Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 29/08/2018
A psi7 Printing Solutions & Internet 7 S.A. é uma empresa de tecnologia na gestão de conteúdos que ajuda as empresas, sejam editoras ou indústrias, a propagar o seu conteúdo nos formatos impresso, áudio, dados ou eletrônico.
Revisora, copidesque e produtora editorial há mais de dez anos com experiência em todas as etapas da produção editorial.
Com mais de 20 anos de experiência na diagramação de livros, Julio Fado oferece um trabalho profissional, de qualidade e rápido. Além da diagramação de livros para impressão, ele também diagrama livros em formato digital.
PublishNews, Leonardo Neto, 29/08/2018

Segundo GfK, varejo de livros apresenta queda em julho | © Redes Sociais / Livraria da TravessaA Associação Nacional de Livrarias (ANL) e a GfK apresentaram o seu relatório que acompanha o desempenho do varejo de livros no Brasil. No período que vai de 03 de julho a 6 de agosto, o varejo de livros (incluindo aqui livrarias, supermercados e lojas de autoatendimento) perdeu 2,2% do seu faturamento se comparando com igual período de 2017. Em números absolutos, significa que as vendas totalizaram R$ 186,3 milhões em 2018 ante os R$ 190,6 milhões apurados em 2017. A queda no faturamento foi acompanhada pelo decréscimo de 1,5% no volume de unidades vendidas. No período em análise, foram vendidas 4,80 milhões de exemplares enquanto que em 2017, foram 4,87 milhões. É importante observar que, no acumulado do ano, o varejo ainda está no azul. Apresenta crescimento de 4,9% tanto em volume quanto em faturamento. Em números absolutos quer dizer que de janeiro até julho foram vendidas 32,7 milhões de unidades o que redundou em faturamento de R$ 1,43 bilhão. De janeiro a julho de 2017, a apuração da GfK dava conta de 31,2 milhões de exemplares vendidos e faturamento de R$ 1,36 bilhão. Clique no Leia Mais para ter mais detalhes do relatório.

PublishNews, Redação, 29/08/2018

Está marcado para a próxima quarta (5), o quinto encontro UmLivro com PublishNews. Dessa vez, Thiago Mlaker e Nathália Dimambro, respectivamente editores dos selos Verus (Record) e Seguinte (Companhia das Letras) irão participar do nosso bate-papo para falar sobre os bastidores da edição de livros voltados para o público Young Adult, no jargão da profissão. A literatura para jovens adultos cresceu junto com sucessos como Harry Potter, por exemplo, não parou mais. De lá pra cá, as editoras abriram espaço e criaram selos específicos para conversar diretamente com esse público e é sobre isso que iremos conversar. Como é cuidar de um selo voltado para o público jovem e que está sempre mudando? Como é a busca por novos títulos? Qual a importância deles para o atual mercado do livro? E como ser criativo para manter sempre o interesse do público jovem pela literatura? Essas e muitas outras perguntas serão respondidas pelos dois no encontro que começa às 19h, na Unibes Cultural (Rua Oscar Freire, 2.500 – São Paulo / SP). O evento é fruto da parceria com a UmLivro, plataforma que oferece diversas soluções de impressão por demanda e logística para as editoras e os interessados em participar podem se inscrever clicando aqui.

PublishNews, Redação, 29/08/2018

© Bruno AlvesUm dos assuntos mais aguardados pela comunidade de editores no Brasil é o resultado das obras selecionadas para o PNLD Literário. Considerado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), órgão responsável pela compra, como um edital “transitório”, o PNLD Literário vai selecionar obras literárias em língua portuguesa e inglesa destinadas aos alunos da Educação Infantil, dos anos iniciais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio que estejam matriculados em escolas de todas as redes públicas, além de instituições comunitárias, confessionais ou filantrópicas conveniadas ao poder público. A ansiedade se justifica. A promessa do FNDE é de que a compra aconteceria ainda em 2018, no entanto, setembro já está aí, mas nem sinal do resultado. Mas, nesta terça-feira (28), acendeu uma luz no fim do túnel. É que a edição do Diário Oficial da União (DOU) trouxe a lista com os códigos das 30 obras reprovadas no certame. Agora, os responsáveis por essas obras têm cinco dias úteis (contando a partir da publicação no DOU) para recorrer. Editores ouvidos pelo PublishNews acreditam que logo depois de corrido esse prazo, o órgão responsável pelas compras divulgue o resultado final, com a lista das obras escolhidas. Vamos acompanhar.

PublishNews, Redação, 29/08/2018

Biblioteca holandesa KopGroep (School 7), vencedora do prêmio | © DivulgaçãoEm junho, a Biblioteca Parque Villa-Lobos, de São Paulo, foi anunciada como uma das cinco finalistas do Prêmio Internacional de Biblioteca Pública do Ano de 2018, realizado pela Federação Internacional de Associações de Bibliotecas (IFLA), junto com a Systematic. Na tarde de ontem (28), em um congresso realizado na Malásia, a biblioteca holandesa KopGroep (School 7) foi a escolhida pelo júri e levará para casa um prêmio no valor de US$ 5 mil. Além a vencedora e da Biblioteca Villa-Lobos, concorriam também mais três bibliotecas localizadas em Singapura, EUA e Noruega. Em e-mail enviado a amigos, Pierre André Ruprecht, diretor Executivo da SP Leituras -- Organização Social de Cultura responsável pela administração não só da Villa-Lobos mas também da Biblioteca de São Paulo, que foi finalista do Excellence Award, concedido pela Feira do Livro de Londres --, comentou: "É uma enorme conquista figurarmos junto com estas outras quatro instituições como 'a vanguarda do que se faz em biblioteca pública hoje', como salientou Jakob Laerkes, diretor da Biblioteca de Gladsaxe e coordenador do Prêmio deste ano. Temos muito do que nos orgulhar: fomos colocados ao lado de bibliotecas de países com forte tradição de investimento em leitura, biblioteca e cultura, e com orçamentos significativos, e saímos como um dos destaques do congresso. Esta indicação certamente nos ajudará em nossa missão de advogar pela leitura e pela biblioteca pública".

PublishNews, Redação, 29/08/2018

O Jornal Nacional, transmitido pela TV Globo, tem realizado uma série de entrevistas com os presidenciáveis mais bem-posicionados nas pesquisas eleitorais. Nesta terça-feira (28) foi a vez do candidato Jair Bolsonaro (PSL) ser sabatinado pelos jornalistas William Bonner e Renata Vasconcellos. No período em que Bolsonaro esteve na bancada, ele quis mostrar o conteúdo do livro Aparelho sexual & cia, publicado pela Companhia das Letras e que, segundo o candidato, faria parte de um suposto kit gay distribuído para escolas públicas de todo o Brasil. Ainda na noite de ontem, a Companhia das Letras publicou em seu perfil no Facebook uma nota dizendo que, embora o título não faça mais parte do seu catálogo, se orgulha muito de tê-lo publicado e que colocará, nesta quarta-feira, um texto mais detalhado em seu blog. Até o fechamento desta edição, no entanto, o texto não tinha sido publicado. 

PublishNews, Redação, 29/08/2018

'Pavilhão de Frankfurt' é o novo espaço da Feira do Livro de Frankfurt. Lá e em outros espaços espalhados pela cidade, acontecerão as atividades do Bookfest | © DivulgaçãoEste ano, a Feira do Livro de Frankfurt decidiu crescer um mais um pouco e criou o Bookfest, um festival internacional de literatura, contos, histórias e ideias que vai acontecer em diversos espaços da cidade, expandindo a maior feira de negócios do livro para além do muros do Festhalle. Em 2017, a ideia de criar um local de encontro para os visitantes da feira, expositores e moradores de Frankfurt à noite foi implementada com sucesso, mas em pequena escala. Este ano, o Bookfest será um festival para toda a cidade. “Ao invés de leituras clássicas, realizaremos eventos interativos como slams de poesia, palestras, eventos de culinária e performances que abordam uma ampla gama de tópicos em quase 20 bares e locais incomuns em Frankfurt”, explicou Frank Pauli, diretor de Desenvolvimento de Negócios. A ideia é que, dessa forma, seja possível alcançar aqueles que normalmente não fazem parte do público da Feira do Livro. Dentro do espaço da feira também acontecerão vários eventos, principalmente no novo Pavilhão de Frankfurt, estrutura temporária que abrigará mais de 50 eventos com o objetivo de compartilhar conhecimento.

PublishNews, Redação, 29/08/2018

A Universidade Cândido Mendes está com as inscrições abertas para a Pós-Graduação em Literatura Infantil e Juvenil, cuja primeira edição acontece na Universidade Católica de Petrópolis. Com coordenação da professora Cintia Barreto, doutora em Literatura Brasileira pela UFRJ, o curso tem disciplinas importantes para a atualidade e com professores escritores e especialistas de excelência na área como Ilustração, com a ilustradora Thais Linhares, Literatura Africana, com o escritor Rogério Andrade Barbosa, Contação de Histórias, com o escritor e contador de histórias Celso Sisto, e Teatro Infantojuvenil, com o ator e diretor teatral Alexandre Damascena. Ao todo são 13 disciplinas para a formação de Especialistas em Literatura Infantil e Juvenil. As aulas iniciam no dia 1º de setembro, somente aos sábados, das 8h às 17h e tem 18 meses de duração. Para realizar a matrícula, é preciso ir à Rua da Assembleia, 10, sala 824 – Rio de Janeiro / RJ, munido de cópia e original do diploma de graduação, cópias da identidade, CPF e comprovante de residência até esta sexta (31). Para mais informações é só mandar um e-mail para professora@cintiabarreto.com.br

PublishNews, Redação, 29/08/2018

O Grupo RBS e a Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho (FMSS) abriram as inscrições para a 6ª edição do Prêmio RBS de Educação – Para entender o mundo. Acreditando na importância da leitura e dos atores que disseminam o valor e o gosto por esse hábito, o prêmio é voltado para os professores que contribuem para o estímulo às habilidades de leitura e escrita. Nesta edição, o prêmio vai selecionar educadores que atuam em escolas públicas e privadas do Rio Grande do Sul que tenham se destacado no desenvolvimento de ações de incentivo à leitura e cujos trabalhos desenvolvidos tenham iniciado até 5 de maio. Podem participar educadores de todas as áreas do conhecimento que estejam lecionando em 2018 no Estado do Rio Grande do Sul à alunos da Educação Básica (Educação Infantil, Ensino Fundamental I e II e Ensino Médio) do ensino regular ou EJA (Educação de Jovens e Adultos). Os interessados devem preencher a ficha de inscrição até o dia 12 de setembro pelo site do Prêmio.

“Livros ampliam nossa inteligência e nossa humanidade”
Nelson de Oliveira
Escritor brasileiro
1.
A sutil arte de ligar o foda-se
2.
As aventuras na Netoland com Luccas Neto
3.
O milagre da manhã
4.
O poder da autorresponsabilidade
5.
Seja foda!
6.
Me poupe!
7.
Felipe Neto - A vida por trás das câmeras
8.
Poesia que transforma
9.
O poder da ação
10.
Combate espiritual
 
PublishNews, Redação, 29/08/2018

A LabPub, escola EaD para o mercado editorial, estará presente na Festa Literária da Mantiqueira (Flima) com três palestras gratuitas oferecidas ao público. Para começar, Alessandra Ruiz, agente literária da Authoria e professora exclusiva da escola, faz duas palestras no sábado (15). Às 11h, o tema será Afinal, o que faz um editor de livros? e às 16h, O que um agente literário procura em um autor?. No mesmo dia, às 14h, nossa colunista Camila Cabete, gerente de relacionamento com editores da Kobo, junto com Cassia Carrenho, sócia da LabPub, conversam sobre Como o conteúdo digital pode transformar usuários digitais em leitores?. Durante as palestras haverá sorteio de bolsas de estudo para os cursos da LabPub. Lembrando que a Flima acontece de 14 a 16 de setembro, em Santo Antônio do Pinhal, no interior paulista.

PublishNews, Redação, 29/08/2018

Muito tem se falado ultimamente sobre o conceito de "lugar de fala" e muitas polêmicas acerca do tema têm surgido. Fazendo o questionamento de quem tem direito à voz numa sociedade que tem como norma a branquitude, masculinidade e heterossexualidade, o conceito se faz importante para desestabilizar as normas vigentes e trazer a importância de se pensar no rompimento de uma voz única com o objetivo de propiciar uma multiplicidade de vozes. Partindo de obras de feministas negras como Patricia Hill Collins, Grada Kilomba, Lélia Gonzalez, Luiza Bairros, Sueli Carneiro, O que é lugar de fala (Letramento, 96 pp, R$ 19,90) aborda, pela perspectiva do feminismo negro, a urgência pela quebra dos silêncios instituídos explicando didaticamente o que é conceito ao mesmo tempo em que traz ao conhecimento do público produções intelectuais de mulheres negras ao longo da história. O livro, escrito por Djamila Ribeiro, foi o segundo mais vendido na Flip 2018.

PublishNews, Redação, 29/08/2018

Como muitas mulheres de sua geração, Ariel Levy lutou bravamente para ter uma vida plena que fugisse dos padrões impostos por uma sociedade com profundos ecos patriarcas. Em 2012, sua vida não poderia estar mais completa: ela havia se casado com o amor de sua vida, estava grávida do primeiro filho, era uma jornalista bem-sucedida e estava prestes a partir para uma exótica viagem de trabalho à Mongólia. Porém, quando ela regressa aos EUA um mês depois, repentinamente tudo isso cai por terra. A partir daí, Ariel compartilha com o leitor como construiu uma vida tão exitosa mesmo fugindo de todos os estereótipos e em seguida a assistiu desmoronar com uma velocidade surpreendente. Em As regras não se aplicam (Globo Livros, 248 pp, R$ 39,90 – Trad.: Natalie Gerhardt), ela faz uma reflexão sincera, realista e sem juízo dos valores dos erros e acertos das mulheres de sua geração.

PublishNews, Redação, 29/08/2018

Em Testosterona Rex (Três Estrelas, 336 pp - Trad.: Renato Marques), a professora de história e filosofia Cordelia Fine denuncia a ideia de que a distinção entre os gêneros seria resultado de uma disparidade evolutiva que teria moldado dois cérebros biologicamente distintos: o feminino e o masculino. Segundo esse mito arraigado no discurso científico, enquanto mulheres seriam maternais e avessas ao risco, os homens seriam orientados para atrair o maior número de parceiras, otimizando a perpetuação de seu material genético. De forma rigorosa e bem-humorada, Cordelia demonstra que o gênero é apenas um dos muitos fatores que se combinam de forma dinâmica para dar origem ao comportamento de cada indivíduo. Com isso, expõe um conceito que, uma vez aprendido, torna difícil de esquecer: Testosterona Rex, afirma a autora, é aquela velha certeza de que a diferença de comportamento entre homens e mulheres tem origem na evolução biológica da espécie, uma certeza que “deturpa nosso passado, presente e futuro, orienta incorretamente a pesquisa científica e reforça o status quo de desigualdade”.

PublishNews, Redação, 29/08/2018

Crescendo como uma garota gorda, Virgie Tovar acreditava que seu corpo era algo a ser "melhorado". Mas depois de duas décadas de dieta e culpa constante, ela superou isso – e se deu de presente a liberdade de confiar em seu próprio corpo. Desde então, ela ajuda outras a fazerem o mesmo. “Eu queria que alguém tivesse me contado, há uns 28 anos, que não havia nada de errado em ser gorda, e que, na verdade, era bem irado ser gorda. Eu gostaria que vivêssemos em uma cultura onde as pessoas de todos tamanhos fossem tratadas com toda a dignidade e humanidade que cada um de nós merece”. Em linguagem concisa e franca, Meu corpo, minhas medidas (Primavera Editorial, 128 pp, R$ 34,90) discorre sobre a gordofobia, desmantelando noções sexistas de moda, e ensinando como rejeitar a maior mentira da cultura da dieta: que as pessoas gordas precisam emagrecer para começar a melhor parte da sua vida.

 
©2001-2018 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.