Saraiva tem prejuízo de R$ 8 mi no segundo trimestre de 2015
PublishNews, Leonardo Neto, 14/08/2015
Resultados foram apresentados na manhã desta sexta-feira. Rede deve perder duas lojas até o final deste ano.

Saraiva deve fechar duas lojas até o final desse ano | © Divulgação
Saraiva deve fechar duas lojas até o final desse ano | © Divulgação
Na manhã desta sexta-feira, a Saraiva apresentou a acionistas e agentes do mercado os resultados do segundo trimestre, com apresentação dos destaques operacionais e financeiros e das perspectivas futuras. Os números do varejo apontam receita bruta de R$ 415 milhões, o que representa variação positiva de 1% em relação ao mesmo período do ano passado, quando se apurou uma receita bruta de R$ 411,7 milhões. O acumulado do ano aponta renda bruta de R$ 939,9 milhões no primeiro semestre de 2015. Valor 2% menor ao mesmo período de 2014, quando foi apurada uma receita bruta de R$ 958,6 milhões. No segundo trimestre, o lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortização (EBITDA) totalizou resultado negativo de R$ 7,6 milhões versus R$ 6 milhões no mesmo período do ano passado. A companhia credita o resultado ao aumento das despesas operacionais no período e manutenção do volume de vendas. O EBITDA acumulado no ano, no entanto, é positivo e alcançou R$ 3,5 milhões. Os resultados do primeiro semestre de 2014, no entanto, apresentava um lucro EBITDA de R$ 35,2 milhões. Variação de menos 90%.

A Saraiva encerra o segundo trimestre com 114 lojas e com previsão de fechar duas unidades até o final do ano (em junho, a loja do shopping Village Mall encerrou suas atividades). Sem previsão de abertura de novas unidades no ano, postergou para 2016 o início das atividades das lojas do aeroporto de Viracopos, no interior paulista.

Outro destaque dos resultados apresentados hoje é a reorganização societária que permitiu aglutinar todos os ativos editoriais e educacionais em uma única sociedade denominada Saraiva Educação e a celebração, no dia 18 de junho, do contrato de compra e venda desses ativos à Somos Educação (anteriormente chamada Abril Educação) no valor de R$ 725 milhões. De acordo com Marcus Mingoni, vice-presidente financeiro interino do grupo, a venda permitirá à Saraiva otimizar sua estrutura de capital e “servirá primordialmente para dar sustentação ao foco que temos a partir de agora que é o varejo”, disse durante a teleconferência. A concretização desse movimento está ainda condicionada à autorização dos órgãos reguladores. A previsão segundo a Saraiva é que a transação seja concluída até o fim do ano.
Tags: Saraiva
[14/08/2015 11:26:25]

BR75

A BR75 desenvolve soluções personalizadas de criação e edição de texto, design gráfico para publicações impressas e em outras mídias e coordena sua produção editorial. Cuidamos de todas as etapas, conforme as necessidades e características de seu projeto, e sua empresa ganha em eficiência e qualidade. quer saber mais? Fale com a gente ou agende uma visita!

Matérias relacionadas
Diferente do que foi publicado pela Folha no último domingo, varejista faturou R$ 1 milhão em e-books no último mês
Em comparação ao mesmo período do ano passado, EBITDA foi de R$ 20 milhões, 76% maior do que no ano passado, e receitas alcançaram R$ R$ 542,3 milhões, aumento de 3,3%
Comando da empresa suspende bônus para envolvidos na venda dos ativos editoriais à Somos Educação e minoritários elegem dois representantes no Conselho de Administração

Mais de 13 mil pessoas recebem todos os dias a newsletter do PublishNews em suas caixas postais. Desta forma, elas estão sempre atualizadas com as últimas notícias do mercado editorial. Disparamos o informativo sempre antes do meio-dia e, graças ao nosso trabalho de edição e curadoria, você não precisa mais do que 10 minutos para ficar por dentro das novidades. E o melhor: É gratuito! Não perca tempo, clique aqui e assine agora mesmo a newsletter do PublishNews.

Leia também
Pesquisa apresenta o panorama do comportamento leitor do brasileiro
Varejista que opera em aeroportos alegava problemas no seu sistema o que estava impedindo a emissão de relatórios que servem para acerto de consignação de livros
Pelo terceiro mês seguido, os números apresentam curva descendente na comparação anual e a tendência é que piore
Escrever é como fazer polenta: você deve mexer e mexer e, depois, servir.
Ermanno Cavazzoni
Escritor italiano

Você está buscando um emprego no mercado editorial? O PublishNews oferece um banco de vagas abertas em diversas empresas da cadeia do livro. E se você quiser anunciar uma vaga em sua empresa, entre em contato.

Procurar

Precisando de um capista, de um diagramador ou de uma gráfica? Ou de um conversor de e-books? Seja o que for, você poderá encontrar no nosso Guia de Fornecedores. E para anunciar sua empresa, entre em contato.

Procurar

O PublishNews nasceu como uma newsletter. E esta continua sendo nossa principal ferramenta de comunicação. Quer receber diariamente todas as notícias do mundo do livro resumidas em um parágrafo?

Assinar

PublishNews