Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 13/09/2019
Imagem de Arquivo é uma microempresa, localizada na cidade do Rio de Janeiro, especializada em produção de conteúdo e pesquisa iconográfica para produtoras de audiovisual editoras e instituições.
A Fino Verbo é uma empresa de revisão, redação e preparação de textos para diversos segmentos, ou seja, se tem texto, nós podemos ajudar.
Há 49 anos servindo a cultura e educação, é uma das maiores distribuidoras de livros para o ensino de idiomas, técnicos e científicos.
PublishNews, Redação, 13/09/2019

Há cerca de um ano, quando completou 20 anos, o youtuber Enaldinho resolveu fazer um desafio a si mesmo: ia sair à noite com outros dois amigos, comprar chicletes (um exemplar de cada marca e sabor) e os misturaria. Com essa parvoíce juvenil amealhou 5,5 milhões de visualizações e 573 mil likes, superando o pedido que fez: queria 200 mil curtidas no vídeo como presente de aniversário. Agora, quando já completou 21, ele resolveu aproveitar a Bienal do Livro do Rio para lançar seu segundo livro. Enaldinho – A lenda do Zap (Astral Cultural) entrou pra lista ocupando a 18ª posição do Ranking Geral e a 6ª da Lista Infantojuvenil. Foram 1.964 cópias vendidas na semana de estreia. Os números podem parecer expressivos, mas perto do campeão de venda da semana, parece troco de chiclete. É que Luccas Neto em ‘Os aventureiros’ (Pixel / Ediouro), do também youtuber e já veterano na lista Luccas Neto, passou A sutil arte de ligar o foda-se (Intrínseca) e veio parar no primeiríssimo lugar do Ranking Geral, com 6.839 cópias vendidas. O livro de Mark Manson, destaque absoluto da Bienal, ficou em segundo lugar, com 6.229. Escravidão (Globo Livros), de Laurentino Gomes (também onipresente nesta Bienal) completa o pódio, com 5.224 cópias vendidas. Clique no Leia Mais e veja outros destaques da lista dessa semana.

PublishNews, Andrej Ilc*, 13/09/2019

A comunidade editorial global já está ansiosa pela próxima Feira do Livro de Frankfurt. Você encontra autores, parceiros, colegas e amigos. Conversa, reclama, elogia, discute e compartilha. Sente-se parte dessa família apaixonada por livros. Mas será realmente algo tão idílico? Ainda é um pouco surpreendente que no setor editorial estejamos testemunhando uma prática discriminatória que foi ficando cada vez mais comum nos últimos anos. Na minha editora eslovena, Mladinska Knjiga, ainda recebemos os novos romances do Sr. Barnes ou da Sra. Hawkins ou do Sr. McEwan ou do Sr. Nesbø ou do Sr. Walliams muito antes da publicação original, embora esse não seja o caso de autores (marcas?) como Dan Brown, John Green ou J.K. Rowling. Agora acontece a mesma questão com The testaments, de Margaret Atwood. A razão apresentada é sempre a mesma: segurança. A agência de Atwood nos disse: “Se este manuscrito vazar, as consequências são enormes e, portanto, precisamos ter uma estratégia que minimize o risco”. Uma estratégia? O que era uma prática universal no começo, agora virou uma “estratégia” que não está isenta de exceções. Por exemplo, a versão alemã de The testaments está programada para publicação simultânea com o original – assim como a espanhola e a italiana. Será apenas uma variação da velha e boa história de quem “paga mais”? Clique no Leia Mais e confira a íntegra deste artigo.

PublishNews, Redação, 13/09/2019

A Feira SUB de arte impressa e publicações independentes acontece neste sábado (14), em Campinas (SP), na Biblioteca Pública Municipal ‘Professor Ernesto Manoel Zink’ (Av. Benjamin Constant, 1633). Das 11h às 21h, o público pode conferir os trabalhos dos 90 expositores de vários lugares do Brasil que transitam entre literatura e artes visuais e se utilizam das mais variadas técnicas de impressão. A intenção da SUB é fomentar a produção independente e ampliar o contato do público com essas publicações de baixa tiragem e alto valor artístico. São trabalhos como livros, zines, livros de artista, revistas, xilogravuras, pôsteres, ilustrações, fotografias, entre outros. Também na Biblioteca, até 30 de setembro acontece a exposição Passaragem, de Vinícius Cruz, artista convidado para elaborar o cartaz da Feira. E no dia do evento, uma mini exposição vai mostrar os cartazes das edições anteriores elaborados por outros artistas. A feira é gratuita e a lista completa dos expositores você confere na página do evento.

PublishNews, Redação, 13/09/2019

Com o objetivo de apresentar a produção de literatura e o teatro ídiche do século XIX até meados do século XX, a editora Perspectiva realiza neste sábado (14), às 11h, na Tapera Taperá (Av. São Luís, 187 – São Paulo / SP) um encontro para falar sobre o assunto. Através da leitura de contos de Scholem Aleikhem, Gita Guinsburg - que já contou sua história para as lentes da PublishNewsTV -, faz uma análise sobre esperança e desespero de um povo acuado pela violência do preconceito e da pobreza, trazendo uma reflexão sobre os dias correntes, em especial o problema dos refugiados e dos desvalidos. A obra analisada será Tévye, o Leiteiro e a tragédia judaica será vista pela palavra literária. A vida e os valores judaicos nos vilarejos e como se relacionavam com os não-judeus, desenvolvimento cultural, os teatros populares, e a produção poética e literária serão temas da conversa.

PublishNews, Redação, 13/09/2019

A cidade de São João del-Rei se transformará em cidade literária na próxima semana, de 18 até 22 de setembro, quando acontece a 13ª edição do Felit, Festival de Literatura de São João del-Rei. Na edição deste ano - que também acontece nas cidades vizinhas Tiradentes e Santa Cruz de Minas -, o homenageado será o autor Milton Hatoum e a partir da sua obra, outros renomados autores vão discutir a produção literária do país, através de mesas redondas, rodas de conversa, oficinas, exposições temáticas em um diálogo com outras artes. Dentre os nomes confirmados estão Maria Esther Maciel, Paulo Henriques Britto, Daniel Galera, Leandro Garcia Rodrigues, Paula Pimenta, Zeca Camargo, Carla Madeira, Ana Martins Marques, Daniella Zupo e Evelin Balbino. Além das discussões literárias o evento contará com a 9ª edição do Circuito Gastronômico com bares e restaurantes oferecendo pratos inspirados na vida e na obra do homenageado e com mais uma edição do projeto banheiros Temáticos do Felit, que conta também com a participação da Taberna D’Omar, com artistas da cidade criando obras em banheiros desses bares e restaurantes, inspiradas em Milton Hatoum. O Felit tem apoio do Sesc e a programação estará disponível em breve no site do evento.

PublishNews, Redação, 13/09/2019

A Biblioteca Azul lançou Mary Ventura e o Nono Reino (48 pp, R$ 49,90 - Trad.: Bruna Beber), conto inédito de Sylvia Plath, em uma edição com projeto gráfico especial e capa dura. Escrita em 1952, a obra foi produzida quando Plath tinha 20 anos, pouco antes de sua primeira tentativa de suicídio e permaneceu desconhecida desde então. Mary Ventura e o Nono reino se passa durante uma viagem de trem, e nele estão contidos os dilemas da entrada na vida adulta. A personagem que dá título ao conto deixa os pais na estação e embarca na jornada que a levará a uma transformação irreversível. É um conto alegórico carregado de referências sutis, com a riqueza visual que define o estilo de Sylvia Plath.

PublishNews, Redação, 13/09/2019

Escrito com humor e maestria, Oblómov (Companhia das Letras, 962 pp, R$ 84,90), livro de Ivan Gontcharóv, é um retrato da aristocracia russa às vésperas do fim da servidão. Por meio de seu personagem principal, Iliá Ilitch Oblómov, rico senhor de terras que mal sai do sofá e passa os dias de roupão fazendo planos que nunca põe em prática, Gontcharóv idealiza uma resistência passiva aos ideais de produtividade que chegam à Rússia em meados do Século XIX. Apático a ponto de abandonar o trabalho, os amigos e os livros, além de dilapidar o dinheiro da família, o protagonista passa a vida esperando. Sente-se constantemente apavorado com a possibilidade de precisar tomar alguma atitude para participar do mundo real, até o dia que um amigo de infância decide ajudá-lo a conhecer o amor. Publicado em 1859, Oblómov retrata com indulgência e ironia a elite russa às vésperas de uma mudança radical. Esta edição conta com tradução do russo e apresentação de Rubens Figueiredo.

PublishNews, Estevão Ribeiro, 13/09/2019
“Tenho boas razões para crer que essa situação entre editor e editado é 'sui generis' em qualquer país.”
Érico Veríssimo
Escritor brasileiro
1.
Luccas Neto em "Os aventureiros"
2.
A sutil arte de ligar o foda-se
3.
Escravidão
4.
O poder oculto
5.
O milagre da manhã
6.
Mais esperto que o diabo
7.
O poder da autorresponsabilidade
8.
Do mil ao milhão
9.
Pique-esconde com Luccas Neto
10.
Brincando com Luccas Neto
 
 
©2001-2019 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.