Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 19/07/2019
A BOOKPartners é uma distribuidora completa: atende toda a cadeia do livro e seus devidos processos. Em sua estrutura reúne cerca de 220 colaboradores, dois centros de distribuição, e-commerce e marcas voltadas a segmentos específicos de leitores.
Primavera Assessoria oferece serviço de revisão de textos em português, preparação de originais para editoras e autores, padronizações e outros serviços editoriais.
A Transpo Express é uma transportadora que já atua há 10 anos focada completamente no segmento editorial. Faz entregas e coletas em editoras, distribuidoras, livrarias, gráficas e grandes redes. A área de atuação atualmente engloba São Paulo (Capital), grande São Paulo, Jundiaí, Campinas e todo o estado do Rio de Janeiro.
PublishNews, Redação, 19/07/2019

Grada Kilomba, Ayòbámi Adébáyò e Aiton Krenak foram destaques da Flip 2019 e apareceram na Lista dos Mais Vendidos do PublishNews | © Divulgação / FlipQuase uma semana depois do fim da Flip, pode ser que tenha alguém que ainda esteja meio ressaqueado. Mas, pelo menos na lista dos mais vendidos, a festa continua. É o famoso efeito Flip que aparece na sexta-feira seguinte ao fim do evento que nesse ano lotou as ruas irregulares de Paraty. Em relação à semana passada, esta apresentou um crescimento de 15% nos seus números gerais. Todas as categorias sentiram esse aumento. E mais... foram dez novidades, incluindo Memórias da plantação (Cobogó), de Grada Kilomba, título que figurou no primeiro lugar da lista da Travessa, livraria oficial da Flip. O livro de Grada apareceu na posição de número quatro de Não Ficção ao vender 1.355 cópias. A estreia do livro marca também o debut da Cobogó na lista. Ainda falando de Flip e da lista de Não Ficção, Aiton Krenak emplacou Ideias para adiar o fim do mundo (Companhia das Letras), que ocupa a posição de número nove, com 774 exemplares vendidos. Fique comigo (HaperCollins), de Ayòbámi Adébáyò completa o time de estreantes da Flip, com 989 cópias, número suficiente para colocá-lo na posição de número nove da categoria Ficção. Clique no Leia Mais e confira outros destaques da lista dessa semana.

PublishNews, Redação, 19/07/2019

Flâmula na frente da Casa PublishNews e os banners de seus parceiros ao fundo | © Mariana BuenoA Flip deste ano foi considerada por muitos uma das melhores edições e para o PublishNews não foi diferente. Pelo quinto ano consecutivo, o PN investiu na festa literária e com diversos parceiros conseguiu mais uma vez fazer da Casa PublishNews o ponto de encontro do mercado editorial. Com mesas atuais, trouxemos para a Flip os melhores profissionais para discutir sobre audiolivros, autopublicação, metadados, formação de leitores, a internacionalização da literatura brasileira, consignação, o mercado de livros esotéricos, sobre o futuro do mercado editorial, os números do mercado, lançamos livros na casa e ainda tivemos todos os dias os nossos já tradicionais happy hours. Além disso, este ano gravamos todos os dias nosso podcast durante a Flip e ainda aproveitamos para fazer uma edição ao vivo junto com o público da casa. Este ano também tivemos uma livraria na casa – a do Comendador –, um café e uma loja da Poeme-se que também levou muita poesia para quem visitou o espaço. Todos esses momentos foram capturados pelas lentes de André Argolo, o homem por trás da PublishNewsTV, que passou os quatro dias do evento tirando as melhores fotos e preparando o vídeo que você confere clicando no Leia Mais.

PublishNews, Fernanda Gomes Garcia*, 19/07/2019

Este ano, Fernanda Gomes Garcia, diretora-executiva da Câmara Brasileira do Livro (CBL) não esteve na Flip. É que ela estava em Santo Domingo, na República Dominicana, acompanhando a reunião da Organização Mundial da Propriedade Intelectual (Ompi) na qual se discutiu a possibilidade de um tratado global de exceções e limitações aos direitos de autor. A Ompi, um órgão da ONU, tem por objetivo promover a proteção da propriedade intelectual em todo o mundo e atua em serviços, políticas, informação e cooperação entre os 192 Estados membros, o que inclui o Brasil. A reunião de Santo Domingo aconteceu entre os países da América Latina que debateram as necessidade desse tratado, que depois será novamente discutido, em nível global, em uma nova reunião, em outubro, na Suíça. O que foi discutido, o que os países latino-americanos pensam desse novo tratado está num artigo que Fernanda escreveu no seu retorno. Clique no Leia Mais e tenha acesso a ele.

PublishNews, Redação, 19/07/2019

A Benvirá prepara para agosto o lançamento da obra D. Maria I, de Mary del Priore. Em seu mais novo livro, a historiadora investiga a fundo a trajetória daquela que ficou conhecida como a rainha louca de Portugal. O que a teria levado à loucura? E será que ela era realmente insana? Ou apenas mal compreendida? Na obra, ela reconta a vida da avó de D. Pedro I de uma perspectiva inédita, relevando que seu estado mental era provavelmente fruto de todas as tristezas e perdas que vivenciou, em uma época em que depressão e melancolia eram confundidas com insanidade. Mary del Priore também foi convidada para participar de um painel na Bienal do Livro do Rio no dia 1º de setembro, às 18h. O evento contará com sessão de autógrafos.

PublishNews, Redação, 19/07/2019

A editora Planeta abriu uma vaga para auxiliar de design gráfico. O contratado será responsável pelo fechamento de arquivos para a gráfica, conferência/envio / recebimento / backup de arquivos; pelo projeto gráfico e diagramações de livros, e participará de todo fluxo de produção gráfica. A editora pede que os candidatos tenham nível avançado em programas do pacote Adobe (Indesign, Photoshop, Illustrator) e Office, conhecimento em plataformas Mac e Microsoft, inglês intermediário, e estar cursando, ou ter concluído, curso superior na área de design gráfico, produção gráfica ou editorial, áreas afins. Conhecimento em produção gráfica é um diferencial. Os benefícios incluem vale refeição, seguro saúde, seguro odontológico e de vida e convênio farmácia. Os interessados devem enviar currículos para o e-mail selecao@grupoplanetabrasil.com.br.

PublishNews, Redação, 19/07/2019

A revalorização do ensaio é o tema de capa da edição de julho do jornal Cândido, publicado mensalmente pela Biblioteca Pública do Paraná. Cada vez mais presente nas redes sociais, na imprensa e no mercado editorial, o gênero volta à tona especialmente graças ao seu caráter abrangente e fluido. É o que explica o jornalista e escritor Ronaldo Bressane, que assina o especial do mês. Em um “ensaio sobre o ensaio”, Bressane resgata os primórdios do gênero e mostra como o texto ensaístico pode dialogar com a reportagem jornalística, a ficção, a autoficção, o diário, a crítica literária e a poesia. Outro destaque do Cândido 96 é a transcrição do bate-papo realizado com a escritora gaúcha Cíntia Moscovich em mais uma edição do projeto Um Escritor na Biblioteca. Durante o encontro realizado em maio, com mediação da jornalista e tradutora Mariana Sanchez, ela falou sobre o incentivo à leitura no ambiente familiar, sua origem judaica, a arte do conto e a superação de um câncer.

PublishNews, Redação, 19/07/2019

Memórias Póstumas de Brás Cubas (Antofágica, 456 pp, R$ 69,90) tem como narrador e personagem principal um defunto chamado Brás Cubas, um homem rico e solteiro que, depois de morto, resolve se dedicar à tarefa de narrar sua própria vida. Dessa perspectiva, emite opiniões sem se preocupar com o julgamento que os vivos podem fazer dele. Brás Cubas vê o mundo com ceticismo e desprezo e, dirigindo sua crítica ao gênero humano, transforma o próprio leitor em uma das vítimas das ironias do livro. A obra de Machado de Assis ganhou uma edição especial pela Antofágica, com 88 ilustrações de Candido Portinari, feitas na década de 1940 para uma edição particular de 400 exemplares; notas feitas pelo especialista na obra machadiana, Rogério Fernandes dos Santos; João Candido Portinari, diretor do Projeto Portinari, filho de Candido Portinari assina um texto em que fala sobre a importância em resgatar uma obra como Memórias Póstumas; e Ale Santos (@savagefiction), fez um perfil do autor traçando uma análise do Brasil no século XIX, que com toda complexidade de sua história.

PublishNews, Redação, 19/07/2019

Escrito por Tessi Ferreira, Campo minado (Letramento, 82 pp, R$ 29,90) é um livro de crônicas no qual a autora fala sobre a marginalidade do espaço urbano. O título sugere que esbarrar em uma história é fazê-la explodir. A cidade é tão densa quanto efêmera. A poluição, o movimento, as horas, o clima, as construções, o capital, o cheiro, o gosto, as imagens, as pessoas, a natureza, o trânsito. Tudo compondo um quadro disforme e organizado caoticamente. Já uma crônica é tão efêmera quanto uma cidade e seus acontecimentos. Elas nascem e se desfazem, mas quando escritas se eternizam de alguma forma. Garimpar e fazer delas um fenômeno, transformar imagens em palavras e colocá-las em relação com o espaço e com o que é fantástico. Campo Minado é a tentativa de tirar poesia até dos aspectos mais miseráveis da cidade urbana e dar-lhes alguma dignidade.

“O corpo é um território no qual você navega com as palavras.”
Carmen Maria Machado
Escritora norte-americana - Flip 2019
1.
A sutil arte de ligar o foda-se
2.
O milagre da manhã
3.
Do mil ao milhão
4.
Seja foda!
5.
A garota do lago
6.
Bora vender
7.
Mais esperto que o diabo
8.
Os segredos da mente milionária
9.
F*deu geral
10.
Brincando com Luccas Neto
 
 
©2001-2019 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.