Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 25/09/2018
A psi7 Printing Solutions & Internet 7 S.A. é uma empresa de tecnologia na gestão de conteúdos que ajuda as empresas, sejam editoras ou indústrias, a propagar o seu conteúdo nos formatos impresso, áudio, dados ou eletrônico.
Revisora, copidesque e produtora editorial há mais de dez anos com experiência em todas as etapas da produção editorial.
Com mais de 20 anos de experiência na diagramação de livros, Julio Fado oferece um trabalho profissional, de qualidade e rápido. Além da diagramação de livros para impressão, ele também diagrama livros em formato digital.
PublishNews, Redação, 25/09/2018

Os jurados do Prêmio Rio de Literatura elegeram esta semana os vencedores da terceira edição da premiação. Em Prosa de Ficção, o vencedor foi Silviano Santiago (na foto ao lado) com a obra Machado (Companhia das Letras); em Ensaio, venceu Paulo Cesar da Costa Gomes, autor de Quadros geográficos (Bertrand); e em Poesia, O martelo (Garupa), obra de Adelaide Ivánova foi a escolhida. Os vencedores das três categorias receberão prêmio no valor de R$ 100 mil. Na categoria Novo Autor Fluminense, o escolhido foi Guiado Arosa, com a obra O complexo melancólico. O autor receberá R$ 10 mil e terá o livro produzido, publicado e distribuído ao mercado com mil exemplares de sua obra. Nesta edição, o prêmio também concedeu uma menção honrosa na categoria Novo Autor Fluminense cuja vencedora foi Annalu Braga com o livro Olhos de vidro, que terá 500 exemplares publicados. Em 2018, o Prêmio Rio de Literatura recebeu 464 inscrições de autores de todo o Brasil e teve o júri comporto por Antonio Secchin, Gabriel Chalita, Davi Barbosa, Heloísa Buarque de Hollanda e Renato Cordeiro Gomes.

PublishNews, Redação, 25/09/2018

Os sindicatos dos Empregados em Editoras de Livros (SEEL) e Nacional dos Editores de Livros (SNEL) estão em mesa para discutirem a campanha salarial 2018 / 2019. A primeira reunião aconteceu no último dia 17 quando os empregadores receberam a proposta dos empregados que pedem reposição integral da inflação nos últimos 12 meses mais aumento real de 2%, além de piso salarial de R$ 1,4 mil; Vale-Refeição no valor mínimo de R$ 30 por dia e cesta básica no valor de R$ 150. O sindicato dos empregadores informou ao PublishNews que os termos da convenção coletiva estão sendo discutidos e que, por enquanto, não há uma posição definitiva sobre os pleitos dos trabalhadores. Nesta quarta-feira (26), acontece a segunda rodada de negociações entre os dois sindicatos.

PublishNews, Henrique Rodrigues, 25/09/2018

Quando eu era criança, ficava um pouco assustado quando os adultos me viam estudando e diziam: “olhaí, esse é o futuro do país”. Era algo pesado demais para a nossa galerinha, cuja maior preocupação era tirar uma nota decente e passar de ano. Ao entrar na adolescência, imaginava que essas mesmas pessoas haviam recebido comentários similares quando mais jovens, e questionava por que, tendo crescido, eles jogavam a responsabilidade para os próximos da fila. Hoje entendo que é o ciclo natural da esperança. Por esses dias aprendi muito com jovens, que têm cada vez mais a nos ensinar, em vários aspectos. Não é de hoje que essa chamada geração Z, ou millennials vêm quebrando várias expectativas sobre seu comportamento e visão de mundo. Especificamente na área dos livros, lembro-me bem de quando, lá por 1997, quando estava na faculdade e os adventos digitais começavam a se popularizar, surgia o alerta apocalíptico: “essa tal internet vai acabar com os livros”. E quem nascia naquela época se tornou o grupo que hoje vai às bienais com malas, cria seus próprios canais de discussão sobre livros, torna-se booktuber e lê mais que outras faixas etárias aqueles mesmos volumes impressos e pesados da qual os jovens das gerações anteriores tinham horror. Clique no Leia Mais e tenha acesso à íntegra deste artigo.

PublishNews, Redação, 25/09/2018

A HarperCollins Publishers, em parceria com a Warner Bros. Consumer Products, anunciou esta semana um projeto mundial de publicação de livros voltados para o público adulto baseados no filme Animais fantásticos: os crimes de Grindelwald, cujo lançamento mundial está previsto para 16 de novembro. O filme transporta o público para o universo mágico da Paris de 1920 e Eddie Redmayne volta ao papel de protagonista como Newt Scamander, o magizoólogo do universo da magia. Com um roteiro escrito por J.K. Rowling, o filme fornece farto material para a criação de outras obras voltadas ao público adulto. Sendo assim, os novos títulos da HarperCollins vão focar no filme e seus bastidores com quatro obras: Notícias extraordinárias: as histórias por trás da magia; Os arquivos da magia; ­­Luzes, câmera, magia!; ­­e A arte de Animais fantásticos: os crimes de Grindelwald. Os títulos começam a ser lançados em novembro, para coincidir com o lançamento do filme.

PublishNews, Redação, 25/09/2018

Encerram nesta quinta (27) as inscrições para a terceira edição do Prêmio IPL - Retratos da Leitura. Realizado pelo Instituto Pró-Livro, o prêmio tem como objetivo coroar os melhores projetos que valorizam e difundem o incentivo à leitura. As inscrições e o cadastro de projetos devem ser realizadas na Plataforma Pró-Livro e antes da inscrição é importante verificar se o projeto atende ao regulamento da terceira edição. Como no ano anterior, serão escolhidos projetos em quatro categorias: Empresas da cadeia produtiva do livro; Organizações Sociais; Mídias; e Bibliotecas públicas e comunitárias. Uma equipe de especialistas fará uma seleção prévia dos finalistas e uma comissão de jurados elegerá três vencedores para cada uma das categorias. A entrega da terceira edição do prêmio ocorrerá em dezembro. O regulamento pode ser lido aqui e o tutorial sobre como se inscrever aqui.

PublishNews, Redação, 25/09/2018

Guimarães Rosa | © EdiouroO Centro Cultural Casa Arca (Av. Sabiá, 743, Moema – São Paulo / SP) recebe a partir deste mês, duas novas edições do Laboratório de Leitura (LabLei), vivência de leitura compartilhada de clássicos da literatura universal. O primeiro ciclo de leitura irá analisar a obra Orgulho e Preconceito, de Jane Austen. Serão cinco encontros que acontecerão às quartas-feiras, entre 26 de setembro e 24 de outubro, das 15h30 às 17h. Já o ciclo de Grande Sertão: Veredas, obra de Guimarães Rosa, irá ocorrer às quintas, das 20h às 21h30, entre 27 de setembro e 6 de dezembro, em nove semanas. A coordenação de ambos os laboratórios ficará a cargo do historiador, pesquisador, palestrante e escritor Dante Gallian. O investimento para participação no ciclo de Orgulho e Preconceito é de R$ 750. Já para participar dos nove encontros de Grande Sertão: Veredas, o valor é de R$ 1.350.

PublishNews, Redação, 25/09/2018

O jornalista e escritor Tom Farias é o próximo convidado da série Autografias do Centro de Pesquisa e Formação do Sesc (Rua Dr. Plínio Barreto, 285 – São Paulo / SP), que acontece no dia 28, às 19h30. Na ocasião, ele falará sobre o livro Carolina: uma biografia (Malê), que aborda a trajetória de vida da escritora mineira Carolina Maria de Jesus (1914-1977). Da infância pobre, na cidade de Sacramento, em Minas Gerais, passando pelas cidades em que Carolina peregrinou na juventude em busca de trabalho e de diagnóstico e cura para uma doença nas pernas, até sua chegada a São Paulo onde se instalou na favela do Canindé. Farias borda não somente sua relação com os filhos e o momento de ascensão, devido ao sucesso editorial do livro Quarto de despejo, mas também, o declínio em razão do desinteresse do mercado editorial e dos leitores em relação às suas publicações posteriores, o que, acrescido da sua personalidade forte e das barreiras sociais e discriminatórias brasileiras, levou a escritora retornar a mesma condição de pobreza em que viveu boa parte da sua vida. O encontro é gratuito e as inscrições podem ser feitas clicando aqui.

PublishNews, Redação, 25/09/2018

A Biblioteca Pública do Paraná (Rua Cândido Lopes, 133 – Curitiba / PR), em parceria com a Fatum Educação e a Cia Zoom, recebe nesta semana atrações do VI Encontro Internacional de Contadores de Histórias. O evento, que acontece de 27 a 29 de setembro, reúne artistas de vários países sul-americanos, como Alejandro Ayala (Argentina), Ana Gabriela Balletta (Bolívia) e Gonzalo Paiva (Peru), além dos brasileiros Cleber Fabiano e Elizabeth Fontes. Durante os encontros, serão discutidos temas relacionados à arte de contar histórias por meio de bate-papos, palestras, uma oficina e uma exposição. A abertura acontece no dia 27, às 19h, no auditório, e contará com a presença do diretor da BPP, Rogério Pereira, e do fundador da Fatum Educação, Cleber Fabiano. Além dos bate-papos sobre contação de histórias, os convidados internacionais ministram uma oficina sobre o mesmo tema. Haverá também venda de livros que falam sobre os temas abordados durante os três dias de encontro. Para participar das atividades é necessário se inscrever pelos telefones (41) 4141-2018 ou (41) 9.9711-0577. A programação completa você confere aqui

“O escritor brasileiro tem que ouvir o Brasil.”
Jorge Amado
Escritor brasileiro (1912-2001)
1.
A sutil arte de ligar o foda-se
2.
As aventuras na Netoland com Luccas Neto
3.
O milagre da manhã
4.
Seja foda!
5.
O poder da autorresponsabilidade
6.
Para todos os garotos que já amei
7.
Me poupe!
8.
21 lições para o século 21
9.
Poesia que transforma
10.
Sapiens
 
PublishNews, Redação, 25/09/2018

Em O novo Iluminismo (Companhia das Letras, 664 pp, R$ 84,90), o cientista cognitivo Steven Pinker incita o leitor a rechaçar manchetes alarmistas e profecias apocalípticas, que surgem nos dias atuais e influenciam nossa visão de mundo. Com 75 gráficos, ele demostra que a vida, a saúde, a prosperidade, a segurança, a paz, o conhecimento e a felicidade estão em ascensão, não apenas no Ocidente, mas em todo o mundo. Para Pinker, esse progresso é uma herança do Iluminismo. Nadando contra as correntes da natureza humana exploradas por demagogos, o projeto iluminista é atacado por religiosos, políticos e intelectuais pessimistas que insistem que a civilização ocidental passa por um inexorável processo de declínio. Mas basta olhar os dados: eles indicam que, com o avanço do conhecimento, as pessoas estão de fato vivendo mais e melhor. Sem negar que nossos tempos são atribulados, Steven Pinker não hesita em apontar o caminho para as soluções: reforçar o ideal iluminista de usar a razão e a ciência para resolver problemas.

PublishNews, Redação, 25/09/2018

“Neste livro não só se lê, se conversa e se escreve sobre o ofício de professor, mas também se mostra o professor (que sou) em seu exercício [...]”. É com essa apresentação que Jorge Larrosa inicia Esperando não se sabe o quê (Autêntica, 528 pp, R$ 96,50). O objetivo da obra é falar com todo tipo de professor, e, para além disso, com os mais diferentes leitores, principalmente com aqueles que gostam de escutar as pessoas discorrendo sobre o que fazem e pensando sobre isso. No decorrer do livro, Larrosa dialoga com outros professores, discutindo o ser professor como ofício milenar, que muda de acordo com as épocas e as funções às quais se atribui, mas sempre muito similar no que se refere à materialidade concreta de seu trabalho e aos gestos básicos que o constituem. O livro é dedicado a todos os professores e professoras de escolas e universidades públicas que, como o próprio autor menciona, correm contra o vento e a maré e continuam fazendo bem o seu trabalho – sendo professores – e levantando diques para que o mundo não se desfaça.

PublishNews, Redação, 25/09/2018

Os dados do Sistema de Avaliação do Ensino Básico (Saeb) mostram, por exemplo, que apenas 4% de alunos do Ensino Médio têm conhecimento adequado das disciplinas de português e matemática. Estes resultados reforçam a existência de uma grave crise de aprendizagem, como revela o autor Daniel Barros em País mal-educado (Civilização Brasileira, 308 pp, R$ 49,90). No texto, ele faz uma investigação das raízes da baixa qualidade do ensino no Brasil, incluindo uma análise do último século e o cruzamento de pesquisas de ponta, políticas públicas de sucesso e entrevistas com especialistas. O objetivo de Daniel é desfazer alguns dos mitos e responder ao que considera a questão central de qualquer sistema educacional: as crianças e adolescentes estão aprendendo? O livro mostra ainda que existe esperança: há diversos estados como Pernambuco, Ceará, Goiás e municípios como Sobral (CE), Rio de Janeiro (RJ) e Seabra (BA) que avançaram bastante e se tornaram exemplos para o restante do país.

PublishNews, Redação, 25/09/2018

Na sombra, nosso lado a ser mais bem desenvolvido. Simples assim. Em A luz e a sombra dos 12 signos – Histórias e interpretações que ajudam a compreender a força dos astros (Principium, 256 pp, R$ 29,90), Claudia Lisboa usa sua bagagem de anos dedicados ao profundo estudo da Astrologia para mostrar ao leitor os caminhos para entender os signos e como tirar o melhor de cada um deles. Ao longo do livro, Claudia vai etiquetando os personagens à sua volta com histórias reais e de depoimentos de familiares e amigos e ajuda o leitor a construir seu próprio universo analógico, identificando e decifrando seu próprio elenco de relacionamentos. A luz e a sombra dos 12 signos é um guia para quem deseja aprender mais sobre si mesmo e para lidar melhor com pessoas do seu convívio.

PublishNews, Redação, 25/09/2018

O que faz com que algumas pessoas sejam fortes para lidar com dificuldades e situações extremamente exigentes, enquanto outras rapidamente sucumbem e se entregam em circunstâncias semelhantes? De onde vem essa capacidade especial de resistir a situações de conflito, pressão, dramas pessoais, sofrimento e infortúnio de diversos tipos? Qual é a força misteriosa que nos permite sair de uma situação deprimente e voltar a ter uma vida plena? Em Resiliência (Vozes, 280 pp, R$ 34,90) Christina Berndt retrata como essa imensa força surge em algumas pessoas, e descreve o que neurobiólogos, geneticistas e psicólogos descobriram sobre a origem dessa resistência. Para todos aqueles que utilizam essa força, perder, por vezes, também é uma possibilidade de crescimento. Embora os fundamentos da resiliência sejam normalmente estabelecidos durante a primeira infância, este livro mostra que, com as estratégias adequadas, é possível desenvolver essas capacidades mesmo em adultos.

 
©2001-2018 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.