Caso não consiga visualizar corretamente esta mensagem, clique aqui.
PublishNews 07/06/2018
A psi7 Printing Solutions & Internet 7 S.A. é uma empresa de tecnologia na gestão de conteúdos que ajuda as empresas, sejam editoras ou indústrias, a propagar o seu conteúdo nos formatos impresso, áudio, dados ou eletrônico.
Revisora, copidesque e produtora editorial há mais de dez anos com experiência em todas as etapas da produção editorial.
Com mais de 20 anos de experiência na diagramação de livros, Julio Fado oferece um trabalho profissional, de qualidade e rápido. Além da diagramação de livros para impressão, ele também diagrama livros em formato digital.
PublishNews, Redação, 07/06/2018

Gaël Faye será publicado no Brasil pela Rádio Londres | © Facebook do autor“Comecei a escrever porque estava com medo”, disse Gaël Faye em entrevista recente ao The Guardian. O rapper nascido no Burundi e que se tornou uma das promessas da literatura europeia presenciou ainda muito jovem, aos 13 anos, a guerra civil no seu país natal. “Nós estávamos vivendo o inferno. Escrever me fez muito bem”, completou. Levado por seus pais para a França, Faye recomeça a sua vida nos subúrbios de Paris e aos 20 anos tinha se tornado um rapper de sucesso. Foi aí que conheceu um editor que lhe propôs um livro. Nascia aí Petit pays (Pequeno país, em tradução literal), livro que narra a vida de um garoto de dez anos que cresceu no mesmo cenário que o próprio rapper viveu quando criança. O resultado foi uma explosão nas vendas, o livro se tornou um best-seller na França, o autor foi um dos destaques da programação da França na última Feira do Livro de Frankfurt e, como consequência, teve os direitos vendidos para 30 países, com mais de 700 mil cópias já vendidas desde 2016, quando foi lançado. No Brasil, os direitos estão com a Rádio Londres que acaba de anunciar que levar o livro às livrarias em outubro. 

PublishNews, Redação, 07/06/2018

Hal Elrod, autor de 'O milagre da manhã' | © Divulgação / Redes SociaisNas últimas semanas, algumas editoras investiram em livros de não ficção. Para começar, o selo Cultrix, da Pensamento, comprou os direitos da obra Gaslighting, da doutora Stephanie Moulton Sarkis. Especialista em saúde mental, a autora explica mais sobre a técnica de manipulação usada por sociopatas e narcisistas e oferece estratégias práticas para lidar e se libertar. Já a Estação Liberdade adquiriu os direitos do novo livro de Charles Pépin, autor de As virtudes do fracasso. Em Self-confidence: A philosophy, o autor segue a mesma linha do livro anterior e mostra ao leitor os segredos da autoconfiança. E a Record decidiu apostar ainda mais no autor Hal Elrod (na foto ao lado), autor do livro O milagre da manhã, presente na lista de mais vendidos há 10 semanas, e comprou os direitos de mais três livros do palestrante: The miracle equation, The miracle morning: Journal e The miracle morning for transforming your relationship

PublishNews, Redação, 07/06/2018

Em fevereiro do ano passado, o PublishNews trazia uma nota intitulada À casa torna em que destacava que J.A. Rugeri, que se especializou na aquisição de títulos na área de negócios, voltava a trabalhar na Alta Books depois de uma temporada na Elsevier. A notícia de agora é que ele faz o caminho inverso novamente e volta para a Elsevier. “Além de aquisições de ativos, atuarei como estrategista de conteúdo para explorar tecnologias inovadoras, como plataformas de conteúdo, analítica de dados para a tomada de decisões e curadoria de base de dados. A Elsevier é hoje uma empresa voltada para soluções de informações e dados, portanto o conteúdo precisa ser plástico, adaptável, amplo e irrestrito”, disse entusiasmado ao PublishNews. Já Telma Kobori, que havia deixado a DCL em fevereiro passado, começou na Brinque-Book, editora referência no segmento de livros infantis. Ela integra agora o departamento comercial da casa e será responsável por projetos especiais.

PublishNews, Redação, 06/06/2018

Dentre todos os tipos de livros publicados, os livros didáticos são os mais complexos em termos de edição. Editar um livro com finalidade escolar é bem diferente da edição de um livro convencional de ficção e não ficção. Em função da especialização necessária para ser um editor de livros didáticos, esse profissional acaba se concentrando apenas nesse nicho, dedicando-se a livros específicos, voltados a públicos distintos (aluno e professor), com autores profundamente conhecedores das áreas a que se dedicam. O editor de didáticos pode até transitar por outras áreas, como editar um livro de ficção e não ficção, mas é muito mais difícil acontecer o contrário. É para o profissional de edição que pretende se especializar e atuar nessa área que a LabPub está com inscrições abertas para o Curso Máster em produção de livros didáticos. Com atividades práticas e exemplo reais, os alunos serão apresentados ao mundo da produção de um livro didático em um curso on-line e ao vivo, com 24h de duração. As aulas serão ministradas por Monica Rodrigues, que trabalha como revisora, preparadora de textos e editora há mais de 20 anos. O curso começa no dia 20 de agosto e terá um valor promocional até 15 de junho.

PublishNews, Redação, 07/06/2018

O Instituto Vera Cruz (Rua Baumann, 73 – São Paulo / SP) abriu as inscrições para o processo seletivo de mais uma turma do curso de pós-graduação em Livros, Crianças e Jovens: Teoria, Mediação e Crítica. O curso tem como objetivo refletir sobre a relação cada vez mais complexa das crianças e dos jovens com a leitura literária e proporcionar, por meio de discussões aprofundadas sobre a formação do leitor literário, uma reflexão ancorada em três áreas do conhecimento: a teoria literária, a mediação da leitura e a crítica especializada. Para isso, serão incorporadas à discussão questões como as concepções de infância, as pesquisas didáticas em torno da mediação da leitura, a história da literatura produzida para crianças e jovens no Brasil e as políticas públicas de promoção da leitura. O curso tem duração de quatro semestres, 380h, e é destinado à professores e mediadores de leitura, bibliotecários, profissionais do mercado editorial e interessados em geral. O investimento é de R$ 912 mensais, podendo ser dividido em 24 vezes. O processo seletivo acontece no dia 16, 28 ou 30 de junho e o valor da inscrição é de R$ 120.

PublishNews, Redação, 07/06/2018

O Sesc Ipiranga (Rua Bom Pastor, 822 – São Paulo / SP) realiza entre os dias 8 e 10 de junho, uma feira de publicações que traz textos teatrais, obras críticas e ensaísticas, além de livros independentes de todo o país, exibidos e oferecidos à venda. Parte do projeto Dramaturgias, que apresenta um painel do cenário dramatúrgico contemporâneo brasileiro, a feira conta com a curadoria da cineasta e editora Isabel Diegues (Cobogó), que procurou destacar a produção contemporânea e assim o trabalho de editoras independentes e autores. A atividade é gratuita e acontece com a presença de editoras como Cobogó, Giostri, 7 Letras, Editora 34, Patuá, Malê e Lamparina Luminosa, além das Edições Sesc, cujos títulos abrangem grande variedade temática, inclusive no campo da linguagem dramatúrgica e teatral.

PublishNews, Redação, 07/06/2018

© Alex EhrenzweigO romance Ulysses, marco da literatura ocidental contemporânea escrito pelo irlandês James Joyce, narra os acontecimentos vividos pelo personagem Leopold Bloom durante 16 horas do dia 16 de junho de 1904. Não se sabe ao certo quando as homenagens ao protagonista começaram, mas há décadas, o dia 16 de junho passou a ser internacionalmente conhecido como Bloomsday. Em 2018, as comemorações na cidade de São Paulo completam 31 anos e nos dias 15 e 16 de junho, sexta-feira e sábado, a Casa Guilherme de Almeida (Rua Macapá, 187) e a Casa das Rosas (Av. Paulista, 187) organizam uma programação especial para homenagear o escritor irlandês. Abrindo as celebrações, na sexta (15), das 19h às 21h, Maria Teresa Quirino comandará a palestra Desvendando o Ulysses, de James Joyce, que será realizada na Casa Guilherme. A proposta é traçar um panorama da obra do irlandês. Já no sábado, também na Casa Guilherme, das 15h às 16h15, será a palestra Indeterminação de sentidos no Ulysses de James Joyce, cuja a convidada é Amara Moira. A ideia é discutir a utilização de efeitos sonoros – particularmente das onomatopeias – na obra do irlandês. Logo depois, às 16h30, será o debate via internet Ulisses, um estudo, mediado por Marcelo Tápia, diretor dos Museus-Casas Literários e atual organizador do Bloomsday em São Paulo. O evento festivo O Cidadão em Ulysses fechará as comemorações no sábado, das 19h às 21h30, na Casa das Rosas. O tema deste ano é o capítulo 12 de Ulysses – que conta o episódio do Ciclope, da Odisseia de Homero –, que é quando surge o nacionalista Cidadão, um dos personagens mais marcantes do romance. 

PublishNews, Redação, 07/06/2018

O Centro de Pesquisa e Formação do Sesc (Rua Dr. Plínio Barreto, 285 – São Paulo / SP) apresenta, a partir do dia 12 de junho, um repertório literário de contos de fadas escritos por mulheres ou transcritos a partir da fala de mulheres e que estão disponíveis em edições em circulação no Brasil. O objetivo é ampliar o conhecimento sobre essa produção e, por sua leitura e discussão, descobrir qual a particularidade dos contos de fadas, já que a maior parte das publicações encontráveis no país se restringem aos conjuntos de contos de Charles Perrault, Jacob e Willhelm Grimm e Hans Christian Andersen. Os encontros serão conduzidos por Susana Ventura e acontecem até o dia 3 de julho, sempre às terças, das 19h30 às 21h30. O investimento é de R$ 60. Para se inscrever é só clicar aqui.

“Não tenho mais energia suficiente para suportar a frustração. A escrita é frustração, uma frustração cotidiana, para não dizer humilhação”
Philip Roth
Escritor americano
1.
As aventuras na Netoland com Luccas Neto
2.
A sutil arte de ligar o foda-se
3.
O milagre da manhã
4.
Me poupe!
5.
Seja foda!
Combate espiritual
7.
O poder da ação
8.
Felipe Neto - A vida por trás das câmeras
9.
Sapiens
10.
O poder da autorresponsabilidade
 
PublishNews, Redação, 06/06/2018

Já em clima de Copa do Mundo, o projeto Segundas Intenções convidou este mês, o jornalista esportivo José Trajano para participar de um bate-papo na Biblioteca de São Paulo (Av. Cruzeiro do Sul, 2630 – São Paulo / SP). Trajano já passou por vários veículos de imprensa, como Jornal do Brasil, Folha de S.Paulo, Isto É, Placar, Tv Cultura, Tv Globo, entre outros. É autor de Procurando Mônica, Tijucamérica (Paralela) e Os beneditinos (Alfaguara) e além disso, foi um dos fundadores do canal ESPN no Brasil, comentarista do programa Linha de passe e integrante da primeira formação do Cartão verde, da Tv Cultura. O bate-papo com Trajano acontece neste sábado (9), às 11h, e será mediado pelo jornalista Manuel da Costa Pinto.

PublishNews, Redação, 07/06/2018

A edição número um do Caderno Emília, publicação digital criada com objetivo de aprofundar o debate crítico em torno de temas como a formação de leitores e a promoção do livro e da leitura, já está disponível gratuitamente no site da Revista Emília. Assim como aconteceu com o número zero, a nova edição destaca um autor e um ilustrador, nesta edição, o escritor paulista João Anzanello Carrascoza e a artista mineira Anna Cunha. São mais de 140 páginas com artigos de diversos autores, entre eles a argentina Maria Emília López e a chilena Sara Bertrand. O Caderno Emília integra a Revista Emília, projeto que se tornou referência nas discussões em torno do livro, da leitura e da formação de leitores em toda a América Latina, sendo fonte para professores, pesquisadores e imprensa especializada, reconhecida pelos principais eventos internacionais, tais como a Feira de Bolonha e a Feira de Guadalajara. 

PublishNews, Redação, 07/06/2018

O neurocientista Joseph Jebelli buscou na sua própria história o motivo para escrever Em busca da memória (Crítica / Planeta, 336 pp, R$ 69,90). Ele acompanhou a impotente angústia do seu pai diante da doença que destruiu o cérebro do seu avô Abbas. O volume faz um estudo detalhado desde o descobrimento da doença, em 1906, pelo médico alemão Alois Alzheimer, até as mais modernas e arrojadas técnicas criadas na tentativa de encontrar a cura para essa doença que se tornou uma epidemia mundial. Ele mostra quais estilos de vida contribuem para o desenvolvimento da doença e formas de estimular a mente e até dietas que podem ajudar a desacelerar os efeitos do mal. "Quando criança, vi a doença de Abbas como algo a ser temido e aceito. O Alzheimer era uma cruz invisível e terrível que tinha que ser carregada. Agora eu entendia o quanto esse pensamento era ingênuo. Ao escrever este livro, descobri uma doença bastante intrincada e, no entanto, eminentemente maleável. Vi mentes extraordinárias catapultando a ciência para futuros inimagináveis. Estamos mais perto do que nunca da erradicação do Alzheimer", diz de forma otimista no livro.

PublishNews, Redação, 07/06/2018

Não surpreende pensar que na maior parte do tempo não estejamos conscientes de como, com frequência, não nos sentimos bem. Em nome do sucesso, alguns de nós competimos para ficar mais estressados do que os outros. Em O sistema imunológico a alma (Vozes, 176 pp, R$ 24,90), o autor Mike George elenca 12 doenças que nós aprendemos a criar e nos fazem sofrer. Cada uma tem sua causa e seu sintoma. O objetivo desta obra é ajudá-lo a identificar as várias doenças que você desenvolveu em si mesmo, o ser espiritual e, então, poderá traçar seus próprios passos para restaurar o estado de bem-estar de si mesmo. Mike George espera que essas ideias e reflexões o ajudem a ficar bem, permanecer bem e seguir bem em um mundo onde muitas vezes parece muito mais fácil não se sentir bem.

PublishNews, Redação, 07/06/2018

Dificuldade nos relacionamentos; sentimentos e comportamentos negativos que impedem a convivência em harmonia; doenças emocionais, como a depressão, são temas que dizem respeito a quase todos nós. Sabemos que ser feliz é consequência de relacionamentos equilibrados, onde nos sentimos unidos, respeitados e valorizados nas nossas escolhas e capacidades. A Constelação sistêmica familiar (Alfabeto, 160 pp, R$ 45) demonstra como o respeito às Leis Sistêmicas possibilita relações equilibradas e felizes o que favorece a nossa evolução dentro do grupo familiar e nos empodera para enfrentar os desafios do cotidiano. A obra mostra de forma simples e objetiva o que Bert Hellinger, autor da metodologia, vem divulgando no mundo inteiro inovando métodos terapêuticos com resultados breves e assertivos. Em forma de perguntas colhidas nos mais variados trabalhos desenvolvidos por Emília Santana, este livro é a resposta que o leitor busca para compreender este método e diagnosticar o que está influenciando e gerando resultados limitadores em sua vida.

PublishNews, Redação, 0706/2018

Como os adultos, os adolescentes precisam desesperadamente se sentir amados. Contudo, transmitir essa verdade aos filhos pode ser um grande desafio. As pessoas dão e recebem amor de formas distintas e muitas vezes conflitantes, e as falhas de comunicação podem se tornar dramáticas nessa fase tão confusa da vida que é a adolescência. Pesquisas demonstram que os pais exercem a influência mais significativa na vida de seus filhos. A porta dessa influência é o amor, e, de acordo com o dr. Gary Chapman, a chave para abri-la está em aprender a expressar esse amor numa linguagem que faça sentido para seu filho ou sua filha adolescente. Além de contribuir para o aperfeiçoamento da comunicação, As 5 linguagens do amor dos adolescentes (Mundo Cristão, 272 pp, R$ 44,90) discute alternativas para evitar que seu filho entre na onda de violência e imoralidade.

PublishNews, Redação, 07/06/2018

Com mais de um milhão de seguidores nas redes sociais, Márcia Fernandes é reconhecida pelo jeito irreverente e franco de dar dicas e conselhos espirituais. Como reconhecer uma pessoa tóxica, os temidos vampiros energéticos? Como lidar com a inveja? Sua casa tem encosto? No livro Xô, Encosto! – Como deixar sua casa protegida, sua aura limpa, conquistar amor e sucesso e se livrar de pessoas tóxicas (sem mimimi) (Principium / Globo Livros, 168 pp, R$ 29,90), Márcia divide parte da sabedoria que adquiriu em mais de 40 anos de estudo e trabalho. A sensitiva afirma que o mais importante é ter fé. “Em Buda, em Jesus, em Maomé, em santo, em anjo, não importa a religião. Reze, ore e vigie e viva sua vida com alegria e plenitude”, recomenda Márcia. A obra ainda traz um glossário para entender tudo sobre encosto e pérolas de sabedoria da sensitiva. 

 
©2001-2018 por Carrenho Editorial Ltda. Todos os direitos reservados.
Rua Fidalga 471, Conjunto 3 | Vila Madalena | São Paulo | SP | Brasil | 05432-070
O conteúdo deste site não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.