Apanhadão: textos de Victor Heringer serão publicados por revistas literárias
PublishNews, Redação, 12/03/2018
E mais: Nós prepara mais obras de mulheres, LER anuncia sua primeira mesa e Folha diz que autor brasileiro é o homem por trás do prêmio literário falso 'Babel Book Awards'

A coluna da Babel deste final de semana noticiou que a editora Nós vai investir ainda mais em obras de mulheres este ano. Estão no prelo livros de Márcia Tiburi, Sheyla Smanioto, Micheliny Verunschk e de Bia Barros. A coluna anuncia ainda que a segunda edição do Ler – Salão Literário Carioca também já tem sua primeira mesa confirmada. O evento que acontece em maio, de 17 a 20, terá um bate-papo com Márcia Tiburi e Francisco Bosco que irão debater sobre as lutas identitárias e seus reflexos. Já a Painel das Letras anunciou que os textos do escritor carioca Victor Heringer, que morreu na última semana, sairão em revistas de literatura no próximo mês. A coluna deu destaque também para o Prêmio Oceanos, que intensificou sua ação nos países africanos lusófonos e já conseguiu uma maior participação deles em comparação com a última edição. Por outro lado, o prêmio recebeu até agora 774 livros inscritos, sendo que em 2017 foram 1215. As inscrições acabam no dia 18. A Folha ainda noticiou que o escritor brasileiro Antonio Salvador é o responsável pelo prêmio literário falso, Babel Book Awards. Procurado pelo jornal, ele nega que o prêmio seja falso. Já o "coleguinha" Ancelmo Gois destacou que a Cesgranrio prepara biografia de Bibi Ferreira escrita pela atriz e jornalista Jalusa Barcellos e que a Rocco vai publicar, ainda em 2018, Educated, da americana Tara Westover. Ele conta também que o livro Luís Carlos Prestes, um comunista brasileiro, escrito pela filha Anita Leocádia, saiu na Argentina.

Tags: Apanhadão
[12/03/2018 10:18:00]