ana Maria Machado | © Incentivo ColetivoAbrindo o calendário nacional dos festivais e festas literárias do Brasil, o Flipoços 2020 está marcado para acontecer de 25 de abril a 3 de maio e terá o tema Mulher e literatura: da poesia ao poder. O festival acaba de anunciar que a escritora Ana Maria Machado será a homenageada da sua 15ª edição. Ana Maria nasceu no Rio de Janeiro em 1941, em 2005, foi uma das 50 mulheres latino-americanas indicadas ao Prêmio Nobel da Paz, já ganhou o Machado de Assis da Academia Brasileira de Letras, três Jabutis e o Hans Christian Andersen e atualmente ocupa a cadeira 1 da Academia Brasileira de Letras. A autora recebe o Prêmio de Patronesse no dia 25 de abril, às 19h30, no Teatro da Urca. No dia 26, às 15h30, ela participa de um bate-papo com o público em geral e no dia 27, Ana Maria terá um encontro especial com as crianças a partir das 9h. Quem também fará parte do evento são as jornalistas Miriam Leitão e Eliane Catanhêde que dividem uma mesa no Flipoços no dia 30, às 19h30. Intitulada Mulheres do Jornalismo Político o bate-papo terá como abordagem não só a conjuntura política atual em análise ao vivo pelas duas jornalistas, como também, elas vão dialogar sobre o papel das mulheres na tratativa de assuntos tão espinhosos quanto delicados, como o panorama atual do Brasil dentre outros assuntos ligados ao universo feminino.

PublishNews, Redação, 28/11/2019

Escritora e colunista de gastronomia, Nina Horta faleceu em outubro deste ano, mas sua família e amigos já acharam uma maneira de homenageá-la e criaram o Prêmio Nina Horta de Crônica Gastronômica. A ideia é que as pessoas escrevam sobre comida do seu jeito e participem da primeira edição que já está com inscrições abertas. “O júri vai escolher o texto que, com originalidade, saiba dosar informação, erudição, humor, características da crônica da escritora”, explicou a filha Dulce Horta, organizadora do concurso junto com o amigo Luiz Horta ao Estadão. Todo mundo pode participar, sendo que cronistas atuantes na imprensa e no mercado editorial concorrem automaticamente, sem necessidade de fazer a inscrição, ou mandar textos. Quem não está no mercado, deve mandar o seu texto até o dia 15 de dezembro para o e-mail cronicagastronômica@premioninahorta.com.br. O vencedor será anunciado em 19 de janeiro de 2020 – data de aniversário da Nina – e receberá um troféu com desenho do artista Laerte Ramos. Nina Horta escrevia para a Folha de S.Paulo desde 1987 e em 2016 ganhou o Prêmio Jabuti na categoria Gastronomia com o livro O frango ensopado da minha mãe (Companhia das Letras).

PublishNews, Redação, 28/11/2019

Há três anos, a pedagoga Helena Lima criou a editora Lago de Histórias, especializada em obras infantojuvenis. 13 livros depois, a editora decidiu inaugurar seu selo adulto, o Lago Baikal. Segundo a editora, o selo dirige-se a leitores mais experientes e com maior possibilidade de profundidades na leitura e a ideia é publicar obras de qualidade literária que possibilitem “mergulhos profundos”, além de oportunizar a publicação de autores talentosos que encontram dificuldade de ter um espaço no mercado editorial. O título de estreia do novo selo é Amores virados pra cá, livro de crônicas escrito por Helena Lima em parceria com Isabelle Borges e com quarta capa escrita por Luis Pimentel. O lançamento acontece nesta sexta (29), às 19h, na Livraria Blooks (Praia de Botafogo, 316 – Rio de Janeiro / RJ).

“O livro no Brasil é ainda muito invisível”
Cassiano Elek Machado
Diretor editorial da Planeta
1.
A sutil arte de ligar o foda-se
2.
Essa gente
3.
A garota do lago
4.
Mais esperto que o diabo
5.
Escravidão
6.
O poder da autorresponsabilidade
7.
Do mil ao milhão
8.
O milagre da manhã
9.
Sapiens
10.
Luccas Neto em "Os aventureiros"
 
PublishNews, Redação, 28/11/2019

“Como saber quem você é sem entender de onde você veio?”. Nora Krug nasceu décadas após a queda do regime nazista, mas a sombra da Segunda Guerra Mundial parecia sempre à espreita durante sua juventude. Ela, no entanto, sabia pouco sobre o envolvimento de sua família na guerra, seus pais e avós nunca falavam sobre isso. Depois de 12 anos vivendo nos EUA, decidiu que precisava olhar para trás e, principalmente, fazer as perguntas que nunca tinha feito. De volta à Alemanha, Krug visitou arquivos, realizou pesquisas e entrevistou familiares, descobrindo histórias como a de seu avô materno, que foi mecânico e motorista durante a guerra, e a do irmão de seu pai, Franz-Karl, que morreu ainda adolescente quando era soldado da SS. O resultado é a obra Heimat (Quadrinhos na Cia, 288 pp, R$ 119,90 – Trad.: André Czarnobai), que evidencia a brutalidade da catástrofe do Holocausto ao mesmo tempo que apaga as fronteiras entre diário, narrativa em quadrinhos e caderno de colagens e anotações.

PublishNews, Redação, 28/11/2019

Homem-Pássaro (Peirópolis, 80 pp, R$ 42), do cartunista e ilustrador Caco Galhardo, é um gibi nascido de roteiro de cinema que conta a jornada de um herói, João Neto. É também a primeira narrativa longa em quadrinhos do mestre das tiras diárias, que há mais de 20 anos se dedica à produção de tirinhas para jornal. O enredo traz uma identidade nacional, misturando humor, romance e ação, e aborda temas atuais e relevantes, como a objetificação da mulher. João Neto foi criado nos confins da Chapada Diamantina pelo pai superprotetor e nunca teve contato com a civilização. Só sabe observar aves – obsessão do pai ornitólogo, que abandonou a civilização com seu filho ainda bebê. Após a morte do pai, João Neto, aos 30 anos, vai para o Rio de Janeiro e se confronta com uma rainha de bateria. O traço obsessivo, herdado pelo pai, se acende e ele decide conquistá-la a qualquer custo e o enredo dessa história acaba apresentando vários contrastes: o ingênuo e a rainha, a natureza e a cidade, o amor e o desejo de vingança. Para possibilitar a leitura às pessoas com deficiência visual, a obra conta com uma adaptação em mp3 para a “Fundação Dorina Nowill para Cegos”, no formato de livro falado.

PublishNews, Redação, 28/11/2019

Triste (Lote 42, 64 pp, R$ 65), novo livro do quadrinista Rafael Sica, reúne desenhos com cenários ricamente detalhados e um elemento em comum: uma personagem sentada. Vestida de negro, com olhar perdido e semblante desanimado, é o único ser humano retratado. “É um livro de paisagens e é um livro sobre não-estar”, afirma o autor, que desenhou amplas bibliotecas, labirintos povoados por monstros, galáxias, cemitérios. Silenciosas, as imagens são um convite para a reflexão sobre a tristeza individual e coletiva. Assinado pelo designer e quadrinista Stêvz, o formato da obra lembra um caderno de desenhos e permite a visualização de cada desenho separadamente. Cada capa foi impressa em serigrafia em papel kraft pelo ateliê Caderno Listrado e, ao ser aberta, revela um desenho maior que se estende até a quarta capa. O lançamento do livro acontece no dia 4 de dezembro, às 19h, na Banca Tatuí (Rua Barão de Tatuí, 275 - São Paulo / SP).

 
©2001-2020 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.