Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 04/01/2019
Aldeia dos Livros oferece serviços que vão desde a revisão de textos em geral; tradução do inglês e espanhol; copydesk; pareceres; contatos com editoras; eventos nacionais e internacionais; criação de capas de livros, branding e coaching criativo para autores.
HiDesign Estúdio é um estúdio editorial focado em design. Entre os trabalhos oferecidos pelo estúdio estão: capas, projetos gráficos, diagramação e ilustração para projetos de editoras e autores independentes.
A Beluga Editorial presta diversos serviços de produção do livro, incluindo revisão, copidesque, diagramação, capa e projeto gráfico. Atendemos tanto editoras quanto autores.
PublishNews, Redação, 04/01/2019

Ano novo começou e tem gente ansiosa para saber o que vai acontecer. Uma das novidades dessa primeira lista de 2019 mostra isso. É que estreou nessa semana o centenário Almanaque do Pensamento 2019 (Pensamento), que traz, além das previsões astrológicas com horóscopo completo de todos os signos do zodíaco, informações de numerologia, uso de cristais e dicas de saúde e bem-estar para passar pelo ano novo feliz. Foram 559 unidades vendidas o que colocou o livro na posição de número 14 da Lista de Autoajuda. E essa não foi a única novidade da primeira semana de 2019. Outros dois velhos conhecidos da lista reapareceram. Em Não Ficção, Mario Sergio Cortella estreou com seu novo livro, O melhor do Cortella (Planeta), com 899 exemplares vendidos. O livro fechou a primeira semana do ano em 18º lugar na categoria. “Novidade” também em Infantojuvenil, onde apareceu a edição da HarperCollins do clássico O pequeno príncipe. Foram 502 cópias vendidas, número suficiente para colocar o livro na posição de número 17. Com relação à semana anterior, houve uma queda de 39% nos números gerais de vendas. Neste sentido, a mais prejudicada foi Ficção, que perdeu 45%. Ruim também para Infantojuvenil (-42%), Autoajuda (-41%), Não Ficção (-37%) e Negócios (-30%). Clique no Leia Mais e confira outros destaques da lista dessa semana.

PublishNews, Redação, 04/01/2019

No ano passado, Gustavo Lembert esteve em Londres para pegar o seu troféu do International Excellence Award | © Carlo CarrenhoA Feira do Livro de Londres (12 a 14/03) resolveu abrir mais uma categoria do seu International Excellence Awards em 2019, realizado em parceria com a Publishers Association. A novidade quer dar reconhecimento ao melhor jornalista internacional que atue em veículos especializados na cobertura do mercado editorial e livreiro. Todo profissional que atue em veículos dessa natureza fora do Reino Unido pode se candidatar desde que consiga comprovar atuação no segmento há mais de dois anos. Além dessa categoria, o prêmio está com inscrições abertas para outras 15. Lembrando que no ano passado o Brasil estava presente entre os finalistas de cinco categorias e a TAG levou em Inovação. O período de inscrições (ou indicações) vai até o próximo dia 10 e podem ser feitas pelo site do Prêmio. Os vencedores serão conhecidos em cerimônia especial no dia 12 de março, em Londres. 

PublishNews, Redação, 04/01/2019

O Prêmio Sesc de Literatura abre na próxima semana as inscrições para sua edição de 2019. Lançado em 2003, o concurso identifica escritores inéditos, cujas obras possuam qualidade literária para edição e circulação nacional. Além de inclui-los em programações literárias do Sesc, o Prêmio também abre uma porta do mercado editorial aos estreantes: os livros vencedores são publicados e distribuídos pela editora Record. As inscrições poderão ser feitas a partir do próximo dia 9 e até o dia 14 de fevereiro gratuitamente pela internet. São aceitas obras inéditas nas categorias Conto e Romance. Desde a primeira edição o prêmio já teve mais de 12 mil livros inscritos e em 2018 os vencedores foram Juliana Leite, com o livro Entre as mãos, e Tobias Carvalho com As coisas. O edital e o link para as inscrições podem ser acessados aqui.

Redação, 04/01/2019

A partir do próximo dia 19, o Núcleo de Estratégias e Políticas Editoriais (Nespe) e a Universidade Santa Úrsula dão início ao curso de pós-graduação Edição e Gestão Editorial. Em nível lato sensu, a especialização tem a chancela do MEC e apoio do PublishNews. Nas aulas, os alunos terão a chance de conhecer melhor o mercado editorial, aprendendo com profissionais e pesquisadores do setor como Bruno Zolotar, Camila Cabete, Ivo Camargo Jr., José Jardim e Maria Amélia Mello. O curso, coordenado por Leandro Müller e Cibele Bustamante, tem duração de 24 meses, com aulas quinzenais, sempre aos sábados, das 9h às 17h, no campus Botafogo da Universidade Santa Úrsula (Rua Fernando Ferrari, 75, Botafogo - Rio de Janeiro / RJ). Para mais informações, clique aqui.

PublishNews, Redação, 04/01/2019

As eleições de diretoria para o biênio 2019/2021 da Câmara Brasileira do Livro (CBL) acontecerão no dia 26 de fevereiro de 2019 e as inscrições das chapas devem ser realizada até o próximo dia 28. Para isso, os representantes legais terão que agendar horário com a Comissão Eleitoral composta por Carlos Taufik Haddad, Eunice Anoardo e Isis Valéria Gomes, pelo e-mail diretoria@cbl.org.br. Até agora, Vitor Tavares, diretor geral da Distribuidora e Livraria Loyola, é o único que já anunciou sua candidatura.

PublishNews, Redação, 04/01/2019

A partir da próxima segunda (7), o Instituto Estação das Letras (Rua Marquês de Abrantes, 177 – Rio de Janeiro / RJ) oferece mais dois cursos que fazem parte da sua programação de férias. O primeiro, com mediação do poeta André Vallias é o curso Poesia e visualidade, que pretende ser um passeio ilustrado e comentado pela criação poética que se vale de recursos visuais: da antiguidade, passando pelo barroco, até às vanguardas do século XX e a poesia digital. As aulas acontecem de 7 a 9 de janeiro, das 19h às 20h30 e o investimento é de R$ 250. O segundo curso é o Mergulho na escrita, com Silvia Carvão. Nele, Silvia irá trabalhar o desbloqueio da espontaneidade e criatividade por meio de exercícios de desenvolvimento da escrita. Leitura de textos com os quais os alunos irão trabalhar utilizando técnicas diversas como jogos verbais, enumeração, escrita automática e mapa de ideias. As aulas acontecem de 7 a 11 de janeiro, das 9h às 12h e o investimento é de R$ 350.

PublishNews, Redação, 04/01/2019

Sexto livro da coleção das obras de Monteiro Lobato voltada para colecionadores, A reforma da natureza (Biblioteca Azul / Globo Livros, 168 pp, R$ 49,90) foi escrita e publicada durante a Segunda Guerra Mundial e mostra a disposição de Lobato para levar temas como a geopolítica e as ciências naturais aos seus leitores. Esta edição da obra traz ilustrações dos artistas que Lobato escolheu para representar suas personagens nas diversas versões que a obra teve durante a vida. Em reunião logo após a guerra, ao perceber que os grandes líderes não se entendiam, o Rei Carol da Romênia teve uma ideia. Pediu para chamar duas legítimas representantes da humanidade, as respeitáveis governantes do Sítio do Picapau Amarelo: Dona Benta e Tia Nastácia. Ambas aceitaram o convite, estenderam a participação a todos do sítio, e logo seguiram em comitiva à Europa. Menos Emília, que recusou o chamado. A boneca planejava colocar em prática um plano antigo: reformar a natureza.

PublishNews, Redação, 04/01/2019

Tristão e Isolda (Sesi-SP, 96 pp, R$ 42) é uma história que desafia o tempo e as convenções sociais. Nela, Tristão, o cavaleiro perfeito, poeta e herói civilizador, defensor da honra e da liberdade, é envolvido na teia de um amor fatal, do qual não pode ou não quer se livrar. Isolda é a imagem da mulher ao mesmo tempo bela e misteriosa, herdeira dos segredos das fadas da mitologia da Irlanda, senhora dos filtros mágicos que podem trazer a cura ou a morte. Corrente nas águas da tradição do mundo celta, a lenda dos desventurados amantes foi recontada nos séculos XII e XIII, principalmente por poetas e prosadores, alcançando grande sucesso. Depois do relativo esquecimento nos anos que se seguiram à Renascença, o mito foi relido por Richard Wagner na clássica ópera de 1859. Esta versão em cordel, de autoria de Marco Haurélio, tem o mérito de devolver a saga ao gênero no qual debutou: a poesia.

“Em ciência leia sempre os livros mais novos. Em literatura, os mais velhos.”
Millôr Fernandes
Escritor brasileiro
1.
A sutil arte de ligar o foda-se
2.
O milagre da manhã
3.
As aventuras na Netoland com Luccas Neto
4.
Seja foda!
Me poupe!
6.
Aprendizados
7.
Minha história
8.
O poder da ação
9.
O poder da autorresponsabilidade
10.
21 lições para o século 21
 
PublishNews, Redação, 04/01/2019

As fábulas são um modo universal de contar histórias. Do Oriente ao Ocidente; de gregos e latinos; dos antigos aos contemporâneos. Guardadas as diferenças culturais de uma história para outra, seu modo de funcionamento, no fundo, é o mesmo. Para discutir em termos teóricos e recuperar os textos mais significativos do gênero, Maria Celeste Consolin Dezorri organizou A tradição da fábula (Editora Unesp, 247 pp, R$ 48). A obra reúne centenas de fábulas clássicas, oriundas de diversas culturas. Tendo como ponto de partida a tradição e mantendo sempre em vista a recepção contemporânea dessas fábulas – em especial a recepção brasileira, com base no fabulário trabalhado por Monteiro Lobato e Millôr Fernandes –, este livro proporciona profundo e elucidativo mergulho no tema, analisando a fábula como gênero literário e iluminando os pontos de contato entre a tradição clássica e a fabulística brasileira.

PublishNews, Redação, 04/01/2019

Há um abismo na alma de Lolly Rachpaul. Aos 12 anos, raiva e tristeza são tudo o que o garoto consegue sentir. Costumava ser diferente antes, quando Jermaine ainda estava por aqui. Mas, desde aquele tiro que silenciou a vida de seu irmão mais velho, Lolly deixou de ser uma criança alegre. Aliás, no Harlem – um bairro típico de negros e latinos em Nova York – a infância passa tão acelerada quanto uma bala. Se não estiver atento o bastante, as ruas e suas gangues te engolem. Vivenciando o luto em tempos de ódio, como preencher as partes que ficaram faltando dentro de si? Para Lolly, a resposta pode estar em Harmonee – a cidade imaginária que está construindo com as peças de Lego que ganhou de presente da namorada de sua mãe. A arte do garoto será sua forma de resistência à crueza do mundo, e uma ponte que sustenta novas e antigas amizades. As estrelas sob nossos pés (Plataforma 21, 318 pp, R$ 46,90 – Trad.: Stephanie Borges), livro de David Barclay Moore, dá voz à personagens que são pouco retratos, e que tanto precisamos ouvir: jovens pobres, expostos à desigualdade, ao preconceito e à violência desde muito cedo.

PublishNews, Estevão Ribeiro, 04/01/2019

 
©2001-2019 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.