Livraria Cultura compra Estante Virtual
PublishNews, Redação, 26/12/2017
​A Livraria Cultura anunciou hoje, 26/12, no Rio de Janeiro a aquisição da plataforma de marketplace de livros Estante Virtual. Publicamos na íntegra o comunicado de imprensa divulgado pela livraria

A Livraria Cultura anunciou hoje, 26/12, no Rio de Janeiro a aquisição da plataforma de marketplace de livros Estante Virtual. Publicamos aqui na íntegra o comunicado de imprensa divulgado pela livraria paulista. Uma análise da aquisição por Carlo Carrenho pode ser acessada em Por que a Cultura comprou a Estante Virtual?.

É com satisfação que a Livraria Cultura anuncia a compra da plataforma online Estante Virtual, líder em marketplace de livros na América Latina. A aquisição desta empresa de e-commerce, com 4 milhões de clientes cadastrados e 17,5 milhões de livros vendidos, vem ao encontro do atual movimento de expansão da Livraria Cultura, iniciado com a aquisição da Fnac no Brasil, em julho de 2017.

Criada em 2005 pelo empresário carioca André Garcia, a Estante Virtual inovou ao se apresentar no mercado como um portal de venda de livros novos, seminovos e usados – incluídos os raros e esgotados -, conectando de forma inédita sebos, livreiros e leitores de todas as regiões do País.

Do ponto de vista de conceito do negócio, a plataforma transformou-se num importante instrumento de bibliodiversidade ao fazer chegar livros de todos os gêneros aos destinos mais remotos do país. Do ponto de vista de eficiência do negócio, conseguiu estabelecer uma política de preços atraente, em transações reconhecidamente seguras.

"As práticas da Estante convergem com os valores da Cultura, uma empresa que começou sua história justamente alugando livros novos e usados, como quis minha avó, Eva Herz. Hoje, mais do que nunca, acreditamos na importância de propagar a cultura do reuso no país. E, através dela, contribuir ainda mais com a democratização do conhecimento, algo que já fazemos não só nos canais de venda, mas também com eventos, publicações, teatros, projetos culturais", explica Sergio Herz, CEO da Livraria Cultura e da Fnac Brasil. “Ao mesmo tempo, a Estante é uma empresa com foco em tecnologia e inovação, também dois dos pilares mais importantes da Cultura, tanto em seus sites quanto em suas lojas”.

Conforme André Garcia, fundador da Estante Virtual, a união entre as duas empresas traz uma série de possibilidades novas: "A Cultura é uma empresa que compartilha de todos os ideais nos quais a Estante foi fundada, entre eles, a bibliodiversidade e o mais profundo respeito com seus parceiros comerciais. Tenho total tranquilidade de que serão os melhores sucessores que poderiam existir para o legado que construí, nesses 12 anos à frente da Estante Virtual."

Ao comemorar 70 anos, a Livraria Cultura insere mais esta aquisição nas suas metas de expansão do e-commerce, projetando um aumento de mais 60% das transações online nos próximos 2 anos. E, mesmo abrindo o seu portfólio para produtos eletrônicos e tecnológicos, com a incorporação da rede Fnac, reforça o compromisso com o produto que está na origem da sua história: o livro. “A partir de agora, Livraria Cultura e Estante Virtual seguirão juntas”, resume Sergio Herz.

[Comunicado de Imprensa da Livraria Cultura em 26/12/2017]

[26/12/2017 18:13:00]