Feira do Livro de Sharjah é oficialmente aberta
PublishNews, Talita Facchini, 1º/11/2017
Governador do emirado que recebe a maior e mais importante feira do livro do mundo árabe diz em cerimônia de abertura que ‘os livros são a luz contra a ignorância’

A 36ª edição da Feira Internacional do Livro de Sharjah começou oficialmente na manhã de desta quarta-feira com uma cerimônia de abertura que reuniu o governante de Sharjah, o Sheikh Sultan bin Mohammed Al Qasimi e o rei Salman bin Abdulaziz Al Saud, da Arábia Saudita.

Feira do Livro de Sharjah é oficialmente aberta | © Talita Facchini
Feira do Livro de Sharjah é oficialmente aberta | © Talita Facchini

Em seu discurso de abertura, o Al Qasimi disse se orgulhar por Sharjah ter sido eleita a Capital da Cultura pela Unesco e ressaltou a importância do livro e da literatura nesse contexto: “Os livros são a luz contra a ignorância”. Já Al Ameri, presidente da Feira ressaltou que Sharjah pode oferecer dois milhões de livros nas bibliotecas de Sharjah e complementou falando sobre a importância do Sharjah Publishing City, inaugurado ontem (31) e da Feira do Livro em si. "Havia algumas dúvidas sobre se a feira conseguiria atrair uma grande audiência, mas ela não conseguiu, como se desenvolveu e tornou-se uma das três feiras de livros mais importantes do mundo", acrescentou Al Ameri.

A cerimônia seguiu com a sua premiação anual, que tem como objetivo promover a produção de publicações de boa qualidade, e o prêmio de Personalidade Cultural do Ano foi para o príncipe Khalid Al Faisal, por ajudar a promover a cultura árabe e a educação. Faisal é atualmente o governador de Meca. 

A Feira segue até o dia 11 de novembro e durante esse tempo irá exibir mais de 1,5 milhão de livros, com 1.650 expositores de 60 países e terá ainda mais de 2.600 eventos.

Tags: Sharjah
[01/11/2017 11:58:00]